A nova vida é um trabalho diário de santificação!

Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que creem no seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai.
‭‭João‬ ‭1:12-14‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.1.12-14.ara

A graça e a verdade vieram abundantemente à Terra na pessoa de Cristo, o messias, o Filho de Deus encarnado! Era o Filho único, o unigênito, mas ao se entregar na cruz por nós, passou a ser o primogênito! Fez com que todos que crescem em seu sacrifício redentor se tornassem filhos de Deus e, portanto, irmãos e co-herdeiros das promessas do Pai!

Passar a ser irmão de Jesus significa possuir o Espírito Santo em nós e sermos capazes de fazer o que Jesus fez, trazendo a graça e a verdade a outros. Este é o papel da família espiritual criada em Cristo e chamada de Igreja. Não há Igreja sem Cristo e não há filiação em Deus sem termos recebido do Seu Espírito Santo através de Cristo!

Ser Cristão é buscar a filiação em Deus através de Jesus e seguir o caminho da vida à serviço do próximo para glorificar o nome do Pai. Isto em amor e gratidão por termos recebido a salvação que não merecíamos. O pecado nos impede de servirmos em amor e é necessário nascermos novamente de Deus para que isto seja possível.

Este novo nascimento faz com que boa parte do nosso velho homem/mulher sejam abandonados, enquanto a nova natureza começa a fazer uma transformação interna. Esta transformação se chama santificação e leva um tempo para cada um de nós.

Enquanto nos santificamos uma parte do velho homem continua lutando contra a nova natureza e isto é um processo pessoal em que temos de perseverar, não desanimar e clamar muitas vezes que o Espírito nos fortaleça para que a nossa carne morra de vez. Mas, algumas vezes leva mais tempo e precisamos continuar lutando. Isto é o caminhar com Jesus!

Os apóstolos passaram por isto e no livro de Atos lemos discussões, situações de conflito no abandono da Lei para a graça e outros fatores que fizeram com que os discípulos recebessem a direção do Espírito e nos ajudassem hoje em nosso tempo.

Sentir desejos antigos não é pecar, desde que não os acolhamos em nossas mentes e corações. Precisamos lutar contra isto, mas não significa que não fomos regenerados. Ser regenerado é ser capaz de lutar contra isto, pois antes não tínhamos força e muitas vezes nem o desejo de interromper tais situações, mas no Espírito Santo temos o domínio próprio que nos capacita a dizer não para o que não desejamos mais praticar!

Os filhos do Pai receberam poder em Jesus para viverem buscando e exercendo a santificação, um trabalho diário voluntário e dependente do pleno conhecimento de Cristo. Isto é maravilhoso, pois agora temos acesso a Deus pelo Filho, para vivermos o propósito a nós entregue na nova vida! Deus seja louvado!

Ano 2#66

O reino de Deus é organizado e isto não traz prejuízo para os humildes!

Vós me chamais o Mestre e o Senhor e dizeis bem; porque eu o sou. Ora, se eu, sendo o Senhor e o Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns dos outros. Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também. Em verdade, em verdade vos digo que o servo não é maior do que seu senhor, nem o enviado, maior do que aquele que o enviou. Ora, se sabeis estas coisas, bem-aventurados sois se as praticardes.
‭‭João‬ ‭13:13-17‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.13.13-17.ara

A vida Cristã é permeada de oportunidades em termos de assembléias construídas em edifícios que acabam exigindo algum tipo de estrutura organizacional. Hoje chamamos de igreja o prédio, mas são as pessoas que são a verdadeira Igreja! Nem podemos chamar os prédios de templos, pois o Espírito Santo não habita em templos construídos pela mão humana, mas nos corações dos que creem e servem a Jesus Cristo!

Nestas questões organizacionais temos a parte administrativa e a parte executiva, muito semelhante às empresas. No entanto, a executiva é a que serve a assembléia em termos espirituais, enquanto a administrativa em apoio à atividade espiritual.

Ora, naqueles dias, multiplicando-se o número dos discípulos, houve murmuração dos helenistas contra os hebreus, porque as viúvas deles estavam sendo esquecidas na distribuição diária. Então, os doze convocaram a comunidade dos discípulos e disseram: Não é razoável que nós abandonemos a palavra de Deus para servir às mesas. Mas, irmãos, escolhei dentre vós sete homens de boa reputação, cheios do Espírito e de sabedoria, aos quais encarregaremos deste serviço; e, quanto a nós, nos consagraremos à oração e ao ministério da palavra.
‭‭Atos‬ ‭6:1-4‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/act.6.1-4.ara

Os diáconos foram instituídos por causa da necessidade de se ampliar a entrega de mantimentos, coisa que os apóstolos estavam fazendo, mas que tomava-lhes muito tempo e a ministração da palavra e tratamento espiritual estavam sendo relegados, além de serem taxados de privilegiarem um grupo em detrimento à outro.

Nas “igrejas” (instituições com CNPJ) há esta estrutura justamente para se obter a funcionalidade e ainda se ajustar aos governos a que estamos sujeitos. Não há como fugir disto e nem precisamos. Deus suprirá os recursos dos impostos aos servos fiéis no propósito.

A primeira questão então é não misturarmos as coisas! CNPJ é regulamentação e estrutura formal a que estamos sujeitos e é necessário, enquanto a igreja espiritual é a que está na expansão do reino pela fé em Jesus Cristo. Uma afeta a outra, como na instituição dos diáconos.

A segunda questão é que a espiritual também possui estrutura para organização de tarefas. Há vários modelos em uso, mas devem ser entendidos por funções e responsabilidades. Pergunto se em um concerto o violinista é mais importante que o pianista. Ora, dependendo da música posso tocar com apenas um, mas o trabalho não ficará completo. Assim é também na área espiritual. Ninguém deve se achar melhor ou mais importante, ainda que seja possível realizar a obra com um grupo reduzido de dons.

Ao maestro chamamos hoje de pastores no sentido mais amplo. Aquele que tem uma experiência maior em instrumentos e tem o dom ministerial e autoridade concordada pelos que estão sendo por ele conduzidos. Tanto os membros da orquestra como o maestro tocam e são um conjunto. Jesus veio nos ensinar que maestros e orquestra devem se tratar com honra e zelo uns pelos outros. Se ele lavou os pés dos apóstolos e não somos maiores que Jesus, então devemos nos servir mutuamente.

Quando a orquestra atende às orientações do maestro o conjunto se torna harmônico. Isto em se tratando de maestros que possuem conhecimento, técnica e dom. Precisa ter ouvido afinado e conduzir cada conjunto de acordo. No final, todos saem felizes, quem tocou e quem ouviu. E todos foram importantes. Precisamos entender que temos funções a desempenhar e que cada um deve realizar a sua função. Não é bom que o maestro largue sua posição e vá tocar o instrumento enquanto deveria estar conduzindo, bem como um flautista não deveria assumir a função de maestro se não tem a mínima capacidade para isto. Harmonia se constrói em disciplina e cada um fazendo a sua parte.

Que possamos trabalhar em harmonia para o reino de Deus, seja na administração da Palavra ou ajudando nas estruturas organizacionais que precisamos gerenciar no reino. No final todos ganharão com a disciplina e veremos o nome de Deus exaltado entre as nações. Sem disciplina teremos grupos assoberbados e sem foco, podendo até achar que, porque fazem muitas coisas, são mais importantes que os demais…

Que parte do corpo somos?

Pois, em um só Espírito, todos nós fomos batizados em um corpo, quer judeus, quer gregos, quer escravos, quer livres. E a todos nós foi dado beber de um só Espírito.
‭‭1Coríntios‬ ‭12:13‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/1co.12.13.ara

A Igreja de Cristo não possui fronteiras culturais, geográficas, étnicas e nem políticas. Por isso o evangelho alcança a todos que se abrem à obra do Espírito Santo em seu batismo. Morrer para o mundo e nascer no Espírito é a maneira de nos tornarmos uma só família espiritual. Pelo batismo passamos a ser um novo povo, de todas as raças e nações, formando um corpo com muitos membros e funcionalidades.

A beleza do corpo é a capacidade de realizar todas as coisas de maneira coordenada, atingindo o seu propósito sempre que a cabeça comanda e os músculos e membros obedecem. A obediência à cabeça é fruto da comunicação adequada e ao entendimento correto da ação a ser executada. Quando todos agem corretamente, tudo sai como esperado e o objetivo da ação pode ser alcançado!

Há todo um preparo físico, um aprendizado. Um corpo de um recém nascido precisa aprender a coordenar seus membros, apoiar a cabeça, a controlar músculos de maneira automática, todo um amadurecimento a ser conquistado. Assim também com todos os que entram para a Igreja. Há um tempo de aprendizado, que dependerá do esforço do indivíduo e o preparo da comunidade que o recebe.

Importa bebermos do Espírito Santo, pois é a fonte de todo amadurecimento necessário. Como crianças espirituais precisamos buscar sugar com todas as nossas forças, e nunca deixar de desejar fazer isto! Como crianças nunca estaremos satisfeitos o suficiente, mas precisamos também aprender a viver de maneira amadurecida para com o mundo.

Estar fora da comunhão do Espírito, e da Igreja, é como um pedaço de carvão longe do fogo. Estaremos frios e sem função. Juntos aqueceremos o mundo, mas afastados, para nada serviremos. Bom é estarmos em um corpo, sendo úteis ao propósito de cada organismo criado e mantido pelo poder do Espírito Santo de Deus, enviado por nossa causa, a partir do sacrifício, morte e ressurreição de Cristo! Estar de fora é como ser uma unha jogada no lixo, sem nenhuma serventia a mais.

Há uma nação espiritual chamada em Jesus e ela está em movimento para alcançar todos os povos e nações. Daqui surgirá um mundo onde a vontade de Deus será, finalmente, obedecida em amor, de coração, em adoração, para louvor e glória de Deus! Será um mundo perfeito, o paraíso na Terra e nos céus! Vai valer a pena! Para isto, somos membros uns dos outros. Qual a nossa função hoje? Que membro somos? Ou não somos?

Ouçamos e nos inclinemos ao Senhor!

Inclinai os ouvidos e vinde a mim; ouvi, e a vossa alma viverá; porque convosco farei uma aliança perpétua, que consiste nas fiéis misericórdias prometidas a Davi. Eis que eu o dei por testemunho aos povos, como príncipe e governador dos povos. Eis que chamarás a uma nação que não conheces, e uma nação que nunca te conheceu correrá para junto de ti, por amor do Senhor, teu Deus, e do Santo de Israel, porque este te glorificou.
‭‭Isaías‬ ‭55:3-5‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/isa.55.3-5.ara

Jesus chama a todos os povos para um concerto com Deus. Povos que não o conheciam e nem tinham ouvido à respeito dEle. Povos que buscavam outros deuses e doutrinas, que não se interessavam no verdadeiro Deus Todo-Poderoso!

A verdade é que só buscamos algo que nos interessa quando tomamos conhecimento de sua existência e importância. Assim, Jesus veio nos trazer a verdadeira revelação de Deus! Antes os povos buscavam a deuses ligados à natureza, estações e eventos, como a Primavera, colheitas, sexo, guerras e etc., ignorando a existência dAquele que a tudo isto controla com as suas leis!

Paulo chega em Atenas e vê esta ignorância e passa a explicar aos moradores dali sobre a existência do Deus verdadeiro, dando-lhes a oportunidade de sair de sua idolatria e adorar somente ao Senhor (Atos 17:23)! Sem a vinda de Jesus isto não teria acontecido.

Ainda hoje esta explanação traz conflitos de toda natureza, pois gerações criadas sob a idolatria não concordam com facilidade que seus descendentes deixem o costume e cultura para serem adoradores do Senhor. Jesus havia dito que isto aconteceria pois traria espada e os membros familiares seriam os que se levantariam contra os novos convertidos.

Mas, o conhecimento da verdade de Cristo liberta e não há volta depois disto! Como ignorar as experiências advindas das promessas de Deus? Como ignorar as curas e situações milagrosas vivenciadas na obediência ao evangelho de Cristo?

Um povo que não o buscava está sendo formado e chama-se Igreja de Cristo! Este povo irá reinar com Jesus por toda a eternidade. Jesus glorificou ao Pai e no seu testemunho estamos sendo alcançados para a glória de Deus. O Santo de Israel está fazendo uma convocação pela fé, por todos os povos da Terra. Ouça a voz e concorra para ele!

Ouvi-o e vivei!

A Igreja age pelo poder herdado em Cristo!

Então, ele foi para casa. Não obstante, a multidão afluiu de novo, de tal modo que nem podiam comer. E, quando os parentes de Jesus ouviram isto, saíram para o prender; porque diziam: Está fora de si. Os escribas, que haviam descido de Jerusalém, diziam: Ele está possesso de Belzebu. E: É pelo maioral dos demônios que expele os demônios.
‭‭Marcos‬ ‭3:20-22‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mrk.3.20-22.ara

Jesus também dormia em casa! Uau! Ele esteve aqui como homem! Tinha cama, ia ao banheiro, sentia cansaço e tinha uma família! Muitos se esquecem que Jesus veio como homem para nos mostrar o caminho para o Pai!

Mas Jesus também é Deus! E fez tantos milagres que em determinado momento não tinha mais tempo para nada! Não havia início ou término de expediente. Há 2000 anos atrás ele já fazia home-office e não tinha vírus, praga, demônio ou doença congênita que ele não curasse!

Tantos eram os milagres que multidões iam até ele porque sabiam que seriam curados. Os testemunhos eram divulgados por todas as partes e ninguém queria perder a oportunidade de receber um milagre em sua vida!

Por que parece que as coisas mudaram? Por que não vemos multidões de pessoas nas igrejas atrás de Jesus? Muitas são as possíveis respostas:

Pode ser que Jesus não esteja em algumas igrejas, onde não há milagres, mas apenas Lei e obrigações religiosas.

Pode ser que as pessoas que recebem os milagres estejam caladas e não contam as bençãos, para que tenham sempre acesso e não fique uma multidão para ser atendida dentro da igreja.

Pode ser que as pessoas estejam acreditando mais na ciência da Medicina, das vacinas e remédios, do que no Criador.

Certo é que Jesus é o mesmo e continua fazendo milagres através de sua Igreja! É promessa e Jesus é o Filho de Deus e não mente. Ou confiamos, ou não. E confiar é ter fé e agir baseado na crença das promessas!

Hoje podemos buscar a Cristo em muitos lugares, inclusive dentro de nossas próprias casas. Basta orar entregando a vida a ele. Basta crer que Jesus é o Filho de Deus, que ressuscitou dos mortos para nos dar a vida eterna e passarmos a viver segundo as orientações que ele deixou. Nada além, nada aquém!

Jesus está ao nosso alcance. Vamos preferir ignorar, buscar no homem a solução ou vamos viver em Deus? Se na passagem terrena ele fez os milagres que fez, imagine agora que seu poder e autoridade estão espalhados por toda a terra! Busquemos a Cristo e sejamos sua Igreja!

Vivamos os milagres e testemunhemos para que muitos outros também possam chegar e receber as bençãos espirituais disponíveis a todos os que crerem!