Antes de reclamarmos precisamos ter gratidão!

e disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu voltarei; o Senhor o deu e o Senhor o tomou; bendito seja o nome do Senhor!
‭‭Jó‬ ‭1:21‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/job.1.21.ara

A humanidade muitas vezes se perde na condição de ter direitos, mas se esquece de primeiro perguntar quem lhe deu a vida. Há filhos que odeiam seus pais porque não lhe deram o que pediu, mas se esqueceram de que estão vivos por causa destes pais que se uniram e lhe deram a vida!

A Bíblia nos ensina a honrarmos pai e mãe para que tudo vá bem em nossas vidas, pois este é o primeiro mandamento com promessas como o Senhor nos ensinou. Portanto, antes de acharmos que merecemos algo de nossos pais precisamos ser gratos a eles.

A mesma coisa para com Deus! Jó entendeu e praticou este ensino, não pecando contra Deus em seu maior momento de perda. Ele não murmurou e nem amaldiçoou, apenas se humilhou e trabalhou o luto em seu coração. Há grandes perdas à nossa volta, mas Deus continua a olhar para nós com tesouros guardados para tempos oportunos.

Jó foi testado pelo diabo e achado justo por Deus, ainda que tenha vacilado ao ignorar a pré-ciência divina e sua misericórdia. Jó creu no redentor e isto lhe deu a paz para atravessar a tempestade.

Porque eu sei que o meu Redentor vive e por fim se levantará sobre a terra. Depois, revestido este meu corpo da minha pele, em minha carne verei a Deus. Vê-lo-ei por mim mesmo, os meus olhos o verão, e não outros; de saudade me desfalece o coração dentro de mim.
‭‭Jó‬ ‭19:25-27‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/job.19.25-27.ara

Na fé ele foi sustentado porque entendeu a proposta de vida eterna do Pai! Jó foi restabelecido e se alegrou com sua vida restaurada. Precisamos olhar para Deus e agradecermos por nosso fôlego de vida. Nada é nosso e estamos de passagem. Nus viemos e nus sairemos desta terra, pois nada daqui servirá para a dimensão celestial. Apenas o bem que fazemos aqui nos acompanhará porque feitos na fé daquele que nos redimiu de nossos pecados.

Que possamos olhar para Deus com fé e gratidão, ainda que os dias sejam difíceis. No final veremos que tudo era passageiro e o Senhor nos deu vitória em Cristo Jesus, aquele que vive para sempre e nos comprou para sermos herdeiros juntos com ele das promessas celestiais!

Ano 2#78

Guardemos os mandamentos e caminhemos no caminho proposto!

“Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; assim como também eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai e no seu amor permaneço.”
‭‭João‬ ‭15:10‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.15.10.ara

Este é o preço de se andar com Jesus. A salvação é Cristo carregando a cruz de todos nós para nossa salvação, enquanto a santificação é cada um carregando a sua própria cruz seguindo a Cristo. Só Cristo poderia carregar a cruz de todo o mundo, pois só ele foi achado digno. Nele não havia pecado. Agora, cada um de nós tem a capacidade de caminhar com Cristo após a redenção recebida na cruz!

A salvação é recebida pela graça dada por Deus, mas não foi gratuita para quem a pagou, Jesus Cristo. Foi pago um alto preço, a vida do Justo, do Cordeiro Santo! Ao recebermos a graça passamos a caminhar com Jesus e iremos perceber a necessidade de nos desfazermos de alguns comportamentos e adquirirmos outros. Passamos do senhorio do pecado para o senhorio de Cristo e isto significa guardar os seus mandamentos.

Guardar um mandamento é recebe-lo e obedece-lo. Sem conhecer fica difícil obedecer. Conhecer a Cristo se faz, portanto, necessário. E é nesta caminhada que iremos carregar a nossa cruz porquanto, por vezes, será pesado deixar para trás pecados e também árduo adquirir virtudes. Jesus declarou que o fardo dele é leve e o jugo dele é suave, enquanto manter-se no pecado do mundo não é! O Espírito Santo será nosso guia, nos segurando pelas mãos, mas cada um deverá se esforçar para ir até o fim! Devemos estar alegres pois temos auxílio, direção e a certeza de que nossa perseverança agrada o coração de Deus, mas ao mesmo tempo entendendo de que este frutificar vem do próprio Deus que depositou em nós o Seu Espírito.

É um misto de esforço próprio e ajuda divina, uma cooperação transformadora que edifica em nós um caráter transformado. Carregar nossa cruz e seguir a Cristo tem um custo pessoal que também não é pouco para cada um de nós e precisa ser levado em consideração para não desistirmos no meio do caminho:

Se alguém vem a mim e não aborrece a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs e ainda a sua própria vida, não pode ser meu discípulo. E qualquer que não tomar a sua cruz e vier após mim não pode ser meu discípulo. Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para a concluir? Para não suceder que, tendo lançado os alicerces e não a podendo acabar, todos os que a virem zombem dele, dizendo: Este homem começou a construir e não pôde acabar.
‭‭Lucas‬ ‭14:26-30‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/luk.14.26-30.ara

Sim, exige um esforço pessoal mas a recompensa já está à nossa frente e é a eternidade! Caminhemos no caminho proposto pelo mestre e vivamos com alegria, pois temos cuidado e direção, proteção e fortalecimento para todo o caminho a trilhar! Tenhamos fé, pois sem isto não conseguiremos chegar na cruz de Cristo, receber a redenção e nem carregar a nossa cruz. Sem fé não teremos confiança na cooperação do Espírito Santo e nem a certeza da recompensa. Sem fé não teremos a capacidade de enxergarmos o caminho que por vezes não será visível, apenas audível.

Oremos por conhecermos mais e mais a Cristo!

Ano 2#72

Clamemos, reedifiquemos e estejamos atentos. Grande é a obra a ser feita!

Mas, ouvindo Sambalate e Tobias, os arábios, os amonitas e os asdoditas que a reparação dos muros de Jerusalém ia avante e que já se começavam a fechar-lhe as brechas, ficaram sobremodo irados. Ajuntaram-se todos de comum acordo para virem atacar Jerusalém e suscitar confusão ali. Porém nós oramos ao nosso Deus e, como proteção, pusemos guarda contra eles, de dia e de noite.
‭‭Neemias‬ ‭4:7-9‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/neh.4.7-9.ara

Neemias conseguiu os recursos para a reconstrução dos muros de Jerusalém no tempo em que o povo estava no exílio babilônico e teve bom êxito para levantar também o ânimo do povo que lá estava para realizar a obra. Precisou disposição e coordenação, e em apenas um dia, as portas e metade do muro já estavam reerguidos! Os inimigos não gostaram do que viram e quiseram se levantar contra eles, mas Neemias e todo o povo oraram a Deus e vigiaram os muros com suas espadas!

Muitas vezes oramos e esperamos que tudo caia dos céus em nossas mãos, mas a Bíblia nos ensina a respeito de um reino celestial que toca mentes e corações dos homens, que traz sabedoria e habilita novo caráter em quem é alcançado pelo SENHOR! Certo é que Deus abre a oportunidade para nós fazermos e trazermos a existência aquilo que lhE temos pedido. Desejamos justiça, sejamos justos. Desejamos amor, amemos. Desejamos muitos recursos, trabalhemos para alcançar, mas nos propósitos do SENHOR!

Neemias desejou reerguer o muro e orou a Deus. Recebeu todo o material, salvo conduto por todo o território e autorização para pegar o que precisasse para levar a bom termo o trabalho. Neemias não recebeu anjos de Deus para reedificarem os muros, pois a obra aqui na terra é feita por nós homens! Assim, somos nós que operaremos as maravilhas na terra, segundo o nosso propósito diante de Deus! Eles repararam as brechas e vigiaram contra os inimigos e é isto que devemos fazer também em nossos dias.

Que obras necessitamos fazer e está nos incomodando? Que barreiras temos enfrentado para realiza-las? Ainda que haja inimigos a nossa volta temos um Deus que tudo vê e está aguardando as nossas petições para que reergamos e edifiquemos o que está destruído. Somos a força de trabalho que pode mudar o mundo e isto ocorrerá quando reconhecermos a necessidade, nos arrependermos do que permitimos acontecer, clamarmos a Deus pela Sua misericórdia, recebermos os recursos e nos dispusermos a realizar em comunhão e diligência.

Podemos todas as coisas em Deus! Cristo nos deu este privilégio de acessarmos as regiões celestiais e clamarmos diretamente ao Pai! Pela fé obteremos tudo o que é necessário e teremos bom êxito porque contamos com o favor do SENHOR! Vinde, reedifiquemos e vigiemos! Levantemos nossas espadas espirituais e façamos a grande obra que nos está proposta de levantarmos os muros da fé, a proteção da cidade querida onde aqueles que dependem do SENHOR estão agora se reunindo para torna-la fortificada e defendida novamente. Grandes coisas o SENHOR tem feito e nós seremos participantes da boa obra!

Ano 2#71

Conhecimento sem sabedoria leva ao pre-conceito!

Eis aqui o meu servo, a quem sustenho; o meu escolhido, em quem a minha alma se compraz; pus sobre ele o meu Espírito, e ele promulgará o direito para os gentios. Não clamará, nem gritará, nem fará ouvir a sua voz na praça. Não esmagará a cana quebrada, nem apagará a torcida que fumega; em verdade, promulgará o direito. Não desanimará, nem se quebrará até que ponha na terra o direito; e as terras do mar aguardarão a sua doutrina. Assim diz Deus, o Senhor, que criou os céus e os estendeu, formou a terra e a tudo quanto produz; que dá fôlego de vida ao povo que nela está e o espírito aos que andam nela. Eu, o Senhor, te chamei em justiça, tomar-te-ei pela mão, e te guardarei, e te farei mediador da aliança com o povo e luz para os gentios; para abrires os olhos aos cegos, para tirares da prisão o cativo e do cárcere, os que jazem em trevas. Eu sou o Senhor, este é o meu nome; a minha glória, pois, não a darei a outrem, nem a minha honra, às imagens de escultura.
‭‭Isaías‬ ‭42:1-8‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/isa.42.1-8.ara

No Evangelho de Mateus, capítulo 12 e versículo 17 o evangelhista destaca em Jesus o cumprimento desta passagem de Isaías, pois Cristo havia deixado a cidade e as pessoas o seguiram, foram curadas de todas as enfermidades e foram orientadas por ele que não fizessem propaganda do ocorrido. Jesus não queria movimentos políticos, atenção demasiada nos sinais que realizava, tão somente queria expor a graça de Deus para as pessoas.

Isaías, contudo, profetizou que isto chegaria aos gentios e estes é que mais se beneficiariam pelo Servo do Senhor. Jesus não foi recebido pelo povo judeu, mas os gentios o receberam e se tornaram a igreja. A luz veio ao mundo e os que estavam em trevas a viram. No entanto, os que desconheciam as promessas é que se achegaram a luz, enquanto os que conheciam se afastaram dela. Este mistério é resolvido quando entendemos que conhecimento é diferente de sabedoria!

A sabedoria usa o conhecimento para reforçar um fundamento, mas o conhecimento sem sabedoria nos leva a pré-conceitos, vida superficial e ignorância espiritual. Quantas vezes sabíamos que algo não estava certo e não nos importamos em ver e/ou participar? Isto é ter ciência e não ser sábio. O sábio se afasta do problema, pois é sensato. Ter conhecimento não significa possuir sensatez, apenas teve acesso à informação. Sabedoria é saber fazer bom uso do que aprendemos!

Assim, os gentios foram sábios enquanto os judeus foram considerados insensatos por Jesus. Ele veio para cumprir as promessas sobre o povo judeu, mas estes queriam um messias político e militar, não alguém que iria trazer o Reino de Deus aos corações. O que é melhor, combater uma nação poderosa com a força ou transformar o coração e a mente das nações em prol da paz e do respeito mútuos? O sábio buscará a segunda opção, enquanto o que só possui conhecimento dirá que a melhor defesa é o ataque contra o inimigo.

Jesus veio nos ensinar que não somos inimigos entre nós, veio nos libertar da necessidade de nos defendermos o tempo todo, pois irmãos espirituais se ajudam e não se matam, perdoam-se ao invés de entrar na justiça por ter sido ofendido, estendem a mão ao invés de pisar sobre as de quem está a cair no abismo. Cristo veio trazer luz a um mundo corrompido e sairá vitorioso porque o Pai está providenciando a destruição dos verdadeiros inimigos nossos, as potestades espirituais que trabalham contra as nossas vidas.

Deus não compartilhará a sua honra com nenhum ídolo e todos saberão que só há um único Deus e Pai dos que creem em Jesus Cristo. A terra estremecerá e os tidos conhecedores da verdade do mundo não poderão dizer que não souberam a respeito do Filho, pois o Evangelho terá sido pregado em todo o mundo. O tempo se abrevia e nos alegramos em ver os sinais do retorno do Senhor! Maranata, ora vem Senhor Jesus!

Busquemos a sabedoria, pois é vida para nós e presença de Deus em nossos caminhos. Deixemos de perseguir a pura ciência sem experiência com Deus, pois falar do que não conhecemos é construir muros de pre-conceito ainda maiores do que já existem em nossas mentes e corações. Creiamos na missão do Filho, pois veio para nos libertar e nos levar ao Pai e recebermos a filiação celestial!

O temor do Senhor é o princípio do saber, mas os loucos desprezam a sabedoria e o ensino.
‭‭Provérbios‬ ‭1:7‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/pro.1.7.ara

Ano 2#70

Entremos no rio de Deus!

Saiu aquele homem para o oriente, tendo na mão um cordel de medir; mediu mil côvados e me fez passar pelas águas, águas que me davam pelos tornozelos. Mediu mais mil e me fez passar pelas águas, águas que me davam pelos joelhos; mediu mais mil e me fez passar pelas águas, águas que me davam pelos lombos. Mediu ainda outros mil, e era já um rio que eu não podia atravessar, porque as águas tinham crescido, águas que se deviam passar a nado, rio pelo qual não se podia passar.
‭‭Ezequiel‬ ‭47:3-5‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/ezk.47.3-5.ara

No capítulo 47 do livro do profeta Ezequiel temos a descrição de águas que Deus gerou para que tudo seja abençoado, sustentado, constituído! Nessas águas somos levados a irmos até mais fundo, onde não teremos mais a capacidade de resistirmos às correntes.

Estamos vivendo um tempo onde precisamos mergulhar nas águas de Deus, para que sejamos limpos, estarmos imersos na Sua graça, de corpo, alma e espírito.

Nos rios de Deus estaremos por um tempo para nos arrefecermos do calor, para nosso descanso e para enxergarmos a vida que provém de Suas águas. À volta do rio dado por Deus tudo floresce e restaurará todas as águas onde chegar. Haverá abundância de alimentos e de sombra!

Ao nos achegarmos a Deus estaremos também acessando este rio. Não é hora de fugirmos de Deus, mas de nos achegarmos a Ele! Estamos cansados, famintos e passando calor e ainda assim estamos muitas vezes em rebeldia e arredios para com o Pai.

Mas, por quê? Qual motivo nos faz fugirmos de Deus? Às vezes estamos fugindo para que nossas obras más não sejam vistas, mas hoje o Senhor nos chama para nos perdoar e nos limpar, a nos alimentar e nos dar descanso!

Paremos de fugir daquele que deseja nos dar de sua graça e misericórdia. Paremos para escutar suas palavras de vida e paz. Se continuarmos a seguir pelos nossos caminhos de rebeldia não terminaremos bem, mas há um caminho de vida disponível a todos nós, em Cristo Jesus!

Que possamos encontrar este caminho, entrar neste rio e irmos o mais fundo para estarmos no centro da vontade de Deus. Lá acharemos descanso para vivermos com o Senhor e para nunca mais estarmos desgarrados e sozinhos. Busquemos o Senhor com todo o nosso coração!

Ano 2#69

Devemos buscar o Filho se quisermos o Pai.

O Pai ama ao Filho, e todas as coisas tem confiado às suas mãos. Por isso, quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, todavia, se mantém rebelde contra o Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus.
‭‭João‬ ‭3:35-36‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.3.35-36.ara

O evangelhista e apóstolo João mostra claramente que sem conhecermos a Cristo não teremos oportunidade de entendermos verdadeiramente o Pai. Quem não conhecer o Filho não conhecerá o Pai. E o desconhecimento de Deus nos leva a uma vida longe de seus propósitos.

O que fazer quanto a isto? Os que já creem devem expressar a vida de Cristo para ser manifesta aos que não creem ou não o conhecem. Sem testemunho, apenas com sinais e prodígios a atenção do descrente será alcançada. Deus providenciará que uma ou outra aconteça através de seus servos!

A vida eterna começa na transformação do caráter do homem para refletir a imagem e semelhança de Deus. Enquanto a transformação do caráter é obra do Espírito Santo, o testemunhar o novo caráter é a nossa obra. Assim é a cooperação entre nós e o Espírito. Sem ele não há renovação de vida, mas ele não realiza as obras que cabe a nós realizarmos.

Portanto, não receber o Espírito através da fé em Cristo é permanecer na busca de obras que não glorificam a Deus, ou realizar obras para tentar mostrar que merecemos a salvação ou nem uma coisa e nem outra. Sem termos o propósito alinhado com Deus é como jogarmos futebol sem sabermos para que gol correr. Queremos jogar e chutar, mas sem entender o motivo ou o objetivo a alcançar.

Cristo nos dá a verdadeira motivação, objetivo e a explicação de quem é Deus. Até entendermos isto permaneceremos na ilusão de sabermos quem somos e para onde vamos. Na nossa arrogância permaneceremos na rebeldia, mas na nossa humildade encontraremos a direção em Cristo para seguirmos no amor de Deus.

Ano 2#67

A nova vida é um trabalho diário de santificação!

Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que creem no seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai.
‭‭João‬ ‭1:12-14‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.1.12-14.ara

A graça e a verdade vieram abundantemente à Terra na pessoa de Cristo, o messias, o Filho de Deus encarnado! Era o Filho único, o unigênito, mas ao se entregar na cruz por nós, passou a ser o primogênito! Fez com que todos que crescem em seu sacrifício redentor se tornassem filhos de Deus e, portanto, irmãos e co-herdeiros das promessas do Pai!

Passar a ser irmão de Jesus significa possuir o Espírito Santo em nós e sermos capazes de fazer o que Jesus fez, trazendo a graça e a verdade a outros. Este é o papel da família espiritual criada em Cristo e chamada de Igreja. Não há Igreja sem Cristo e não há filiação em Deus sem termos recebido do Seu Espírito Santo através de Cristo!

Ser Cristão é buscar a filiação em Deus através de Jesus e seguir o caminho da vida à serviço do próximo para glorificar o nome do Pai. Isto em amor e gratidão por termos recebido a salvação que não merecíamos. O pecado nos impede de servirmos em amor e é necessário nascermos novamente de Deus para que isto seja possível.

Este novo nascimento faz com que boa parte do nosso velho homem/mulher sejam abandonados, enquanto a nova natureza começa a fazer uma transformação interna. Esta transformação se chama santificação e leva um tempo para cada um de nós.

Enquanto nos santificamos uma parte do velho homem continua lutando contra a nova natureza e isto é um processo pessoal em que temos de perseverar, não desanimar e clamar muitas vezes que o Espírito nos fortaleça para que a nossa carne morra de vez. Mas, algumas vezes leva mais tempo e precisamos continuar lutando. Isto é o caminhar com Jesus!

Os apóstolos passaram por isto e no livro de Atos lemos discussões, situações de conflito no abandono da Lei para a graça e outros fatores que fizeram com que os discípulos recebessem a direção do Espírito e nos ajudassem hoje em nosso tempo.

Sentir desejos antigos não é pecar, desde que não os acolhamos em nossas mentes e corações. Precisamos lutar contra isto, mas não significa que não fomos regenerados. Ser regenerado é ser capaz de lutar contra isto, pois antes não tínhamos força e muitas vezes nem o desejo de interromper tais situações, mas no Espírito Santo temos o domínio próprio que nos capacita a dizer não para o que não desejamos mais praticar!

Os filhos do Pai receberam poder em Jesus para viverem buscando e exercendo a santificação, um trabalho diário voluntário e dependente do pleno conhecimento de Cristo. Isto é maravilhoso, pois agora temos acesso a Deus pelo Filho, para vivermos o propósito a nós entregue na nova vida! Deus seja louvado!

Ano 2#66

Qual o papel da fé na evolução do homem?

Disse também Deus: Haja luzeiros no firmamento dos céus, para fazerem separação entre o dia e a noite; e sejam eles para sinais, para estações, para dias e anos. E sejam para luzeiros no firmamento dos céus, para alumiar a terra. E assim se fez. Fez Deus os dois grandes luzeiros: o maior para governar o dia, e o menor para governar a noite; e fez também as estrelas. E os colocou no firmamento dos céus para alumiarem a terra, para governarem o dia e a noite e fazerem separação entre a luz e as trevas. E viu Deus que isso era bom. Houve tarde e manhã, o quarto dia.
‭‭Gênesis‬ ‭1:14-19‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/gen.1.14-19.ara

Não há como em tão pequeno texto sermos capazes de resumir sem trazer simplificações grotescas ao entendimento de um assunto tão profundo se não adensarmos nosso discurso. Querendo falar da fé entre o Criacionismo e o Evolucionismo, tentaremos exemplificar a importância de olharmos o quadro geral ao invés de debates mais específicos.

A Bíblia expõe a criação do universo em uma sequência temporal que declara a vontade de Deus de gerar um ambiente pronto para a habitação da Sua criação. Assim vemos a geração de bilhões de estrelas de forma magnífica para que os tempos fossem estabelecidos para o acompanhamento da nossa história. O que sabemos pelas Escrituras é que ao sermos criados, já na forma adulta e sem uma derivação de algum tipo de criatura pré-existente, o universo já tinha uma aparência de bilhões de anos.

Assim como o homem foi criado já com aparência adulta, pelo entendimento bíblico, o universo também foi definido assim. Se usarmos nossa ciência, pelos cálculos de movimento de galáxias, teríamos bilhões de anos de existência do universo, e ainda assim estamos tateando para justificarmos se está em expansão ou contração, e nem temos como garantir que a teoria do Big-Bang (criada por um homem de fé), é verdadeira!

Quanto mais mergulhamos na ciência, mais nos maravilhamos com o detalhe do funcionamento do universo e da vida. Quando olhamos para as tecnologias humanas do 5G, dos carros elétricos, dos foguetes que levam máquinas a funcionarem em outros planetas já ficamos boquiabertos com a precisão e a beleza de como funcionam. E funcionam porque estão estabelecidos em conceitos matemáticos, materiais, química, física, teorias advindas do conhecimento do universo. Assim como vemos o design inteligente de carros e smartphones, como dizer que o universo é função do acaso?

Acreditar no acaso depois de estudarmos tanto para entender um funcionamento é ir na contramão da ciência. Portanto, ignorar o design inteligente não é nem fé e nem ciência, mas teimosia em não dar crédito a Deus! Cada um dará conta de sua teimosia, pois a natureza mostra em detalhes o cuidado de sua criação e evolução (Romanos 1). A partir da criação com idade aparente todos os seres se adaptaram às mudanças ambientais e da alteração causada pelo pecado do homem, que deixou de ser apenas herbívoro para se tornar onívoro. Tudo isto está explicado na Bíblia, mas a ignoramos e, muitas vezes, preferimos desconhecer para critica-la. A verdade é que ao conhece-la vamos nos rendendo a Deus por Sua imensa sabedoria e zelo para conosco!

A fé é acreditarmos que Deus criou o universo e suas leis, que o homem é criação cuidadosa de Deus e que se seguirmos o que Ele estabelece em Seu manual de vida, a Bíblia, seremos felizes em nosso pequeno tempo de vida. Ao querermos ignora-lo acabamos por gerar um caos à nossa volta e perdemos parâmetros para nos relacionarmos com Ele e com os demais homens. Interessante notar quantas descobertas científicas foram feitas por homens tementes a Deus! A ciência não impede a fé e nem a fé ao crescimento da ciência. Isto só ocorre quando há negacionismo por desconhecimento das coisas. Quanto mais conhecermos mais nos renderemos a Deus.

A verdadeira evolução é fruto do conhecimento em todas as áreas. Quanto mais meditarmos e estudarmos as Escrituras e toda ciência, mais nos aproximaremos do entendimento de um Criador amoroso e isto nos trará uma humildade cada vez maior até em relação ao nosso próximo. A fé traz respeito e revelação do amor para conosco e esta se chama Cristo, o verbo que gerou a vida em todo o universo!

No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e, sem ele, nada do que foi feito se fez. A vida estava nele e a vida era a luz dos homens. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela.
‭‭João‬ ‭1:1-5‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.1.1-5.ara

Ano 2#65

Onde temos buscado as palavras de vida eterna?

Então, perguntou Jesus aos doze: Porventura, quereis também vós outros retirar-vos? Respondeu-lhe Simão Pedro: Senhor, para quem iremos? Tu tens as palavras da vida eterna; e nós temos crido e conhecido que tu és o Santo de Deus.
‭‭João‬ ‭6:67-69‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.6.67-69.ara

Ao reconhecermos Jesus Cristo como Senhor e salvador já não conseguimos deixar de segui-lo. Ao reconhecer que ele tem as palavras de vida eterna, como abandona-lo? No entanto, se não entendermos suas palavras também iremos nos escandalizar como muitos discípulos fizeram e o deixaram.

A questão fundamental reside em conhecer Jesus como o dono da vida, aquele que nos dá de si mesmo para que vivamos através dele. Se entendermos isto e nos apegarmos a esta verdade, então não o abandonaremos e nem o trairemos. E este discernimento vem através do Espírito Santo. Sendo assim, sem a manifestação de Deus para nos abrir a mente e coração, não temos como compreender a maravilha da graça que salva o homem.

Viver em Cristo requer mais que acreditar nele, é realizar as obras que ele deixou para nós. É andar nos seus passos através de nos alimentarmos do próprio Cristo. Isto é o espiritual agindo no material. É recebermos do Espírito Santo para agirmos neste mundo.

Ora, sem crer que Jesus é o Cristo e sem conhece-lo jamais seria possível confiarmos no Evangelho. Não há Evangelho sem Jesus e nem caminhar no Evangelho sem Jesus! Por isso a mensagem que ele deixou era de nos alimentarmos dele que é o Pão que desceu do céu, e que deveríamos beber do seu sangue que nos traz as promessas da Nova Aliança.

Glórias a Deus por tão grande graça! Tomemos posse desta herança bendita e prossigamos em conhecer a Cristo nos alimentando do Senhor e caminhando com ele! Seremos abençoados, transformados, cuidados, libertos e justificados em todo o tempo da caminhada.

Nosso propósito é o de nos santificarmos para nos encontrarmos com o Deus Santo e tremendo. No Dia do Julgamento exultaremos porque a fé que nos foi dada em Cristo terá feito a obra em nós e teremos o nosso nome escrito no Livro da Vida! Portanto, estejamos alegres pois as palavras de vida eterna em Cristo já estão nos transformando para a glória do SENHOR. Creiamos no Santo do Deus!

Ano 2#64

Devemos buscar o alimento divino!

Trabalhai, não pela comida que perece, mas pela que subsiste para a vida eterna, a qual o Filho do Homem vos dará; porque Deus, o Pai, o confirmou com o seu selo.
‭‭João‬ ‭6:27‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.6.27.ara

Não podemos ficar sem nos lembrarmos do verdadeiro foco em nossas vidas. Temos muitas atividades, fazemos muitas coisas e nossas mentes não param de pensar o tempo todo. Mas, por que fazemos o que fazemos e para quem estamos fazendo?

Jesus Cristo nos ensina a não fazermos as coisas no automático, para que não caiamos no erro de vivermos pelas coisas visíveis e naturais. Nosso foco deve ser sempre em agradar a Deus, buscando as coisas do alto, nos alimentando espiritualmente e trabalhando para conquistarmos estas coisas.

Se ficarmos olhando apenas para este mundo a fim de conquista-lo em termos materiais, então faremos muito pouco ainda que sejamos bem sucedidos. O verdadeiro sucesso é vivermos para Deus, neste mundo, para que ganhemos para o próximo que virá. Aqui é só o início de uma jornada, que prosseguirá em um ambiente totalmente diferente.

Estamos vivendo como uma lagarta que em breve entrará em um casulo aguardando a transformação de nossos corpos mortais em corpos imortais. Hoje estamos nos arrastando pela terra, preocupados em comer folhas, mas estamos sendo chamados para voarmos!

Enquanto “comedores de folhas”, olhemos para os céus, para que estejamos atentos a buscarmos as folhas certas e levarmos outros conosco para a presença daquele que é o único que pode transformar lagartas em borboletas.

Muitos na tentativa de apenas comer se esqueceram do seu propósito e não estão atentos ao processo. As crisálidas não surgirão em volta de todas as lagartas, pois não estão se alimentando das folhas certas. Busquemos a Cristo e sejamos sadios para a vinda vindoura! Sem ele, estaremos fracos e doentes e não conseguiremos fazer a transição…

Ano 2#63