#3_330 Do Senhor recebemos todas as coisas!

Respondeu João: O homem não pode receber coisa alguma se do céu não lhe for dada.
João 3:27 ARA
https://bible.com/pt/bible/1608/jhn.3.27.ARA

Quanto mais cedo entendermos esta verdade melhor será a nossa vida na Terra e a oportunidade de recebermos a vindoura. Ao considerarmos que tudo vêm do céu passaremos a ser mais gratos e enxergaremos nossa dependência de Deus!

Ora, se recebo porque Deus envia, por que não peço para a glória dEle e não para a minha? Assim, receberei para que Ele seja engrandecido e eu me alegre nas grandes e pequenas bençãos que se tornarão em graça para comigo e demais pessoas à minha volta.

Assim o que recebemos tem a vontade de Deus e não o meu mérito que passará a ser o que farei com a graça recebida e não o que havia feito para poder recebê-la. O que fez Gideão para se tornar Juiz? Ou Sansão? O que fez João Batista? Ora, foram levantados para fazerem a obra de Deus!

Importa que Jesus cresça em nossas vidas e não quem somos diante dos homens. Que possamos nos alegrar com a sua atuação nas nossas vidas e na dos que nos cercam! É maravilhoso poder compartilhar as bençãos de Deus! Triste é não poder enxergá-las!

Assim, busquemos mais e mais fazermos a vontade de Deus sabendo que dEle é a provisão. Ele nos dá as metas e a capacidade de realizá-las. Por isso podemos nos alegrar em vê-las se cumprindo em nossas vidas. Grande é o Senhor e maravilhoso em todos os seus caminhos!!!

#3_324 Deus já proveu. Você crê?

E por que andais ansiosos quanto ao vestuário? Considerai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham, nem fiam. Eu, contudo, vos afirmo que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós outros, homens de pequena fé?
Mateus 6:28‭-‬30 ARA
https://bible.com/pt/bible/1608/mat.6.28-30.ARA

Deus proverá! Esta verdade é difícil de ser vivida sem fé! Ser de pequena fé é viver oscilante entre o confiar e não confiar em Deus. Confiamos quando tudo vai bem e duvidamos na primeira notícia ruim sobre governo, economia, clima, saúde, etc.

Não nos é útil esta atitude. Precisamos obter fé de Deus. Peçamos, portanto, ao provedor. Ele nos dá segundo a sua misericórdia e nossa força em buscar. Quem pede recebe, quem busca encontra e quem bate a porta se lhe abrirá! (Mateus 7:7) Esta promessa é para quem crê!

Nosso tempo não é diferente do passado. Não há garantias de futuro para ninguém. Temos o agora, o momento em que estamos vivendo. Não há planos que possam ser garantidos por ninguém a não ser Deus que executa seus próprios planos para nós. O que precisamos fazer é alinhar as nossas expectativas com a vontade de Deus!

E isto começa quando confiamos totalmente nele. A provisão vem de Deus. A vida, a saúde, a prosperidade vêm de Deus. Importa buscarmos nele a sua justiça e o seu reino e estas demais coisas nos serão acrescentadas naturalmente. A saúde é um bem que podemos ter ou não ao longo da vida, mas pela misericórdia do Senhor podemos pedir também. Um dia morreremos e pode ser por causas naturais ou acidentais.

Que olhemos para a natureza e entendamos que tudo tem o seu lugar na criação de Deus e que estamos vivendo para a glória do Senhor. Tempo de nos dedicarmos às orações e nos enchermos de fé e esperança de que o Pai está cuidando de seus filhos amados. Deus proverá, sim, Deus já proveu e não vimos ainda o que está preparado para cada um de nós. Oremos e busquemos pegar o que já nos foi proposto nas regiões celestiais em Cristo Jesus!

#3_143 Mateus 17:27

Mas, para que não os escandalizemos, vai ao mar, lança o anzol, e o primeiro peixe que fisgar, tira-o; e, abrindo-lhe a boca, acharás um estáter. Toma-o e entrega-lhes por mim e por ti.
Mateus 17:27 ARA
https://bible.com/bible/1608/mat.17.27.ARA

Por que Jesus não usou dinheiro de ofertas para pagar o tributo? Por que Pedro não poderia achar uma moeda de maneira mais fácil? Jesus nos ensina que há momentos em que precisamos nos esforçar para termos o que precisamos, mas ainda assim o que “capturamos” vem das mãos de Deus!

Ainda que Pedro tivesse de pescar ele recebeu a promessa de que fisgaria um peixe e em sua boca acharia a providência divina. Muitos de nós esperamos pescar na nossa própria capacidade e ainda procurar vender o peixe para conseguir o necessário. Mas, importa pescamos onde Deus manda e receber da forma como ele delibera.

Precisamos nos libertar da razão humana que por várias vezes espera que a moeda venha diretamente nas mãos ou que tenhamos de fazer tudo para termos as coisas. Jesus mostra um meio-termo, onde trabalhamos e recebemos além do que fazemos, porque é agradável a Deus!

Onde estamos buscando a moeda para pagarmos as contas? Estamos trabalhando por conta ou o Senhor está direcionando nossos passos? Ao obedecer não se admire se a rede estiver quase estourando onde dantes não havia peixe algum!!!!