#3_133 Lucas 1:77-79

“para dar ao seu povo conhecimento da salvação, no redimi-lo dos seus pecados, graças à entranhável misericórdia de nosso Deus, pela qual nos visitará o sol nascente das alturas, para alumiar os que jazem nas trevas e na sombra da morte, e dirigir os nossos pés pelo caminho da paz.”
Lucas 1:77‭-‬79 ARA
https://bible.com/bible/1608/luk.1.77-79.ARA

Zacarias, pai de João Batista, profetiza a obra de seu filho e do Messias. Lindas palavras que traduzem de maneira direta e simples o evangelho da salvação.

A salvação é o processo de redimir o pecador através do perdão de seus pecados. É graça de Deus, desejo dele para com os que não merecem tal benefício porquanto ainda pecam.

A visitação de Deus pela presença de Cristo entre nós é um choque para a humanidade. Todas as perspectivas anteriores era proveniente de um contato de curta duração através de aparições do anjo de Deus ou de profecias dadas aos homens através de um ou outro profeta.

Agora o Filho de revela, evidenciando a obra de Deus de maneira mais profunda e com benefícios que antes não tínhamos acesso. Cristo nos deu poder de falarmos com Deus sem precisarmos de outro intermediário e nem de um local específico.

Nele somos o próprio templo onde o Espírito Santo passa a habitar. Nos tornamos também sacerdotes e temos o privilégio de receber de Deus as palavras de vida para cada um de nós.

Uma mudança de aliança que gera uma mudança de comportamento. A santidade passa a ser fator de manutenção desta comunhão e vontade de alegrar o coração de Deus por tamanha misericórdia recebida.

A luz veio e trouxe a verdade de Deus. Cristo salva o pecador!!!! Quem se esconde da luz permanece nas trevas do pecado. A luz é boa, embora nos revele nosso estado. Importa enxergarmos e termos acesso ao tratamento do que ignora-lo e morrermos por medo de encarar a verdade.

Olhemos para a luz como os insetos se deixam enredar por ela! Que Cristo nos magnetize para a sua presença e sejamos mortos para nossos pecados e alcancemos a vida eterna com ele. A luz de Cristo é a graça de Deus para todo o que crê!

#3_119 Provérbios 1:32-33

Os ingênuos são mortos porque se desviam da sabedoria; os tolos são destruídos por estarem satisfeitos consigo mesmos. Mas o que me der ouvidos habitará seguro, tranquilo e sem temor do mal.”
Provérbios 1:32‭-‬33 NAA
https://bible.com/bible/1840/pro.1.32-33.NAA

Temos sido ingênuos, tolos ou ouvintes a respeito das coisas de Deus? Difícil responder sem recaírmos em algum grau de vaidade. E a vaidade nos leva à tolice. Ser tolo é confiar em si mesmo por causa de experiências vividas.

Vejamos o caso de Saul. Em 1 Samuel 28 o então rei Saul consulta os mortos, algo condenado por Deus desde o princípio em sua palavra, e recebe uma resposta indesejada do além. Não havia recebido de Deus fosse por sonhos, profecia ou por sorte. Então decide fazer o proibido, como se Deus desejasse se comunicar pela forma como já havia condenado.

A experiência do rei não lhe deu resposta melhor do que tinha e piorou sua condição pecaminosa diante de Deus, ainda que confiasse no que estava fazendo. Isto é uma forma de sermos tolos, desobedecendo a Deus para provarmos um entendimento que temos a respeito da vida.

Como podemos evitar sermos ingênuos e tolos? Conhecendo a vontade de Deus pelas escrituras! Deus se revela em Cristo e o evangelho nos fala dos ensinos de Jesus para a igreja. Ouvi-lo sem obedecer é outra tolice. Não ouvi-lo é permanecer na ingenuidade. Obedecê-lo é o único caminho para a verdade.

Oremos para que a nossa vaidade seja retirada de nós, junto com a nossa natureza para o pecado. Jesus se revela em nós por nossa própria obediência. Quando nos rendemos aos pés da cruz é que começamos a entender o seu chamado. Quando respondemos positivamente nos tornamos discípulos.

Mostrar piedade é mais fácil do que segui-lo. Os tolos estão mostrando piedade para esfregar na cara de Jesus que ele não precisava morrer e dar a vida por nós. Esquecem-se de ler as escrituras e entender que salvação não é ganha por obras de musericórdia, mas por vontade de Deus. Por isso a justiça divina não será feita sem que a motivação das obras sejam levadas em consideração.

O ingênuo nem está preocupado com a questão do céu vs inferno, e sua ruína será perceber tarde demais que sem um salvador não há saída para o pecador. Quem não tem pecados? Todos precisaremos de um defensor no Tribunal de Deus!

#3_107 Lucas 13:23-24

E alguém lhe perguntou: Senhor, são poucos os que são salvos? Respondeu-lhes: Esforçai-vos por entrar pela porta estreita, pois eu vos digo que muitos procurarão entrar e não poderão.
Lucas 13:23‭-‬24 ARA
https://bible.com/bible/1608/luk.13.23-24.ARA

Muitos acreditam que não haverá inferno ou tribunal, mas que Deus salvará a todos no fim. Jesus deixou claro que não será assim. Não é ignorando Deus e seus preceitos, o próximo e a criação, vivendo de qualquer maneira que alcançaremos o céu e estaremos livres do inferno.

Ao mesmo tempo fomos ensinados pelo mestre que se o próprio Deus não manifestasse a sua glória e expressasse o seu desejo de salvar, ninguém poderia ser salvo. Assim, há escape providenciado por Deus, mas nem todos conseguirão achar a saída deste mundo para a entrada na eternidade com o Senhor.

É como se estivéssemos em um transporte e houvesse poucas saídas de emergência e estivéssemos na iminência de um terrível acidente. Haverá fogo e o transporte será destruído e nem todos terão tempo de escapar. Quem souber para onde ir e estiver perto da porta conseguirá sair e estará a salvo.

Onde estamos sentados no transporte da vida? Estamos dormindo, sem prestar atenção no caminho e na saída de emergência? Ouvimos atentamente as orientações do responsável pelo transporte a respeito das ações em emergência? Vimos para onde correr se o acidente acontecer?

Muitos prestam atenção nestas coisas apenas para esta vida, mas a Palavra de Deus é o manual do vivente espiritual. Nela estão contidas as orientações para não ficarmos desatentos e estarmos preparados ao ouvirmos o sinal. A porta de saída desta vida é a de entrada para a próxima. Ela é estreita para os céus, larga para o inferno, e precisamos saber para onde ir quando o momento chegar.

Jesus está dando as instruções e é melhor ficarmos atentos! Nele encontraremos a saída e a salvação. Sem ele estaremos perdidos e morreremos quando o fogo chegar!

#3_106 Sabedoria é dada por Deus!

Dá, pois, ao teu servo coração compreensivo para julgar a teu povo, para que prudentemente discirna entre o bem e o mal; pois quem poderia julgar a este grande povo?
1Reis 3:9 ARA
https://bible.com/bible/1608/1ki.3.9.ARA

Desde novo Salomão entendeu que a grande dificuldade é saber discernir entre o bem e o mal. Esta questão tirou Adão e Eva do Paraíso e tira a todos os que desejam, por si mesmos, encontrarem a resposta. Diferentemente de Adão, Salomão pediu que o Senhor lhe desse tal capacidade.

Nossa vida é cheia de decisões que não conseguimos alcançar o fruto. Fazer curso A ou B, trabalhar na área X ou Y? Continuar um relacionamento ou permanecer em um emprego exigente de horas extras? Mudar-se ou permanecer onde estamos?

Noemi e sua família mudaram-se durante a seca que houve em Israel achando que dias melhores viriam na outra terra, mas foi de mal a pior. Saiu rica e com a família, mas voltou pobre e sem marido ou filhos. No entanto conheceu Rute que lhe gerou descendência, a raiz de Davi!

Nossas decisões devem ser feitas em Deus, pois na nossa pequena capacidade de ver os fatos não conseguiremos perceber o que ocorrerá depois de alguns anos. Se formos imediatistas podemos viver para aquilo que enxergamos e se formos preocupados com o que está longe podemos ignorar necessidades urgentes dos que estão a nossa volta.

Por isso importa-nos fazer como Salomão. Que a cada dia busquemos de Deus a direção a tomar e confiemos nela. Difícil é ouvir a princípio, mas com uma vida de leitura das escrituras e oração não seremos confundidos. A palavra nos ensinará os caminhos que não deveremos seguir e nas orações o que Deus tem para as nossas vidas.

Bom é sabermos que Deus se preocupa em nos ajudar, pois é misericordioso. Será que temos o desejo de ouvi-lo antes de decidirmos ou queremos ser como Adão e Eva que desejaram conhecer o bem e o mal para decidirem por si mesmos? Quem depende de Deus permanece no templo e quem deseja decidir por si mesmo fica do lado de fora!

#3_96 Atos 2:4

Todos ficaram cheios do Espírito Santo e passaram a falar em outras línguas, segundo o Espírito lhes concedia que falassem.
Atos 2:4 ARA
https://bible.com/bible/1608/act.2.4.ARA

Enquanto em Babel Deus confundiu as línguas para que os homens pudessem cobrir a face da Terra, no Pentecostes Deus nos deu o Espírito Santo para nos congregarmos diante de sua glória.

No Espírito Santo temos uma só língua e um só entendimento, unidade com o Senhor! Pentecostes significa podermos ouvir a Deus, restauração de comunhão com Ele.

Sem a descida do Espírito Santo ainda estaríamos batalhando com as nossas próprias forças contra o pecado. Seríamos insensíveis a voz do Senhor. Não teríamos o selo em nossas vidas que nos marcam para a entrada na vida eterna.

Pentecostes é cumprimento de promessas, garantia de vida para todo o que crê! Que possamos nos alegrar neste momento, pois Deus reúne o seu povo por meio de sua misericórdia!

#3_80 Lucas 23:42-43

E acrescentou: Jesus, lembra-te de mim quando vieres no teu reino. Jesus lhe respondeu: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso.

Lucas 23:42-43

Esta passagem ilustra as Boas Novas da salvação em Cristo Jesus! Um ladrão vil e mal, sendo crucificado por seus erros e delitos, reconhece o senhorio de Cristo e se rende nos seus momentos finais de vida. Não há tempo de se redimir, seu fim é iminente, não haverá boas obras. O mal já está feito, mas a salvação está ao seu alcance.

A justiça de Deus não é como a nossa. Para o SENHOR todos nascemos em maldade, afastados dele, sentenciados ao inferno. Ainda não evidenciamos externamente o pecado mas iremos fazê-lo, será questão de tempo. Em nosso interior estamos afastados dele. Assim, fazendo muito mal ou pouco mal não há distinção para quem É Santo! Nós é que nos achamos justos ou bons, mas não há ninguém bom!

Em termos espirituais estamos mortos, precisando de um salvador. Em termos carnais podemos até ser considerados bons cidadãos, mas o cidadão celestial tem Jesus Cristo como seu salvador e o Espírito Santo como seu penhor. Os filhos de Deus são os que creem nele e passam a buscar esta vida sem pecados, ainda que pequem de uma maneira ou de outra.

É um processo a ser desenvolvido depois que passamos a crer em Cristo. Ninguém se torna santo por suas próprias obras, mas as obras do Espírito Santo é que tornam o santo apto às boas obras. Os homens e mulheres que fizeram e fazem milagres no Senhor são os que creem nele, não os que são bons o suficiente para merecerem fazer tais sinais.

No Egito, enquanto Moisés fazia os sinais e maravilhas diante de faraó, alguns destes sinais foram replicados pelos feiticeiros do faraó. Nem todo sinal e milagre provém de Deus, mas a salvação vem somente das mãos dEle. Não nos enganemos, nossa percepção de justiça é falha. Só há salvação a partir de Deus, e Cristo é o caminho a verdade e a vida!

Não há outra oração a ser feita que não esta, que o Senhor tenha misericórdia de nossas vidas e nos leve para seu reino de paz, pois Ele É o único que pode nos dar esta dádiva! Sejamos humildes e crentes no Senhor. Louvemos a Deus, pois a sua misericórdia dura para sempre!

Invoquemos o nome do Senhor. Nele há salvação!

Se com a boca você confessar Jesus como Senhor e em seu coração crer que Deus o ressuscitou dentre os mortos, você será salvo. Porque com o coração se crê para a justiça e com a boca se confessa para a salvação. Pois a Escritura diz: “Todo aquele que nele crê não será envergonhado.” Porque não há distinção entre judeu e grego, uma vez que o mesmo é o Senhor de todos, rico para com todos os que o invocam. Porque: “Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.”
Romanos 10:9‭-‬13 NAA
https://bible.com/bible/1840/rom.10.9-13.NAA

Cristo morreu e ressuscitou  para todas as raças, nações, gênero e idades. Não importa quem ou quando conhecemos Jesus, pois a salvação é estar com ele na eternidade. Assim, tanto os que o conheceram no início da vida como os que o conheceram no final terão a mesma oportunidade de adentrar os céus com ele.

Não importa quanto tenhamos pecado, pois o sacrifício de Cristo é superior a todos. Quem crer nele como salvador será salvo! Quem clamar no seu nome estará dando testemunho de fé! Glorificamos a Deus através do nosso testemunho, pela fé, pela atitude, pela obra realizada no Espírito, pela vontade de adora-lo, pela gratidão a respeito da graça recebida!

Não merecendo ser salvos temos tido a oportunidade de recebê-la. A bondade de Deus supera a nossa injustiça. Sendo pecadores somos resgatados por desejo de Deus. Nossa inclinação ao pecado nos afastou do Senhor, mas Cristo nos traz de volta a benção de Deus sobre nós.

O erro da humanidade é achar que Deus tem obrigação de concertar nossos erros. Não tem! Somos os responsáveis pelos danos que causamos às pessoas e à criação de Deus. Quando Ele nos ajuda é por pura misericórdia. Por isso devemos nos arrepender e sermos gratos, pois ter a mão de Deus a nos proteger é uma dádiva, um benefício, um grande livramento.

O mundo continua a fazer suas maldades. Nações gerando guerras e destruição, violências sociais de todo o tipo sendo cometidas em todas as nações, o egoísmo e a ganância continuam a nos cercar. Em Cristo seremos transformados e iremos fugir do pecado. Sem Jesus continuaremos a reproduzir a maldade a nossa volta.

Um dia partiremos deste mundo e seremos confrontados com o que fizemos em vida. Em Cristo estaremos justificados e salvos, mas sem ele iremos para longe de Deus, onde há fogo e cárcere eternos. O mundo pode ser injusto, mas Deus é justo. Aí daqueles que permanecerem em seus pecados porque não creram no Senhor e salvador!

Ano 2#361

Busquemos a vida espiritual!

Tenham cuidado para que ninguém retribua aos outros mal por mal; pelo contrário, procurem sempre o bem uns dos outros e o bem de todos. Estejam sempre alegres. Orem sem cessar. Em tudo, deem graças, porque esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus.
1Tessalonicenses 5:15‭-‬18 NAA
https://bible.com/bible/1840/1th.5.15-18.NAA

Ao final da primeira carta aos Tessalonicenses Paulo dá vários conselhos para que vivamos segundo a vontade de Deus. São práticas que levam à virtude e nos ajudam na caminhada. Precisamos cuidar de como respondemos aos outros pelos atos recebidos, buscando evitar devolver ofensas. Ainda que mexa com o nosso ego precisamos deglutir e enxergar que o mal na verdade é uma ofensa espiritual antes de tudo.

Significa uma afronta do diabo contra a condição de santificação que estamos passando. Se estamos vivendo em Cristo também seremos provocados como ele foi. Ser ofendido só nos causa dano se acreditarmos que a ofensa é contra a nossa dignidade. Se somos Filhos de Deus então sabemos quem somos, quem é o nosso Pai e para onde iremos. Quem nos ofende deveria saber disso e cuidar do que faz, porque o Pai não deixará sem paga quem faz mal aos seus filhos!

Precisamos sim é buscar reverter do coração do ofensor esta prática, paralisando o processo ao não revidar como merecia. Só combatemos estas coisas quando precisamos defender os nossos. Assim como o Pai nos defende devemos defender os que amamos e estão indefesos e suscetíveis ao mal. Ganharemos o mundo não sendo como o mundo é!

Podemos estar sempre alegres se focarmos em Deus e não nas circunstâncias. Assim como um atleta olha para o pódio, um soldado para o fim da guerra, assim é o cristão quando vive olhando para a eternidade com Deus. A visão se torna combustível e a tristeza vai embora. Torna-se motivação para viver e superar toda e qualquer dificuldade. Para tanto precisamos orar sempre, pois isto nos mantém com a mente cativa em Cristo!

Ao dar graças em todas as coisas seremos fortalecidos na prática de viver sob qualquer circunstância, seja boa ou ruim. Não é uma mera questão de ignorar a dor ou problemas, mas saber se conduzir sem ser impactado pelo imediatismo. Nem sempre estaremos na bonanza e nem sempre na tespestade. A gratidão nivela todas as coisas e conseguiremos viver na estabilidade da fé e não na condição momentânea imposta pelo mundo.

Viver para a eternidade é ser estável, praticando a longanimidade e o domínio próprio. O Espírito Santo nos ajudará em todas estas coisas, pois são espirituais. Cumprir a vontade da carne é viver na gangorra emocional, mas pelo Espírito na estabilidade do espiritual. Que o Espírito vença e nossa carne morra, para que nos tornemos semelhantes ao Filho do Altíssimo!

Ano 2#337

Busquemos a Deus com fé!

A ti, que habitas nos céus, elevo os olhos! Como os olhos dos servos estão atentos às mãos dos seus senhores, e os olhos da serva, à mão de sua senhora, assim os nossos olhos estão atentos ao Senhor, nosso Deus, até que tenha compaixão de nós.
Salmos 123:1‭-‬2 NAA
https://bible.com/bible/1840/psa.123.1-2.NAA

Na hora da dificuldade precisamos clamar a Deus. Não importa o que nossos olhos estejam vendo ou os nossos corações estejam sentindo, a última palavra vem do Senhor, o autor da vida!

Muitas são as circunstâncias que podem nos levar ao desespero, mas Deus pode nos livrar de todas. Não devemos ignorar o seu auxílio e nem o seu poder. Na Antiga Aliança o povo de Deus recebeu muitos livramentos em guerras onde estavam em minoria absoluta. Entregaram suas vidas ao Todo-Poderoso e venceram exércitos invencíveis.

Muitas vezes Deus é quem pelejará por nós e veremos a transformação completa do quadro que se apresentava de maneira desvantajoso em completa vitória. Tenhamos fé no Altíssimo, pois nossa constituição é fraca e Ele É poderoso para vencer as nossas batalhas. Confiemos em Deus e façamos a nossa parte. A dEle é a que não temos condições de realizar. Portanto, clamemos ao Senhor que tudo pode!

Seja uma questão financeira, emocional, de saúde, não importa. Se nEle nos refugiados teremos auxílio e proteção. Deus não ignora uma petição de seus filhos. Pelas suas muitas misericórdias pode ser que não ignore a petição de quem nunca o busca também. Por isso, esta é uma oportunidade de buscá-lo de maneira franca, pois ele se agrada de quem dEle se aproxima pela fé!

A vida é um desafio diário e é bom podermos contar com um Pai tremendo. Você já o busca desta forma? Se não, então tenha um encontro com Cristo, aquele que nos leva ao Pai! Jesus é o nosso caminho para Deus, aquele que veio trazer o entendimento certo e abrir as portas do céu para nós. Ele é agora o intercessor e quem nos ajudará nas pelejas da vida. Nele temos acesso ao Senhor Todo-Poderoso.

Em Cristo somos feitos filhos de Deus (João 1.12), aptos a recebermos da graça e da misericórdia. É através dele que podemos clamar ao Pai! Estejamos atentos ao Senhor e esperemos nele a mudança de nossas vidas. Será através de Cristo que teremos este suporte. Oremos em nome de Jesus e agradeçamos, pois pela fé no Senhor poderemos alcançar o que antes nos era impossível!

Ano 2#329