Amar é também saber criticar!

O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
‭‭1Coríntios‬ ‭13:4-7‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/1co.13.4-7.ara

Revisitando a definição de amor na visão de Paulo, percebemos como amar é não limitar a sentimentos, mas perseverar em atitudes em prol de alguém. Amar é proporcionar o melhor de nosso caráter em benefício de outra pessoa, sem contudo estar esperando o mesmo ou qualquer retorno. É doar-se voluntariamente sem esperar reciprocidade.

Quando vemos isto e meditamos passamos a perceber que o alvo é proporcionar a edificação, consolo, conforto e oportunidade a alguém dentro do que estamos em condições de realizar, para que esta pessoa venha a ter também prosperidade espiritual em Deus. Não adianta promover tudo o que posso em prol de alguém sem que esta seja conduzida na direção de Deus, pois isto não será amor de verdade, mas criar uma redoma e colocar alguém ali dentro para nosso louvor e adoração.

Neste cuidado, gostaria de evidenciar que não amamos quando nossas críticas não se revelam edificantes, se tornando apenas piadas ou maneiras de alfinetar alguém. Se não é para edificação, então que não falemos, pois isto não é amar. Nossa vaidade por não entendermos o por que das pessoas tomarem algumas atitudes tiram o foco da melhoria delas e aponta para nosso interesse pessoal em sermos atendidos e não o contrário.

Amor não considera a nossa vaidade, mas a necessidade alheia. Não somos o parâmetro, mas a palavra de Deus é. Devemos olhar a palavra e ministra-la na vida de quem estamos amando, para refletir o amor de Deus e não o nosso. Tratar as pessoas segundo o que eu vejo não é o sublime, mas é o que podemos fazer no momento. Se não crescermos espiritualmente não cresceremos no amar, pois é uma atividade que exige visão espiritual e é Fruto do Espírito Santo em nós.

Que os desejos de amarmos a Deus e ao próximo sejam a nossa prioridade de vida de verdade. Se não forem estaremos vivendo apenas religiosidade não edificante, mas destruidora. Que a nossa crítica seja para edificação. Exortemos com amor e não para pormos mais carga sobre aqueles que estamos buscando amar. Sejamos líderes que lideram por exemplo e não chefes que mandam fazer o que não fazem!

Cuidemos de como criticamos as atitudes das pessoas, pois o objetivo deve ser conduzi-las ao bom proceder e prosperidade, e não afunda-las em tormentos e tristezas. O amor é o dom supremo e a representação máxima do que podemos entender como Deus em nossa limitada capacidade de compreensão. Sejamos imitadores, a imagem e semelhança de Deus, pois é o nosso chamado de adoradores do Pai!

Ano 2#81

As escrituras são um tesouro para nossas vidas!

Bendito és tu, Senhor; ensina-me os teus preceitos. Com os lábios tenho narrado todos os juízos da tua boca. Mais me regozijo com o caminho dos teus testemunhos do que com todas as riquezas. Meditarei nos teus preceitos e às tuas veredas terei respeito. Terei prazer nos teus decretos; não me esquecerei da tua palavra.
‭‭Salmos‬ ‭119:12-16‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/psa.119.12-16.ara

O Salmos 119 é o maior capítulo da Bíblia e leva praticamente 30 minutos para o lermos inteiramente, mas uma vida inteira para podermos testemunhar as palavras do salmista. O gosto pelas Escrituras é adquirido pela experimentação dos versos e capítulos, pela constância na busca pela verdade e no temor a Deus.

Assim como expusemos a importância de guardarmos a palavra de Deus em nossos corações para não pecarmos contra Deus, nos versos anteriores aos que estão nesta mensagem, também precisamos expor que esta prática nos leva a amarmos esta palavra!

O que damos importância e nos envolvemos, isto se torna um tesouro em nossos corações e mentes. Tudo mesmo! Pode ser um trabalho, um hobby, um relacionamento, uma série de TV, qualquer coisa que nos atraia a atenção e passemos horas meditando na experiência que estamos tendo.

O salmista está expondo a importância que a palavra de Deus tinha na sua vida, como ele aprendeu a ama-la e a busca-la como fonte de vida. E nós? Temos percebido esta importância ou estamos recebendo informações de todos os lados e não conseguimos priorizar as palavras do reino de Deus, a mensagem do Evangelho?

O envolvimento do salmista revela sua alegria no meditar e experimentar o caminho proposto pela palavra de Deus, um tesouro para ele maior que qualquer riqueza deste mundo. Não é apenas o nos afastarmos do pecado por conhecermos os preceitos de Deus, mas também pela vida mais abundante que as escrituras nos trazem, a filiação e comportamento transformado pela fé nestas palavras.

E a palavra é a própria manifestação de Deus! Todo o Samos 119 revela a beleza, importância e maravilhas presentes nas escrituras, revela muitas faces do Senhor, as Suas misericórdias e a nossa transformação por elas. A palavra é a voz de Deus para nós. Se meditarmos nela estaremos ouvindo Deus falar conosco. Muitos esperam apenas ouvirem pelo sobrenatural, mas se esquecem que a revelação de toda a escritura veio pelo sobrenatural e é entendida também assim!

Mais uma vez estamos promovendo a importância de buscarmos nos aprofundar no conhecimento do Senhor a partir dos textos Bíblicos. Separemos mais tempo para meditarmos. Sem isto não teremos uma vida plena, como se fôssemos atletas despreparados para o esporte porque não se alimentaram, não se exercitaram e nem praticaram para o dia da competição.

São as escrituras que nos ensinam a Cristo e a salvação contida em sua redenção. Nas escrituras entendemos nossa natureza e a natureza divina, a graça e a misericórdia que nos trazem o amor sem merecimento. Que as escrituras ganhem mais importância em nossas vidas, porquanto estaremos também adorando ao Senhor ao darmos atenção à Sua voz a partir da meditação diária!

Ano 2#80

A esperança está em Deus!

Ao desembarcar, viu Jesus uma grande multidão e compadeceu-se deles, porque eram como ovelhas que não têm pastor. E passou a ensinar-lhes muitas coisas.
‭‭Marcos‬ ‭6:34‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mrk.6.34.ara

Jesus sempre estava ensinando e este foi um dos ministérios a que mais se dedicou em sua passagem pela Terra. Ao se compadecer da humanidade ensinava. Veio até nós para nos ensinar o caminho a seguir para o Pai e é por isto que ainda hoje é importante que seus ensinos permaneçam sendo transmitidos de geração em geração.

Jesus curou e alimentou aos que o buscavam, mas discipulou mais que tudo o que fez entre nós. Não é cura que nos traz salvação. Não é alimento que nos traz salvação. É o conhecimento de Cristo que salva e, por isso, Jesus se apresentou a nós!

Nossa compaixão por vidas em qualquer situação pode e deve nos mover a ajudar de todas as formas, mas sempre deve nos compelir a evidenciarmos a obra redentora de Cristo. Sem isto a humanidade permanecerá em suas mazelas e terá sido em vão a ajuda enviada, ainda que consigamos reduzir a violência, tristeza, fome, doença, pobreza e o cárcere dentre outros problemas sociais que enfrentamos todos os dias.

Sem o conhecimento e o temor a Deus não haverá mudança de vida e nem de estado de espírito, não haverá esperança de dias melhores e nem o desejo de ajudarmos permanecerá. Se o caos progredir e a fé se esfriar, não restará muito a fazer. Oremos para que a luz do mundo seja irradiada a todo momento e vidas sejam alcançadas. Preguemos o evangelho de Cristo e confiemos que a Palavra atingirá o propósito para o qual foi enviada!

Ano 2#74

Conhecimento sem sabedoria leva ao pre-conceito!

Eis aqui o meu servo, a quem sustenho; o meu escolhido, em quem a minha alma se compraz; pus sobre ele o meu Espírito, e ele promulgará o direito para os gentios. Não clamará, nem gritará, nem fará ouvir a sua voz na praça. Não esmagará a cana quebrada, nem apagará a torcida que fumega; em verdade, promulgará o direito. Não desanimará, nem se quebrará até que ponha na terra o direito; e as terras do mar aguardarão a sua doutrina. Assim diz Deus, o Senhor, que criou os céus e os estendeu, formou a terra e a tudo quanto produz; que dá fôlego de vida ao povo que nela está e o espírito aos que andam nela. Eu, o Senhor, te chamei em justiça, tomar-te-ei pela mão, e te guardarei, e te farei mediador da aliança com o povo e luz para os gentios; para abrires os olhos aos cegos, para tirares da prisão o cativo e do cárcere, os que jazem em trevas. Eu sou o Senhor, este é o meu nome; a minha glória, pois, não a darei a outrem, nem a minha honra, às imagens de escultura.
‭‭Isaías‬ ‭42:1-8‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/isa.42.1-8.ara

No Evangelho de Mateus, capítulo 12 e versículo 17 o evangelhista destaca em Jesus o cumprimento desta passagem de Isaías, pois Cristo havia deixado a cidade e as pessoas o seguiram, foram curadas de todas as enfermidades e foram orientadas por ele que não fizessem propaganda do ocorrido. Jesus não queria movimentos políticos, atenção demasiada nos sinais que realizava, tão somente queria expor a graça de Deus para as pessoas.

Isaías, contudo, profetizou que isto chegaria aos gentios e estes é que mais se beneficiariam pelo Servo do Senhor. Jesus não foi recebido pelo povo judeu, mas os gentios o receberam e se tornaram a igreja. A luz veio ao mundo e os que estavam em trevas a viram. No entanto, os que desconheciam as promessas é que se achegaram a luz, enquanto os que conheciam se afastaram dela. Este mistério é resolvido quando entendemos que conhecimento é diferente de sabedoria!

A sabedoria usa o conhecimento para reforçar um fundamento, mas o conhecimento sem sabedoria nos leva a pré-conceitos, vida superficial e ignorância espiritual. Quantas vezes sabíamos que algo não estava certo e não nos importamos em ver e/ou participar? Isto é ter ciência e não ser sábio. O sábio se afasta do problema, pois é sensato. Ter conhecimento não significa possuir sensatez, apenas teve acesso à informação. Sabedoria é saber fazer bom uso do que aprendemos!

Assim, os gentios foram sábios enquanto os judeus foram considerados insensatos por Jesus. Ele veio para cumprir as promessas sobre o povo judeu, mas estes queriam um messias político e militar, não alguém que iria trazer o Reino de Deus aos corações. O que é melhor, combater uma nação poderosa com a força ou transformar o coração e a mente das nações em prol da paz e do respeito mútuos? O sábio buscará a segunda opção, enquanto o que só possui conhecimento dirá que a melhor defesa é o ataque contra o inimigo.

Jesus veio nos ensinar que não somos inimigos entre nós, veio nos libertar da necessidade de nos defendermos o tempo todo, pois irmãos espirituais se ajudam e não se matam, perdoam-se ao invés de entrar na justiça por ter sido ofendido, estendem a mão ao invés de pisar sobre as de quem está a cair no abismo. Cristo veio trazer luz a um mundo corrompido e sairá vitorioso porque o Pai está providenciando a destruição dos verdadeiros inimigos nossos, as potestades espirituais que trabalham contra as nossas vidas.

Deus não compartilhará a sua honra com nenhum ídolo e todos saberão que só há um único Deus e Pai dos que creem em Jesus Cristo. A terra estremecerá e os tidos conhecedores da verdade do mundo não poderão dizer que não souberam a respeito do Filho, pois o Evangelho terá sido pregado em todo o mundo. O tempo se abrevia e nos alegramos em ver os sinais do retorno do Senhor! Maranata, ora vem Senhor Jesus!

Busquemos a sabedoria, pois é vida para nós e presença de Deus em nossos caminhos. Deixemos de perseguir a pura ciência sem experiência com Deus, pois falar do que não conhecemos é construir muros de pre-conceito ainda maiores do que já existem em nossas mentes e corações. Creiamos na missão do Filho, pois veio para nos libertar e nos levar ao Pai e recebermos a filiação celestial!

O temor do Senhor é o princípio do saber, mas os loucos desprezam a sabedoria e o ensino.
‭‭Provérbios‬ ‭1:7‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/pro.1.7.ara

Ano 2#70

Usemos mais as ferramentas de busca para entendermos as coisas de Deus!

Portanto, se fostes ressuscitados juntamente com Cristo, buscai as coisas lá do alto, onde Cristo vive, assentado à direita de Deus. Pensai nas coisas lá do alto, não nas que são aqui da terra; porque morrestes, e a vossa vida está oculta juntamente com Cristo, em Deus. Quando Cristo, que é a nossa vida, se manifestar, então, vós também sereis manifestados com ele, em glória.
‭‭Colossenses‬ ‭3:1-4‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/col.3.1-4.ara

Onde buscamos manter nosso foco será para onde canalizaremos nossas forças e pensamentos. Queremos ir para o céu, mas quanto temos pensado no lugar para onde vamos? Ao crermos em Cristo recebemos um passaporte para os céus e deveríamos viver com as nossas mentes lá, ainda que com os corpos aqui. É como desejar uma viagem a outro país e nunca buscar nenhuma informação à respeito dele estando já com as passagens marcadas!

A impressão é que temos uma viagem à frente que não é importante, mas o deixar as coisas aqui prontas para quando partirmos seja o principal. O problema é que o conhecimento do lugar para onde iremos nos capacitará a vivermos muito melhor aqui e agora, favorecendo nossa peregrinação aqui e ainda o conhecimento daquele lugar para outros. Quando estamos envolvidos com um assunto acabamos por falar dele com outros., não é mesmo?!

Mas, se o céu é apenas um assunto para depois, então não irei me ocupar das coisas do alto agora. Esta atitude não será útil neste momento e em nenhum outro, pois o conhecimento do alto é que nos capacita a vivermos cada vez melhor. Não busca-lo é viver ainda nas restrições de outrora, com uma visão terrena e sem armas espirituais. Precisamos buscar as coisas do alto para trazermos Cristo em nossas vidas. Sem isto, só nos frustraremos em permanecer em uma vida sem impacto e sem fruto, ainda que tenhamos as passagens e o visto para o lugar da glória de Deus!

Aproveitemos os dias para mergulharmos na comunhão do Espírito Santo, como se quiséssemos entrar diariamente em uma biblioteca celestial e ir conhecendo as coisas do alto. Fazendo assim não só teremos nossas mentes transportadas desde já, mas estaremos nos capacitando a trazer para cá a vida, o poder e o Fruto que o Espírito deseja manifestar em nós. Sem atitude permaneceremos no mesmo lugar. O tempo é Hoje e a direção é para o alto, onde vivo está o Senhor!

Precisamos fazer a busca por assuntos celestiais, sendo as palavras-chave: Jesus, Reino de Deus, Amor, Fé, Esperança, Santificação, Vida Eterna, Adoração e muitas outras. Um livro especial é a Bíblia que é a enciclopédia deixada por Deus para nós e que contém tudo o que precisamos. Outros livros existem para nos ajudar a entendermos os textos ali contidos e falam da experiência e estudo dos seus autores na busca do alto. Importa lermos mais, meditarmos mais e orarmos mais. Esta preparação é que nos permitirá deixar as coisas aqui arrumadas para a nossa ida e veremos que não levaremos nada conosco.

Bom, se é assim, não seria melhor encher a mala com o que vou precisar lá, já que nada do que tenho aqui poderá ir comigo a não ser as pessoas que aqui conheci? Se estamos indo para lá e nos enchendo das coisas de lá, então veremos o que realmente importa aqui e seremos sábios nos dias que nos restam. Seremos mais úteis ao nosso próximo e serviremos muito melhor! Apontemos o “browser” para a Palavra de Deus e falemos mais das coisas do alto. Todos ganharão com isto e Deus será glorificado!

Ano 2#68

Devemos buscar o Filho se quisermos o Pai.

O Pai ama ao Filho, e todas as coisas tem confiado às suas mãos. Por isso, quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, todavia, se mantém rebelde contra o Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus.
‭‭João‬ ‭3:35-36‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.3.35-36.ara

O evangelhista e apóstolo João mostra claramente que sem conhecermos a Cristo não teremos oportunidade de entendermos verdadeiramente o Pai. Quem não conhecer o Filho não conhecerá o Pai. E o desconhecimento de Deus nos leva a uma vida longe de seus propósitos.

O que fazer quanto a isto? Os que já creem devem expressar a vida de Cristo para ser manifesta aos que não creem ou não o conhecem. Sem testemunho, apenas com sinais e prodígios a atenção do descrente será alcançada. Deus providenciará que uma ou outra aconteça através de seus servos!

A vida eterna começa na transformação do caráter do homem para refletir a imagem e semelhança de Deus. Enquanto a transformação do caráter é obra do Espírito Santo, o testemunhar o novo caráter é a nossa obra. Assim é a cooperação entre nós e o Espírito. Sem ele não há renovação de vida, mas ele não realiza as obras que cabe a nós realizarmos.

Portanto, não receber o Espírito através da fé em Cristo é permanecer na busca de obras que não glorificam a Deus, ou realizar obras para tentar mostrar que merecemos a salvação ou nem uma coisa e nem outra. Sem termos o propósito alinhado com Deus é como jogarmos futebol sem sabermos para que gol correr. Queremos jogar e chutar, mas sem entender o motivo ou o objetivo a alcançar.

Cristo nos dá a verdadeira motivação, objetivo e a explicação de quem é Deus. Até entendermos isto permaneceremos na ilusão de sabermos quem somos e para onde vamos. Na nossa arrogância permaneceremos na rebeldia, mas na nossa humildade encontraremos a direção em Cristo para seguirmos no amor de Deus.

Ano 2#67

Qual o papel da fé na evolução do homem?

Disse também Deus: Haja luzeiros no firmamento dos céus, para fazerem separação entre o dia e a noite; e sejam eles para sinais, para estações, para dias e anos. E sejam para luzeiros no firmamento dos céus, para alumiar a terra. E assim se fez. Fez Deus os dois grandes luzeiros: o maior para governar o dia, e o menor para governar a noite; e fez também as estrelas. E os colocou no firmamento dos céus para alumiarem a terra, para governarem o dia e a noite e fazerem separação entre a luz e as trevas. E viu Deus que isso era bom. Houve tarde e manhã, o quarto dia.
‭‭Gênesis‬ ‭1:14-19‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/gen.1.14-19.ara

Não há como em tão pequeno texto sermos capazes de resumir sem trazer simplificações grotescas ao entendimento de um assunto tão profundo se não adensarmos nosso discurso. Querendo falar da fé entre o Criacionismo e o Evolucionismo, tentaremos exemplificar a importância de olharmos o quadro geral ao invés de debates mais específicos.

A Bíblia expõe a criação do universo em uma sequência temporal que declara a vontade de Deus de gerar um ambiente pronto para a habitação da Sua criação. Assim vemos a geração de bilhões de estrelas de forma magnífica para que os tempos fossem estabelecidos para o acompanhamento da nossa história. O que sabemos pelas Escrituras é que ao sermos criados, já na forma adulta e sem uma derivação de algum tipo de criatura pré-existente, o universo já tinha uma aparência de bilhões de anos.

Assim como o homem foi criado já com aparência adulta, pelo entendimento bíblico, o universo também foi definido assim. Se usarmos nossa ciência, pelos cálculos de movimento de galáxias, teríamos bilhões de anos de existência do universo, e ainda assim estamos tateando para justificarmos se está em expansão ou contração, e nem temos como garantir que a teoria do Big-Bang (criada por um homem de fé), é verdadeira!

Quanto mais mergulhamos na ciência, mais nos maravilhamos com o detalhe do funcionamento do universo e da vida. Quando olhamos para as tecnologias humanas do 5G, dos carros elétricos, dos foguetes que levam máquinas a funcionarem em outros planetas já ficamos boquiabertos com a precisão e a beleza de como funcionam. E funcionam porque estão estabelecidos em conceitos matemáticos, materiais, química, física, teorias advindas do conhecimento do universo. Assim como vemos o design inteligente de carros e smartphones, como dizer que o universo é função do acaso?

Acreditar no acaso depois de estudarmos tanto para entender um funcionamento é ir na contramão da ciência. Portanto, ignorar o design inteligente não é nem fé e nem ciência, mas teimosia em não dar crédito a Deus! Cada um dará conta de sua teimosia, pois a natureza mostra em detalhes o cuidado de sua criação e evolução (Romanos 1). A partir da criação com idade aparente todos os seres se adaptaram às mudanças ambientais e da alteração causada pelo pecado do homem, que deixou de ser apenas herbívoro para se tornar onívoro. Tudo isto está explicado na Bíblia, mas a ignoramos e, muitas vezes, preferimos desconhecer para critica-la. A verdade é que ao conhece-la vamos nos rendendo a Deus por Sua imensa sabedoria e zelo para conosco!

A fé é acreditarmos que Deus criou o universo e suas leis, que o homem é criação cuidadosa de Deus e que se seguirmos o que Ele estabelece em Seu manual de vida, a Bíblia, seremos felizes em nosso pequeno tempo de vida. Ao querermos ignora-lo acabamos por gerar um caos à nossa volta e perdemos parâmetros para nos relacionarmos com Ele e com os demais homens. Interessante notar quantas descobertas científicas foram feitas por homens tementes a Deus! A ciência não impede a fé e nem a fé ao crescimento da ciência. Isto só ocorre quando há negacionismo por desconhecimento das coisas. Quanto mais conhecermos mais nos renderemos a Deus.

A verdadeira evolução é fruto do conhecimento em todas as áreas. Quanto mais meditarmos e estudarmos as Escrituras e toda ciência, mais nos aproximaremos do entendimento de um Criador amoroso e isto nos trará uma humildade cada vez maior até em relação ao nosso próximo. A fé traz respeito e revelação do amor para conosco e esta se chama Cristo, o verbo que gerou a vida em todo o universo!

No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e, sem ele, nada do que foi feito se fez. A vida estava nele e a vida era a luz dos homens. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela.
‭‭João‬ ‭1:1-5‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.1.1-5.ara

Ano 2#65

Devemos buscar o alimento divino!

Trabalhai, não pela comida que perece, mas pela que subsiste para a vida eterna, a qual o Filho do Homem vos dará; porque Deus, o Pai, o confirmou com o seu selo.
‭‭João‬ ‭6:27‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.6.27.ara

Não podemos ficar sem nos lembrarmos do verdadeiro foco em nossas vidas. Temos muitas atividades, fazemos muitas coisas e nossas mentes não param de pensar o tempo todo. Mas, por que fazemos o que fazemos e para quem estamos fazendo?

Jesus Cristo nos ensina a não fazermos as coisas no automático, para que não caiamos no erro de vivermos pelas coisas visíveis e naturais. Nosso foco deve ser sempre em agradar a Deus, buscando as coisas do alto, nos alimentando espiritualmente e trabalhando para conquistarmos estas coisas.

Se ficarmos olhando apenas para este mundo a fim de conquista-lo em termos materiais, então faremos muito pouco ainda que sejamos bem sucedidos. O verdadeiro sucesso é vivermos para Deus, neste mundo, para que ganhemos para o próximo que virá. Aqui é só o início de uma jornada, que prosseguirá em um ambiente totalmente diferente.

Estamos vivendo como uma lagarta que em breve entrará em um casulo aguardando a transformação de nossos corpos mortais em corpos imortais. Hoje estamos nos arrastando pela terra, preocupados em comer folhas, mas estamos sendo chamados para voarmos!

Enquanto “comedores de folhas”, olhemos para os céus, para que estejamos atentos a buscarmos as folhas certas e levarmos outros conosco para a presença daquele que é o único que pode transformar lagartas em borboletas.

Muitos na tentativa de apenas comer se esqueceram do seu propósito e não estão atentos ao processo. As crisálidas não surgirão em volta de todas as lagartas, pois não estão se alimentando das folhas certas. Busquemos a Cristo e sejamos sadios para a vinda vindoura! Sem ele, estaremos fracos e doentes e não conseguiremos fazer a transição…

Ano 2#63

Casamentos são preciosos aos olhos de Deus!

Então, respondeu ele: Não tendes lido que o Criador, desde o princípio, os fez homem e mulher e que disse: Por esta causa deixará o homem pai e mãe e se unirá a sua mulher, tornando-se os dois uma só carne? De modo que já não são mais dois, porém uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem.
‭‭Mateus‬ ‭19:4-6‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mat.19.4-6.ara

Aos casados pergunto: Estamos vivendo a realidade de que não somos dois, mas uma só carne com nossos cônjuges? Deus está no centro de nossas vidas? Estas duas perguntas são o cerne do relacionamento conjugal. Se Deus não estiver em primeiro lugar, não temos como nos amalgamar com o nosso cônjuge. Não haveria a mistura de nossos espíritos, pois ainda somos seres independentes de Deus.

O casamento no civil veio quando a autoridade de Deus não foi aceita no meio dos homens, ainda que entendam a função procriadora do casamento. O projeto divino é muito maior! Casamentos, na concepção de Deus, são vidas que se unem em um mesmo propósito de glorificarem juntos a Deus, através de projetos comuns e vida em comunhão com o SENHOR. O primeiro casal perdeu a comunhão com Deus e, por isso, até hoje a humanidade tem dificuldade com a execução do projeto divino.

Quem se casa apenas no civil pode achar que a sua atitude não tem a mesma importância diante de Deus, mas tem. Casamentos se dão entre as pessoas e quando não pedimos a benção de Deus estamos começando sem o elemento principal que nos dá o poder de irmos até o fim. Por isso é tão comum quando se apenas assina um contrato pensar que este possua cláusulas de cancelamento e finalização do acordo.

Mas, não era assim desde o princípio. Para Deus os casamentos são indissolúveis, ainda que as pessoas acreditem que tenham todo o direito de se separarem. Este é um conceito do mundo, mas estamos falando do Evangelho. A Mensagem do Evangelho é que casamentos devem ser feitos diante de Deus para toda a vida do casal. Este é o princípio e, se quisermos agradar a Deus, assim devemos planejar e realizar. Necessário será conhecermos a pessoa, não praticar imoralidades com ela antes do casamento, pois isto pode gerar filhos ou um relacionamento inadequado antes de firmarem a aliança.

O mundo pode dizer o que quiser, mas diante de Deus o casamento continua sendo uma aliança comparável a que temos com o SENHOR, inseparável, que não deve ser negociada e nem adulterada. Aos solteiros sugiro pensarem bem com quem irão se casar e o que estão fazendo em seus namoros. Casamento é para toda a vida e com quem iremos passa-la? O que semearmos iremos colher!

Que Deus abençoe os casamentos dos que realmente buscam uma aliança e abra o entendimento dos que ainda não enxergaram a importância! Tudo seja para a honra e glória do SENHOR, pois o casal unido em Deus é poder dos céus na Terra e um lugar de vida para os filhos que virão, em nome de Jesus!

Ano 2#59

Desejamos cear com Jesus!

E, tomando um pão, tendo dado graças, o partiu e lhes deu, dizendo: Isto é o meu corpo oferecido por vós; fazei isto em memória de mim. Semelhantemente, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este é o cálice da nova aliança no meu sangue derramado em favor de vós.
‭‭Lucas‬ ‭22:19-20‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/luk.22.19-20.ara

Como perpetuar a memória de alguém por mais de 2000 anos? Jesus Cristo determinou a Ceia do Senhor como um memorial até que ele volte! Assim temos feito e não nos esquecemos da aliança bendita feita em seu sangue, ainda que seja para a nossa vergonha pois foi por causa de nossos próprios pecados. Mas esta vergonha se transforma em gratidão, pois ninguém seria capaz de se auto-salvar através das obras da Lei!

Deus estabeleceu todas as coisas debaixo de ordem e obediência. A queda de Adão e Eva nos tirou do paraíso e nos transtornou a ponto de não conseguirmos mais viver conforme a vontade de Deus. Em pouco tempo a civilização humana se desviava e Deus providenciava uma maneira de realinhar o coração da humanidade, até que a plenitude dos tempos chegou em Jesus.

Cristo é a solução definitiva prometida na queda de Adão, quando o SENHOR disse que o descendente do homem pisaria na cabeça da serpente. Esta é a redenção prometida em Cristo e que já dura dois milênios! Ainda há um tempo para se completar o ciclo do tempo dos gentios, quando então o SENHOR resolverá as questões em aberto com o povo de Israel.

Estamos vivendo o final do tempo dos gentios, o que significa que Israel começará a ser alvo cada vez maior de perseguições. Assim também estamos no princípio das dores, quando as repetições de casos como vulcões, terremotos, fomes, pestes e guerras se multiplicam em maior frequências a nossa volta. Em breve Jesus voltará e a Ceia do Senhor será tomada com ele no céu, finalmente!

Enquanto isto, continuemos a nos lembrar de tão grande obra redentora, maravilhosamente escondida do mundo e que até hoje causa escândalos até mesmo dentro de famílias consideradas Cristãs. A salvação pela fé em Cristo é uma revelação dos Evangelhos e não está tão clara no Antigo Testamento. Em Cristo fomos aperfeiçoados e quem vive na Lei não conseguirá jamais entender a graça salvífica se Cristo não lhe mostrar!

Oremos para que muitas vidas tenham este encontro com o Senhor e sejam salvas, em nome de Jesus! As boas obras devem seguir por gratidão da salvação recebida e não como moeda de troca com Deus. Afinal, o Senhor não é obrigado a nos dar nada, pois já nos deu tudo e nós é que estamos a usar mal as dádivas recebidas! A graça superabundou onde abundou o pecado!!!

Ano 2#53