#3_214 Somos a oferta para Deus!

Entrando na casa, viram o menino com Maria, sua mãe. Prostrando-se, o adoraram; e, abrindo os seus tesouros, entregaram-lhe suas ofertas: ouro, incenso e mirra.
Mateus 2:11 ARA
https://bible.com/bible/1608/mat.2.11.ARA

Os magos trouxeram tesouros ao Rei Jesus. A Rainha do Sul trouxe tesouros ao rei Salomão, assim como todos os que se apresentam diante de altas autoridades o fazem. E nós? O que estamos apresentando diante do Senhor?

Será que nossas obras têm sido agradáveis a ele? Podemos nos achegar da maneira que estivermos diante de Cristo, pois ele veio para dar vida aos pecadores. Mas, ao iniciarmos o serviço ao reino ele já se torna nosso Rei e devemos cuidar de aparecer em sua presença com frutos dignos de arrependimento.

Nossas obras glorificam ou denigrem o nome do Senhor quando damos testemunho de que somos seus servos. Assim, que possamos honrá-lo com as nossas vidas porque ele é digno!

Se magos do oriente souberam dar valor ao messias prometido, muito mais nós que fomos alcançados por sua misericórdia e sacrifício o devemos valorizar. Esta gratidão nos impelirá a não vivermos como antes, mas nos lembrarmos do amor de Deus para conosco.

Isto também significa expressar este amor para com o nosso próximo. Aliás, é assim que agradamos a Deus! Portanto, confessemos os nossos pecados e busquemos viver para sermos o ouro, o incenso e a mirra que levaremos diante do Senhor quando nos encontrarmos com ele!

#3_184 Vivamos intensamente!

Dá-me a conhecer, Senhor, o meu fim e qual a soma dos meus dias, para que eu reconheça a minha fragilidade. Deste aos meus dias o comprimento de alguns palmos; à tua presença, o prazo da minha vida é nada. Na verdade, todo homem, por mais firme que esteja, é pura vaidade.
Salmos 39:4‭-‬5 ARA
https://bible.com/bible/1608/psa.39.4-5.ARA

Como piloto perdi amigo bem jovem, fui testemunha ocular de uma ejeção de outro piloto em voo, aprendi que não sabemos o que irá acontecer daqui há cinco minutos. A pandemia nos relembrou deste fato de que não temos muito tempo na terra e que não controlamos quem vai e quem fica.

Vivemos muitas vezes pela vaidade de nos sentirmos eternos na terra, não levando em conta nosso restrito prazo de validade. O que faríamos se soubessemos o nosso número de dias de vida? Ficaríamos vivendo cada segundo contado ou os esbanjariamos por acharmos que são demais?

Certo é que o não sabermos deve nos dar a pressa de não deixar nada para depois e fazermos o que pudermos para deixar um mundo melhor do que encontramos. A intenção faz toda a diferença e seremos felizes com a mão de Deus nos ajudando todos os dias. Sem Ele sucumbiremos ao medo do dia da morte, mas com Jesus nos alegraremos ao chegarmos na sua presença após o nosso último suspiro aqui!

#3_183 Há esperança sim!

Porque há esperança para a árvore, pois, mesmo cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus rebentos. Se envelhecer na terra a sua raiz, e no chão morrer o seu tronco, ao cheiro das águas brotará e dará ramos como a planta nova. O homem, porém, morre e fica prostrado; expira o homem e onde está?
Jó 14:7‭-‬10 ARA
https://bible.com/bible/1608/job.14.7-10.ARA

Jó faz está declaração na visão natural da vida. O homem morre e não ressuscita. Se não tiver descendência seu nome ficará esquecido e tudo o que produziu terá ficado apenas na terra.

Não é assim o homem espiritual. Pelo contrário, sua natureza carnal (e não a sua carne) deverá morrer primeiro para que sua espiritualidade cresça. Seus frutos espirituais serão como descendência e permanecerão tanto na terra como no céu. Morreu para o mundo mas nasceu em Cristo para a eternidade.

O homem espiritual encontra esperança nestas palavras pois no Espírito Santo estamos sempre sendo podados, exortados, trabalhados, adubados para que possamos eliminar a velha natureza e produzir brotos da nova natureza. As vezes pode acontecer de passarmos pelo fogo, mas ao cheiro das águas brotaremos para nos reeguermos como planta nova.

Precisamos entregar nossas vidas nas mãos do agricultor divino. Sim, será dolorido passar pela poda do Senhor, mas o resultado é maravilhoso. Os que não passam por suas mãos não estarão livres das pragas e morrerão, sendo arrancados e lançados no fogo eterno.

Que achemos graça diante de Deus para que Ele cuide de nós e nos transforme em árvores frondosas, ainda que precisemos de uma limpeza profunda. Há esperança para toda árvore enquanto o Senhor desejar investir nela! Anime-se pois todo dia temos está esperança de sermos encontrados por Ele! Em Cristo há esta promessa!

#3_128 Eclesiastes 3:14

Sei que tudo quanto Deus faz durará eternamente; nada se lhe pode acrescentar e nada lhe tirar; e isto faz Deus para que os homens temam diante dele.
Eclesiastes 3:14 ARA
https://bible.com/bible/1608/ecc.3.14.ARA

Eternidade para nós é um conceito difícil de entender. Pensamos em um tempo que não terá fim, mas para Deus não há tempo. Deus não existe em nossos parâmetros, Ele É, antes de nossa existência, durante e depois.

Sabermos que fomos criados significa que para nós há uma origem e muito possivelmente haverá um fim, ainda que dure tanto que pareça uma eternidade. Nunca seremos como Deus, mas poderemos estar com Ele de maneira mais próxima.

Tal conhecimento aumenta nossa percepção de como o Senhor construiu e sustenta a criação e a nossa importância em tudo isto. Há um propósito para nós nesse contexto e bom será se soubermos executa-lo.

Temos o desejo de nos tornarmos superpoderosos, criadores, estabelecedores de destinos e transformadores de nossos dias. A verdade é que isto também é vaidade porque todos desejam a mesma coisa e nada poderemos fazer que Deus já não o tenha feito e permitido que fizéssemos.

Como um pai participa do desenvolvimento do filho cuidando para que a criança cresça no caminho desejado, assim é Deus para com seus filhos. Nem todos são filhos de Deus, mas os que crêem nele através de Jesus. A estes há um tratamento de Pai e tudo que lhes ocorre é para que cheguem na presença dEle aprovados.

Aos demais caberá buscarem ou permanecerem afastados de Deus. Há um tempo enorme a nos esperar depois que morrermos aqui. A decisão de como o passaremos vai depender apenas desta vida, não nos deixemos enganar. O temor a Deus é porque sabemos que haverá justiça e esta não será feita pelo que consideramos, mas pela soberania do criador.

Deus seja louvado pela criação da vida. A Ele toda a glória, eternamente, amém!

O que está ocupando a nossa mente?

E, descendo com eles, parou numa planura onde se encontravam muitos discípulos seus e grande multidão do povo, de toda a Judeia, de Jerusalém e do litoral de Tiro e de Sidom, que vieram para o ouvirem e serem curados de suas enfermidades; também os atormentados por espíritos imundos eram curados. E todos da multidão procuravam tocá-lo, porque dele saía poder; e curava todos.
Lucas 6:17‭-‬19 ARA
https://bible.com/bible/1608/luk.6.17-19.ARA

Jesus Cristo é o Filho de Deus. Ele tem poder e sabedoria. Cura enfermos, liberta os atormentados por espíritos imundos e dá sabedoria aos que ouvem o seu evangelho. Por que o buscamos hoje? Por causa das belas palavras? Estamos buscando cura? Desejamos experimentar do seu poder? Certo é que devemos buscar sermos seus discípulos, porque estas coisas seguirão os que crêem nele e não precisaremos buscá-las, porque virão até nós pelo próprio Senhor!

Muitos se preocupam com as renúncias que deverão fazer, mas o evangelho mostra o valor do reino de Deus como de valor inestimável, a ponto de deixarmos tudo para trás para podermos tê-lo em nossas vidas. Nosso problema é que olhamos mais para as coisas desta vida do que as do mundo que virá depois de nossa morte. Se entendermos que este mundo é a ante-sala da eternidade, acabaremos por viver aqui de maneira diferente. Aqui será uma peregrinação e não o nosso destino final.

Jesus veio até nós para nos mostrar este caminho, para que não ficassemos seduzidos pelo que o mundo nos dá, mas para que possamos dar ao mundo o que ele precisa de nós. Nos darmos ao mundo é buscar evidenciar o reino de Deus. Primeiro em nossas vidas, senão não temos o que oferecer ao mundo. Se ficarmos buscando nos abastecer do mundo só teremos coisas do mundo para dar a outros, mas a obra de Deus é fé nos corações. É isto que muda o mundo, mentes e corações transformados.

Com o que estamos preocupados hoje? Se for com o reino de Deus, então estamos no rumo certo. Com Jesus temos a vitória, mas longe dele só as preocupações comuns da vida e estas passarão com a nossa morte. O que restará depois?

Ano 2#314

Cristo é o Soberano dos reis da terra!

João, às sete igrejas que se encontram na Ásia, graça e paz a vós outros, da parte daquele que é, que era e que há de vir, da parte dos sete Espíritos que se acham diante do seu trono e da parte de Jesus Cristo, a Fiel Testemunha, o Primogênito dos mortos e o Soberano dos reis da terra. Àquele que nos ama, e, pelo seu sangue, nos libertou dos nossos pecados, e nos constituiu reino, sacerdotes para o seu Deus e Pai, a ele a glória e o domínio pelos séculos dos séculos. Amém!
‭‭Apocalipse‬ ‭1:4-6‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/rev.1.4-6.ARA

Quando Jesus encarnou, viveu, morreu e ressuscitou houve a expressão física do Filho de Deus, embora tudo o que havia sido feito fora feito a partir de sua participação. A Trindade ainda é uma revelação a ser completamente compreendida para nós, mas neste momento nos importa entender Cristo!

Ele é a revelação de Deus que esteve entre nós em carne e hoje é o mediador entre Deus e os homens. Ele é o Alfa e o Omega, o Soberano dos reis da terra, o Primogênito dos filhos de Deus, a Testemunha Fiel do Santo! Em Cristo recebemos a redenção de nossos pecados e nele somos feitos justos. Já não há mais condenação para os que estão em Cristo Jesus (Mateus 8.1). Em Jesus somos feitos reino e sacerdotes, ministros do evangelho da nova vida!

Porque Jesus veio tivemos a oportunidade do novo nascimento. Sem que nossos espíritos sejam reativados pela conexão com o Espírito Santo de Deus somos seres meramente carnais tentando uma espiritualidade muito aquém do que poderíamos alcançar. Sem ele permaneceremos na tendência ao pecado e não evoluiremos como sociedade de Deus. No novo nascimento somos reino e constituídos sacerdotes do Altíssimo em nossas vidas e na vida do nosso próximo, nova perspectiva e transformação serão os frutos desta conexão com Deus.

como está escrito: Não há justo, nem um sequer, não há quem entenda, não há quem busque a Deus; todos se extraviaram, à uma se fizeram inúteis; não há quem faça o bem, não há nem um sequer.”
‭‭Romanos‬ ‭3:10-12‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/rom.3.10-12.ARA

O mundo ignora tal graça e é justamente por isso que o evangelho continua sendo pregado persistentemente. Sem Cristo não nos voltaríamos para Deus, mas com ele estaremos com o Pai por toda a eternidade. Quem é Jesus para mim? Como a minha vida está em relação ao que conheço de Deus? Cada um precisa se perguntar a respeito. As cartas às igrejas que se iniciam no capítulo seguinte trazem luz a estas perguntas. Estamos em um tempo em que o evangelho está sendo descaracterizado pela aceitação do mundo no seio da igreja e tantas outras mazelas.

Sem uma autoavaliação podemos incorrer em permanecermos na vida carnal, sem recebermos a vida nova do Espírito Santo. Se tenho o Espírito viverei pelo Espírito. Se continuo em meus pecados então não fui regenerado e preciso me arrepender e entregar minha vida à Cristo. Se não somos reino e nem sacerdócio, então não estamos em comunhão com o Cordeiro. Importa termos o nosso nome escrito no Livro da Vida e só ele pode colocar o nosso nome lá, porque nos ama e deu o seu sangue por nós!

Ano 2#235

Creiamos em Jesus se desejamos ressuscitar para a vida eterna!

De fato, a vontade de meu Pai é que todo homem que vir o Filho e nele crer tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia.”
‭‭João‬ ‭6:40‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/jhn.6.40.ARA

Se quisermos a vida eterna devemos buscar a Jesus, o Cristo! Nele reside a graça e o amor do Pai. Nele há a expressão da misericórdia e da esperança, boas novas para o perdido, cansado e desenganado da vida em um mundo caótica e desesperado.

Se alguém acha que hoje as coisas estão ruins, pense em 2000 anos atrás. Havia um império tomando conta de diversas nações, forçando-as a pagar tributo, com leis marciais, sem liberdade de expressão, com guerras e pestes espalhadas por todos os cantos, sem aposentadoria, férias, garantias de apoio institucional, apenas a vontade de viver sobrepujando as dificuldades da vida e até a escravidão.

Distâncias enormes percorridas a pé, línguas diferenciadas em cada localidade, intempéries de todo tipo como ainda temos hoje, sem esperança de dias melhores ou a confiança em uma vida eterna. A certeza de que havia algum tipo de divindade que deveria ser agradada para trazer algum benefício ou não ser desagradada para não receber malefícios. Pior, dezenas de divindades diferentes a rodear sem saber em qual confiar…

Jesus Cristo veio ao mundo para apontar o caminho para o Deus único, o Pai, que definiu, criou e sustenta todo o universo, Aquele que não pode ser assistido por mãos humanas ou ensinado pela sabedoria humana. Aquele que nos criou e não deseja que nos desviemos do propósito de nossa criação, fazendo-se conhecido em todas as eras, mas agora, pelo Filho, deu-se a conhecer em profundidade!

Em Jesus Cristo temos a revelação do modelo de Adão, como deveríamos viver entre nós e com Deus! Nos servindo uns aos outros e nos relacionando com o Senhor, de podermos conversar com Ele em todo tempo. Jesus veio explicitar a graça e nos ensinar a vida com Deus e com o próximo, doando sua vida para que recebêssemos a nossa, levando sobre si nossos pecados para podermos ser justificados e encontrados limpos diante de Deus, O Santo!

Sem Jesus permaneceremos em nossos pecados e impossibilitados de viver com o Senhor. Através de Cristo somos habilitados e reconciliados com o Pai! Com Jesus ressuscitaremos, mas sem ele pereceremos. Ele é o único caminho, pois nenhum outro nos torna dignos de estarmos na presença do Senhor. Não há o que façamos que nos torne aptos a vermos a face de Deus senão o próprio Deus tirando de nós a nossa iniquidade. Quem tentar se auto-justificar falhará, quem for justificado por Cristo por ele ressurgirá para toda a eternidade!

Se desejamos ressuscitar para a eternidade com o Pai, creiamos no Filho. Ele tomou a chave da morte e do inferno e levou consigo o cativeiro e destruirá todos os inimigos de nossas vidas, inclusive a morte. Então veremos a glória e viveremos com o Senhor! Lindo será se confiarmos nesta palavra!

Ano 2#226

Estamos prontos a dizer: – Eis-me aqui?

Então, disse Maria ao anjo: Como será isto, pois não tenho relação com homem algum? Respondeu-lhe o anjo: Descerá sobre ti o Espírito Santo, e o poder do Altíssimo te envolverá com a sua sombra; por isso, também o ente santo que há de nascer será chamado Filho de Deus. E Isabel, tua parenta, igualmente concebeu um filho na sua velhice, sendo este já o sexto mês para aquela que diziam ser estéril. Porque para Deus não haverá impossíveis em todas as suas promessas. Então, disse Maria: Aqui está a serva do Senhor; que se cumpra em mim conforme a tua palavra. E o anjo se ausentou dela.
‭‭Lucas‬ ‭1:34-38‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/luk.1.34-38.ARA

Gabriel esclarece a forma como Maria conceberia um ente santo, como a promessa de Deus seria cumprida em sua vida, tendo de tomar uma decisão que mudaria para sempre a sua vida e a de toda a humanidade. Maria tinha a opção de escolha e decidiu confiar e executar a tarefa a ela apresentada. Confiou em Deus e até hoje é conhecida como a mãe de Jesus! Se não houvera aceito a oferta conheceríamos a mãe do mestre por outro nome!

Assim Deus faz para com todos os que Ele apresenta o evangelho da graça. Há a mensagem de aliança, a promessa de recebermos o Espírito Santo e gerarmos santidade. Podemos confiar ou não no mensageiro, pois a decisão é nossa. Quando confiamos somos tremendamente abençoados e temos a oportunidade de mudarmos o mundo! Estaremos gerando filhos na fé em Jesus Cristo!

Há o momento de decidirmos e dizermos aqui está a serva ou o servo do Senhor! Este é o momento mais importante, pois estaremos decidindo confiar 100% no chamado, na aliança a nós apresentada, passando a viver por ela e para a glória de Deus! Que tremenda oferta, nos dada através da vinda de Cristo! Até aquele momento isto não seria possível. Até Jesus nos trazer a salvação por meio de seu sacrifício estávamos vivendo no desespero de estarmos no rio caudaloso da vida e enxergarmos a cachoeira da morte eterna e não termos força para remar contra a queda ou chegar até às margens da salvação.

Em Cristo temos a vida eterna. Deus está enviando mensageiros a todas as vidas para que sejamos alcançados pelo Seu amor e nos tornemos filhos da graça e geradores de outros filhos de Deus! Isto é também ser bem-aventurado, pois veremos o trabalho de nossas mãos recompensados na eternidade!

Ouçamos atentamente ao convite! Recebamos a Jesus Cristo como Senhor dizendo a Deus: – Eis aqui o servo (a serva) do Senhor. Que se cumpra em mim a tua vontade, conforme a tua palavra! Perdoe os meus pecados através do sacrifício de Cristo e que o meu nome seja escrito no Livro da Vida e eu seja útil para a tua obra, em nome de Jesus!

Haverá festa nos céus para cada um que fizer de coração esta oração de entrega e muitas outras virão ao nos propormos em vive-la todos os dias de nossas vidas aqui e no reino de Deus! Que o Senhor seja louvado em todo tempo!

Ano 2#169

Confiemos no amor de Deus!

Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem chamarás pelo nome de Jesus. Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo; Deus, o Senhor, lhe dará o trono de Davi, seu pai;
‭‭Lucas‬ ‭1:31-32‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/luk.1.31-32.ARA

Todavia, ao Senhor agradou moê-lo, fazendo-o enfermar; quando der ele a sua alma como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade e prolongará os seus dias; e a vontade do Senhor prosperará nas suas mãos. Ele verá o fruto do penoso trabalho de sua alma e ficará satisfeito; o meu Servo, o Justo, com o seu conhecimento, justificará a muitos, porque as iniquidades deles levará sobre si. Por isso, eu lhe darei muitos como a sua parte, e com os poderosos repartirá ele o despojo, porquanto derramou a sua alma na morte; foi contado com os transgressores; contudo, levou sobre si o pecado de muitos e pelos transgressores intercedeu.
‭‭Isaías‬ ‭53:10-12‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/isa.53.10-12.ARA

Jesus é rei, sacerdote, Filho e Servo do Deus altíssimo. Veio para reinar, por ser descendente de Davi e descendente de Deus. Veio para dar a vida e servir à humanidade, de maneira a transformar a todos que crerem nele. O reinado de Cristo é, primeiramente, espiritual e assim tem se desenvolvido, mas será também físico quando na sua vinda futura. As Escrituras irão se cumprir cabalmente, pois Deus presenciou o futuro e nos avisou no passado!

Jesus reina e reinará para todo o sempre. João disse que tudo foi feito através dele. Isaías atesta o propósito de sua primeira vinda quando carregaria sobre si todo o pecado do mundo, sendo contado com os transgressores e tornando-se nosso intercessor. O escritor de Hebreus nos ensina sobre o sacerdócio eterno de Cristo e Paulo nos lembra que nele já vencemos o pecado e a morte!

Pedro nos fortalece ao incluir nossa parte ao olharmos para ele e o seguirmos, enquanto Lucas registrou tudo de todos para evidenciar o que a fé em Jesus proporcionou aos que se uniram aos discípulos. Toda a Bíblia foi escrita para exaltar a obra de Deus através de Cristo, pois nós caímos em Adão e fomos restaurados em Jesus. O único porém das escrituras é que atestam que nem todos verão esta glória porque não creram no Filho. Jesus é Senhor de muitos, mas não de todos. É Senhor daqueles que se submeterem ao seu ensino, sacerdócio e reinado, que forem adotados pelo Pai a partir do Filho, e não serão todos que farão esta aliança bendita.

Jesus Cristo veio para nos dar a vida eterna. Foi contado entre dois transgressores, os que foram crucificados junto com ele. Os dois refletem bem a nossa condição de que qualquer um pode receber a vida eterna em Cristo e que nem todos decidirão por ela. Os dois eram pecadores e tiveram a mesma oportunidade. Um arrependeu-se e pediu para estar com Cristo na eternidade, enquanto o outro o desprezou. Ambos morreram a primeira morte, mas aquele que recebeu a Cristo como Senhor já não verá a segunda morte!!!!

Jesus intercede por nós e já deu sua vida na cruz. Não há impedimento algum para o recebermos como Senhor, salvador, rei, amigo, irmão, mestre, conselheiro, aquele que nos resgatou das trevas para a sua maravilhosa luz. Nele não há pecado e, por isso, venceu a morte. Nele somos aperfeiçoados e transformados para sermos conforme ele é e não seremos envergonhados no Dia do Senhor. Pelo contrário, seremos justificados por aquele que deu a vida por nós, para que através dele sejamos santos e santificados por toda a eternidade!

Cristo está sendo anunciado e muitos o receberão com alegria. Façamos parte deste grupo e vivamos sem temer a morte, pois já foi vencida por ele e nós também a venceremos por causa dele! Ele carregou com os nossos pecados e intercede por todos. Não ignoremos esta dádiva, pois quem assim fizer estará vivendo por sua própria força e fora da vontade do Pai. Foi o Senhor que se agradou em moê-lo para que tivéssemos vida, para que tivéssemos oportunidade de perdão e restauração, para que finalmente pudéssemos retornar para os braços do Pai. Sim, Deus nos deu o Seu Filho para que pudéssemos nos tornar filhos também e esta graça bendita está ao alcance de todos que crerem nela.

Confiemos no amor de Deus! Que Cristo viva em cada coração e sejamos família espiritual, em nome de Jesus!

Ano 2#168

Somos reconciliados com Deus através de Cristo!

A alma que pecar, essa morrerá; o filho não levará a iniquidade do pai, nem o pai, a iniquidade do filho; a justiça do justo ficará sobre ele, e a perversidade do perverso cairá sobre este. Mas, se o perverso se converter de todos os pecados que cometeu, e guardar todos os meus estatutos, e fizer o que é reto e justo, certamente, viverá; não será morto. De todas as transgressões que cometeu não haverá lembrança contra ele; pela justiça que praticou, viverá. Acaso, tenho eu prazer na morte do perverso? — diz o Senhor Deus; não desejo eu, antes, que ele se converta dos seus caminhos e viva?
‭‭Ezequiel‬ ‭18:20-23‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/ezk.18.20-23.ARA

Glórias a Deus pela Sua bendita palavra! Ezequiel recebe de Deus a palavra de que cada um é responsável pela sua vida. No capítulo 18 de Ezequiel Deus mostra que pais e filhos podem ter caminhos diferentes, que filhos não necessariamente seguem o mesmo caminho dos pais. E mais, aquele que pecar é quem entra em condenação, mas o justo não.

Nos versos acima vemos um Deus que não tem prazer na injustiça, nem na destruição do ser humano, mas que todos se arrependam de seus pecados e vivam vidas justas. Aquele que se arrepende e passa a viver justamente tem seus pecados perdoados e esquecidos. Esta é uma promessa de Deus já no Antigo Testamento.

E é justamente pela nossa dificuldade em vivermos desta forma que Jesus Cristo, o Filho Unigênito de Deus, apresenta-se à nosso favor:

E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas. Ora, tudo provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, a saber, que Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não imputando aos homens as suas transgressões, e nos confiou a palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores em nome de Cristo, como se Deus exortasse por nosso intermédio. Em nome de Cristo, pois, rogamos que vos reconcilieis com Deus. Aquele que não conheceu pecado, ele o fez pecado por nós; para que, nele, fôssemos feitos justiça de Deus.
‭‭2Coríntios‬ ‭5:17-21‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/2co.5.17-21.ARA

Deus nos reconcilia consigo mesmo através de Cristo, nos tornando justificados, feitos justiça de Deus! Já não há lembrança de nossos pecados quando recebemos Cristo como Senhor! Recebemos nova natureza espiritual, novas vestes, novos nomes, um “reset” em nossa carreira espiritual, uma folha limpa, com o Espírito Santo nos ajudando a permanecermos santos para o SENHOR!

É sobrenatural, é graça, pela fé em Cristo! A promessa feita no Antigo Testamento é cumprida em Cristo pois nos tornamos novas criaturas espirituais. Ainda que erremos, temos a percepção do erro, acesso a Deus para pedirmos perdão, orientação divina para reparamos o erro cometido e seguirmos em frente de cabeça erguida. Satanás não pode mais nos culpar e apontar o dedo por erros perdoados. Deus não o faz!

Precisamos reconhecer nossos pecados. Precisamos pedir perdão pelos nossos pecados! Precisamos receber o perdão e acolhe-lo! Há muitos doentes de alma porque se sentem culpados eternamente, mas em Cristo há perdão, mudança de estado espiritual, acolhimento do pecador arrependido! Há cura da alma para quem está em Cristo! Ele veio para tirar o pecado do mundo, pois recebeu sobre si todo o pecado da humanidade. O justo que não conheceu pecado se tornou injusto, para que nós injustos fôssemos feitos justiça de Deus!

Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.
‭‭Romanos‬ ‭8:1‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/rom.8.1.ARA

Em Cristo somos reconciliados, mas sem Cristo permanece a sentença de quem pecar, este morrerá! Que façamos a escolha hoje, enquanto Cristo está estendendo os braços para nós!

Ano 2#153