A fé que vem por Jesus transforma situações!

Pela fé no nome de Jesus é que esse mesmo nome fortaleceu a este homem que vocês estão vendo e bem conhecem. Sim, a fé que vem por meio de Jesus deu a este homem saúde perfeita na presença de todos vocês.
Atos 3:16 NAA
https://bible.com/bible/1840/act.3.16.NAA

Somos desafiados diariamente em nossa fé. Qual o limite do poder de Deus? Se não há limites, tudo é possível ao que crê! Nós temos sido o fator limitador da operação de milagres neste mundo. Nos convencemos de que é melhor assim, que não há jeito, deve ser a vontade de Deus!

A vontade de Deus também é realizada através da nossa fé. Se entendermos que o reino de Deus é construído através da maneira como os cristãos agem neste mundo, teríamos muito mais ousadia no que pediríamos ao Pai!

Se a transformação de uma situação extremamente desfavorável em uma favorável pode trazer fé ao coração das pessoas, por que não buscar isto de Deus? Por que deixar-se vencer? Não é esta perseverança que O glorificará?

Que milagre estamos precisando hoje? Clamemos ao Pai, através do nome de Jesus Cristo, e esperemos confiantes no Senhor em adoração. Muitos se alegrarão e serão alcançados por tamanha fé e o reino de Deus será expandido! Deus seja louvado através das nossas vidas e dos grandes sinais que Ele realizará!

Ano 2#331

Pequenos atos de fé são suficientes para grandes milagres de Deus!

Então, Jesus, erguendo os olhos e vendo que grande multidão vinha ter com ele, disse a Filipe: Onde compraremos pães para lhes dar a comer? Mas dizia isto para o experimentar; porque ele bem sabia o que estava para fazer.
João 6:5‭-‬6 ARA
https://bible.com/bible/1608/jhn.6.5-6.ARA

Deus sabe o que irá fazer, mas deseja que participemos do seu reino. Nem sempre temos noção da importância de nossas ações, mas elas estão cooperando para com o que Deus está fazendo em nossas vidas e na vida daqueles que estão à nossa volta.

Filipe achou um rapaz que havia se preparado para estar muitos dias com Jesus. Este rapaz foi diligente! Através dele milhares de pessoas foram abençoadas e deve ter ficado extremamente feliz de participar de um milagre! Ele não foi o milagre e nem o fez, mas trouxe recursos para que o milagre fosse feito.

Assim é conosco! Participar do milagre da obra de Deus é sermos digentes com os dons recebidos, sejam recursos do mundo ou capacidades espirituais. Fazendo a nossa parte, ainda que parecendo pouco neste instante, pode abrir uma grande janela de oportunidade para o Senhor fazer milagres através da nossa oferta de gratidão.

Filipe aprendeu uma grande lição que foi não ignorar pequenas coisas na presença de Deus. Nada é tão pequeno que Deus não possa transformar em algo grandioso. O universo que o diga!!!! E ninguém deve ser desprezado, bem como a sua pequena oferta. Com o Senhor, o jovem com um pouco de comida foi o gatilho para milhares se alimentarem.

Qual será a nossa oportunidade de participarmos de algo grandioso com Deus? Todos os dias, enquanto o Senhor estiver fazendo sua obra e contando com a nossa participação!!!! Fiquemos atentos, pois não vamos querer deixar de ver tantas vidas abençoadas, não é mesmo! Seja o Senhor glorificado através das nossas pequenas atitudes de fé!

Ano 2#247

Qual a nossa necessidade? Jesus está aqui para nos ajudar!

Ora, descendo ele do monte, grandes multidões o seguiram. E eis que um leproso, tendo-se aproximado, adorou-o, dizendo: Senhor, se quiseres, podes purificar-me. E Jesus, estendendo a mão, tocou-lhe, dizendo: Quero, fica limpo! E imediatamente ele ficou limpo da sua lepra.
Mateus 8:1‭-‬3 ARA
https://bible.com/bible/1608/mat.8.1-3.ARA

Qual a nossa necessidade hoje? Uma cura? Emprego? Perdão? Em Jesus Cristo encontramos o que precisarmos. Ele não é um supermercado onde compramos o que precisamos, mas quem a todos dá liberalmente porque precisamos dele!

Cristo não nos pergunta do por que precisamos e nem coloca pré-requisitos para nos dar, pois ele é supridor do necessitado. Nossa transformação ocorre nele porque aprendemos sobre um amor não dependente do nosso desempenho ou gratidão, mas porque somos amados de Deus!

Nosso constrangimento ocorre quando nos damos conta de que não merecemos e ainda assim recebemos. Maior ainda é quando somos encontrados ao invés de buscá-lo! Não importa, Jesus é ministro do amor de Deus na vida de todos os necessitados de seu amor.

Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e achareis; batei, e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e, a quem bate, abrir-se-lhe-á.
Mateus 7:7‭-‬8 ARA
https://bible.com/bible/1608/mat.7.7-8.ARA

Oremos por ajuda. O Senhor está ao nosso alcance, basta orarmos da maneira que soubermos. Ele está esperando para conversar conosco e nos dar o que estamos precisando agora. Seu amor nos transformará, ainda que hoje só nos enxerguemos pecadores. Não é pelo que fazemos, mas por quem Ele É! Esta é a verdade do evangelho, onde nós pecadores somos visitados e alcançados pela graça e a misericórdia de Deus!

Ano 2#241

Nossa fé abençoa a muitos!

Ao ver a fé que eles tinham, Jesus disse ao paralítico: “Homem, seus pecados estão perdoados”.
‭‭Lucas‬ ‭5:20‬ ‭NVT‬‬
https://www.bible.com/1930/luk.5.20.nvt

Uma das coisas mais tremendas a respeito de Deus é que Ele responde à fé que temos em Suas promessas! Mais impressionante é o poder da fé que temos poder impactar positivamente aos que ainda não a tem! Jesus ressuscitou a Lázaro e a filha de Jairo e curou o cego de nascença sem que estes tivessem como mostrar fé para que tais milagres ocorressem em suas vidas e ainda assim receberam das mãos de Deus porque Jesus orou e exerceu fé para com a situação deles.

Isto aumenta a importância da fé que existe em nossas vidas. Podemos não só pedir por nós, mas também por outros. Este é o papel da Igreja que não está aqui pelo simples fato de ter fé em Jesus, mas porque tem esta fé pode e deve exerce-la em favor dos que ainda não a possuem. Os amigos do paralítico exerceram e lograram êxito em ter o seu amigo curado por Jesus, o Filho de Deus!

Hoje podemos pedir por nós e nossos amigos. Há sempre algo acontecendo a nossa volta pelo qual podemos exercer fé em favor de alguém. Ser instrumento de Deus é questão de fé na Sua palavra, pois não somos merecedores de nada. Ainda que sejamos muito aquém do que enxergamos em nós, o amor ao próximo cobre multidão de pecados e nos torna mais propícios a Deus por crermos no Seu poder em favor de outros. Nossa caminhada de santificação só termina ao darmos o último suspiro aqui e ainda estaremos lutando contra a nossa natureza de pecado.

Portanto, se olharmos para nós nunca exerceremos fé, pois nunca nos acharemos dignos. Por outro lado, Deus não é gênio da lâmpada que satisfaz a todos os nossos desejos porque pode faze-los. Assim, precisamos aprender que os nossos pedidos devem estar ligados aos planos de Deus que são de paz e bondade para todos os homens. Se assim entendermos, não haverá pedido de oração que o Senhor não se agrade em responder, porque feito para a Sua glória e por amor às pessoas.

Que as nossas orações venham ao encontro da vontade de Deus e sejamos instrumentos de Sua graça. Que possamos exercer fé em todas as circunstâncias, pois Deus tem cuidado de nós! Nesta pandemia precisamos cuidar de nossos familiares, amigos e colegas, orando em todo tempo para que a boa mão de Deus esteja livrando-os das situações difíceis. Embora o mundo esteja em crise devemos estar em Cristo, pois teremos paz, esperança e poder de Deus para mudar as circunstâncias a favor daqueles que oramos.

Deus se agrada quando exercemos fé e esta é uma característica de um filho que conhece a força do pai. Não terá medo quando estiver com ele e não duvidará de que ele pode fazer todas as coisas. A criança vê no pai um herói e é esta a característica do Cristão que conhece o Pai Todo-Poderoso!

Ano 2#125

Misericórdia não se recebe por mérito, senão seria chamada de pagamento!

Que diremos, pois? Há injustiça da parte de Deus? De modo nenhum! Pois ele diz a Moisés: Terei misericórdia de quem me aprouver ter misericórdia e compadecer-me-ei de quem me aprouver ter compaixão. Assim, pois, não depende de quem quer ou de quem corre, mas de usar Deus a sua misericórdia.
‭‭Romanos‬ ‭9:14-16‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/rom.9.14-16.ara

Quanto mais buscamos a Deus mais ficaremos agradecidos por sua misericórdia. Ora, se alguém recebe algo por mérito é porque mereceu receber, mas quem recebe sem merecer só pode estar agradecido pela misericórdia alcançada!

Quanto mais enxergamos a glória de Deus mais percebemos o quanto não merecemos a sua benevolência. Se não temos vivido conforme a vontade do Senhor mas temos violências, prostituições, roubos, mentiras, falta de perdão e arrependimento entre nós, por que Deus nos daria boas coisas? Ainda assim recebemos dos céus operações de milagres e curas!

Pelas misericórdias de Deus o mundo tem sido poupado! Já foi destruído uma vez e será novamente em um tempo futuro por causa da desobediência humana. Mas, neste período ao qual chamamos de “Era da Graça” ou o “Tempo dos Gentios” temos a oportunidade de nos arrependermos ao enxergarmos a graça de Deus através do sacrifício de Jesus.

Paulo, explicando aos romanos, nos ensina que a misericórdia é dada a quem não merece. Portanto, se não há mérito é então pela vontade e escolha de quem dá e isto não gera injustiça, pois não há obrigação de ser para com todos! Assim, se todos pecamos diante de Deus e ninguém merece a salvação, esta será alcançada por quem conseguir acessa-la através do sacrifício de Jesus Cristo, em todos os tempos, pelo nome que conheceram, conhecemos e conhecerão!

Todos os povos verão Jesus Cristo voltar e os que creram o exaltarão, enquanto os que não creram lamentarão! Há três religiões provenientes de Abraão, pai da fé e quem primeiro recebeu a promessa. Todos os descendentes na fé de Abraão esperam um messias, aquele que colocará tudo em ordem. Para os cristãos é Jesus quem veio e retornará! No seu retorno tudo será entendido e até lá esperaremos vivendo pela fé, graça e gratidão por toda a benção recebida de Deus!

Importa que o Senhor seja engrandecido e tenhamos respeito uns pelos outros porquanto enxergar a Cristo não é por mérito, mas um exercício de Deus em nossas vidas que exige a nossa sensibilidade. Por isso quem já creu deve insistir para com quem ainda não, exercendo a misericórdia de Deus em cada vida. Sejamos instrumentos divinos nas mãos do Senhor e levemos a palavra de fé que salva e transforma o pecador!

Se desejamos um mundo melhor então precisamos de Deus conosco, Emanuel, o nome de Jesus Cristo nas escrituras! Deus conosco é o ponto de inflexão, quando o calendário ocidental foi transformado e nunca mais será ditado por outro deus ou evento que deu origem a algum povo em especial. É quando o “Tempo dos Gentios” e da graça foi inaugurado e já está se encerrando. Depois deste tempo tudo será ainda mais difícil e quem conseguirá fugir da ira vindoura? Bom é aproveitarmos da misericórdia enquanto podemos alcança-la, pois não estará disponível para sempre e em qualquer lugar. Não merecemos, portanto, não contemos com a certeza de recebe-la depois que a porta se fechar…

E, saindo elas para comprar, chegou o noivo, e as que estavam apercebidas entraram com ele para as bodas; e fechou-se a porta. Mais tarde, chegaram as virgens néscias, clamando: Senhor, senhor, abre-nos a porta! Mas ele respondeu: Em verdade vos digo que não vos conheço.
‭‭Mateus‬ ‭25:10-12‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mat.25.10-12.ara

Ano 2#104

Estamos buscando as bençãos passageiras de Deus ou o Deus da benção eterna?

Partindo Jesus dali, retirou-se para os lados de Tiro e Sidom. E eis que uma mulher cananeia, que viera daquelas regiões, clamava: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de mim! Minha filha está horrivelmente endemoninhada. Ele, porém, não lhe respondeu palavra. E os seus discípulos, aproximando-se, rogaram-lhe: Despede-a, pois vem clamando atrás de nós. Mas Jesus respondeu: Não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. Ela, porém, veio e o adorou, dizendo: Senhor, socorre-me! Então, ele, respondendo, disse: Não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos. Ela, contudo, replicou: Sim, Senhor, porém os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos. Então, lhe disse Jesus: Ó mulher, grande é a tua fé! Faça-se contigo como queres. E, desde aquele momento, sua filha ficou sã.
‭‭Mateus‬ ‭15:21-28‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mat.15.21-28.ara

Esta passagem muitas vezes nos causa estranheza pois Jesus agiu diferentemente para com esta mulher. O cego Bartimeu, no caminho de Jericó (Marcos 10.46-52) também clamou, também o chamou de Filho de Davi, também pediu compaixão de sua situação e também disse o que precisava. No entanto, Jesus não atendeu de imediato esta mulher, mas a pôs à prova, enquanto prontamente deu vista ao cego Bartimeu!

Jesus disse que havia vindo para os da casa de Israel, não para os de fora. Que esta mulher, para eles, era como que um cachorrinho que não deveria ser considerado como os filhos de Israel, mas que permanecessem como animais de estimação, em segundo plano. Ora, dura foi esta palavra de Jesus, mas o contexto não nos permite entender os aspectos psicológicos da mulher ou refutar o que o apóstolo João declara no início de seu evangelho quando afirma que Jesus havia vindo para os seus, mas os seus não o receberam.

Bartimeu era israelita, esta mulher era cananeia. Mas podemos argumentar que Jesus curou todos os que lhe foram trazidos, de todas as regiões, inclusive de estrangeiros. Por que então dificultar para esta mulher? Jesus viu nela algo diferente que necessitava uma abordagem diferente. Um pai precisou pedir fé para que seu filho fosse curado depois que Jesus desceu do monte da transfiguração (Marcos 9.24). Esta mulher não precisou disto. Ela necessitou apenas se humilhar diante do Filho de Deus, daquele que tudo podia fazer mas era de um povo que possivelmente ela desdenhava.

Muitos querem a benção de Deus e não o senhorio dele. Muitos estão interessados em receber porque confiam que Deus fará, mas não desejam se sujeitar a serem servos do Senhor. Muitos estão desejosos de terem milagres à sua disposição, pois descobriram que Deus pode mudar as nossas vidas, mas ainda não entenderam que Ele opera para transformar a humanidade muito além de curas e sinais.

É necessário que ultrapassemos o estágio do pedido porque teremos graça a receber e operarmos no mundo pela fé que Jesus fará para trazer a existência um caminho frutífero em muitas vidas. A perseverança em humildade deu a esta mulher a condição de ter o resultado esperado. Talvez fosse alguém que desistisse fácil de seus sonhos, mas em prol da sua filha foi além. Mas Jesus a testou para produzir uma fé além da benção. O evangelho nos deixa uma pista, pois se sabemos no final que a filha foi curada é porque ela voltou para contar e muito possivelmente se tornou uma seguidora!

Hoje talvez nós estejamos pedindo algo a Deus mas não temos convicção de permanecer na benção pedida, seja um curso ou trabalho, mas Jesus poderá nos desafiar a irmos com mais convicção. Jesus age com cada um como precisamos que ele aja. No relacionamento com ele somos trabalhados como indivíduos, naquilo que precisamos e não do que queremos. O Senhor não vai responder igualmente a todos os que o buscam com uma frase construída. Cada oração, ainda que tenham as mesmas palavras, terá uma resposta adequada ao indivíduo que pede. Filhos tem uma resposta e estrangeiros outra. Todos são ouvidos, mas a prioridade é para os filhos.

Estrangeiros são os que ainda não se entregaram ao Senhor e estes precisam de uma fé para buscarem em Deus uma benção e de outra ainda maior para a salvação. Ainda que recebamos bençãos sem pedirmos a Deus, a salvação não funciona assim. Esta é mediante a fé no Filho, em seu sacrifício. As bençãos estão disponíveis aos que buscam a Deus e aos que não buscam. Deus se revela a todos, mas a salvação é a pedido, no relacionamento com Cristo!

A mulher cananeia veio pedir ajuda para sua filha e foi desafiada a ir além. Jesus nos desafia hoje também. Estamos buscando as bençãos passageiras de Deus ou o Deus da benção eterna? Que a nossa fé seja acrescentada para não ficarmos no nível da saciedade material, mas entrarmos nas profundezas espirituais em Cristo!

Ano 2#86

Confiemos na graça e na misericórdia de Deus!

De caminho para Jerusalém, passava Jesus pelo meio de Samaria e da Galileia. Ao entrar numa aldeia, saíram-lhe ao encontro dez leprosos, que ficaram de longe e lhe gritaram, dizendo: Jesus, Mestre, compadece-te de nós! Ao vê-los, disse-lhes Jesus: Ide e mostrai-vos aos sacerdotes. Aconteceu que, indo eles, foram purificados.
‭‭Lucas‬ ‭17:11-14‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/luk.17.11-14.ara

É necessário que confiemos em Jesus quando lhe pedimos um milagre. Muitas vezes pode acontecer de pedirmos o milagre e não confiarmos que realmente aconteça. Isto não é fé genuína, apenas desespero por não saber mais o que fazer.

Dez homens leprosos já não tinham mais a quem recorrer. Sem medicação em tempos antigos somente milagres poderiam resolver algumas questões. Talvez porque tenhamos o recurso da ciência ao nosso alcance ficamos menos sucetíveis a esperar por milagres. Mas, nos dias que estamos vivendo nem toda a ciência garante um tratamento garantido para esta pandemia.

Estamos de volta aos tempos destes 10 leprosos e podemos buscar a Cristo em sua misericórdia. Infelizmente alguns estarão buscando porque não lhes resta mais o que fazer, mas importa termos fé no Senhor! Ele mandou os leprosos irem se mostrar aos sacerdotes, o que exigiria fé da parte deles. É como se enxergar como leproso mas acreditar que já está curado!!!!

Busquemos o nome que está acima de todo nome, o médico dos médicos, o dono da vida! Quem se achega a ele não sairá jamais de mãos vazias, mas será abençoado porque creu em suas promessas, a começar pela vida eterna!

Oremos diante do Senhor com fé, agradecendo pela graça alcançada, pois Deus se alegra com quem nEle confia!

Ano 2#52

Onde Jesus está agindo?

Jesus ordenou à multidão que não contasse a ninguém, mas, quanto mais ele os proibia, mais divulgavam o que havia acontecido. Estavam muito admirados e diziam repetidamente: “Tudo que ele faz é maravilhoso! Ele até faz o surdo ouvir e o mudo falar!”.”
‭‭Marcos‬ ‭7:36-37‬ ‭NVT‬‬
https://www.bible.com/1930/mrk.7.36-37.nvt

Será que paramos de ver as maravilhas de Deus acontecerem entre nós? As pessoas viam e não conseguiam se conter, ainda que Jesus dissesse para não exporem os milagres. É possível se calar ao participarmos de algo tão tremendo? Pois parece que nada de extraordinário está acontecendo a nossa volta que tenha este impacto trazido por Cristo!

Temos a grande comissão para falarmos das maravilhas do reino de Deus, mas parece que não temos sobre o que falar, pois só há pregações para arrependimento, clamor para restauração de fé ou para perseverarmos no meio das aflições! Devemos estar olhando apenas para nós, por isso não enxergamos os milagres nos outros!

Por onde Jesus passa há transformação. Será que ele está passando ou “ficou em casa” também? Onde estão os necessitados aí estará o Senhor e seu povo a fazer o bem. É tempo de se levar a glória de Deus não só com palavras, mas com o amor em ação. É aí onde os sinais e maravilhas acontecem e naturalmente o nome do Senhor é engrandecido.

O silêncio é sinal de paralisação e isto não edifica e nem ajuda. Que possamos exercer com sabedoria a fé em Cristo, não perdendo as oportunidades de exaltarmos a glória de Deus!

Ano 2#49

A ressurreição é também uma promessa!

Ao cair da tarde daquele dia, o primeiro da semana, trancadas as portas da casa onde estavam os discípulos com medo dos judeus, veio Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco! E, dizendo isto, lhes mostrou as mãos e o lado. Alegraram-se, portanto, os discípulos ao verem o Senhor. Disse-lhes, pois, Jesus outra vez: Paz seja convosco! Assim como o Pai me enviou, eu também vos envio. E, havendo dito isto, soprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo. Se de alguns perdoardes os pecados, são-lhes perdoados; se lhos retiverdes, são retidos.
‭‭João‬ ‭20:19-23‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.20.19-23.ara

Na manhã do terceiro dia Jesus ressuscitou, assim como alguns que estavam mortos também saíram de seus sepulcros, como as primícias da ressurreição prometida! Quem crer não permanecerá morto, mas ressuscitará no dia em que Jesus chamar sua Igreja! Este sinal foi feito para que creiamos na promessa!

De tarde, Jesus aparece aos seus discípulos adentrando um ambiente trancado e mostra sua lateral e mãos marcados para que os discípulos entendessem ser o mestre que havia sido pregado na cruz e trespassado pela lança, confirmando ser aquele um corpo diferenciado, pois ainda guardando características do corpo material conhecido das pessoas era capaz de atravessar paredes e ainda reter alimentos. Um corpo glorificado que não trará consigo o peso e o desejo do pecado, pois fora transformado em um tabernáculo perfeito!

Jesus ministra o Espírito Santo sobre aqueles que nele crerem, pois é a chave para sermos transformados de dentro para fora, a fim de sermos capacitados em todo o amor e nos dons para a obra de Cristo nesta Terra. Os dons cessarão quando morrermos nesta Terra, pois são para aqui, mas o amor permanecerá, pois é a essência de Deus! A ressurreição de Cristo é a maior vitória da humanidade estabelecida por Deus. É motivo de comemoração eterna e seremos chamados para comermos com ele nas Bodas do Cordeiro!

Este tempo está cada dia mais próximo e a expectativa nos traz o desejo de nos aprontarmos. Certo é que acontecerá quando menos esperarmos e importa sermos encontrados prontos. O noivo está voltando! Cristo ressuscitou e voltou para o Pai, mas deixou aqui a sua Igreja que perpetua a sua mensagem de amor, paz e sacrifício para o cumprimento da justiça de Deus!

Todo Cristão é um enviado para proclamar o Evangelho da graça e para levar o perdão de pecados através da fé em Cristo! Hoje é dia de grande celebração e amanhã também! Fomos abençoados tremendamente e devemos tomar posse desta benção que é a salvação. Não adianta um prêmio se não for resgatado, um herança não utilizada, uma saúde desperdiçada, dons esquecidos e palavras de bem não anunciadas.

Que possamos entender a ressurreição como um evento transcedental, capaz de mudar a vida de todos os que creem em Jesus Cristo morto e ressurreto! Não permaneceremos como dantes, pois receberemos o Consolador que nos guiará pelos dias que virão! Jesus está vivo e nós recebemos esta vida porquanto cremos nele! E isto não será tirado de nós! Glórias ao Deus eterno e Todo-Poderoso!

Ano 2#39

Cuidemos dos sinais. Que sejam fruto da fé e boas obras em Cristo!

Novamente, se retirou para além do Jordão, para o lugar onde João batizava no princípio; e ali permaneceu. E iam muitos ter com ele e diziam: Realmente, João não fez nenhum sinal, porém tudo quanto disse a respeito deste era verdade. E muitos ali creram nele.
‭‭João‬ ‭10:40-42‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.10.40-42.ara

Há os que creem pelo que ouvem e leem e há os que creem por ver os sinais. Há os que não creem ouvindo e/ou vendo e os que nunca viram e nem ouviram falar de Jesus Cristo. Em meio a tantas circunstâncias diferentes há ainda os que viram e creram e, depois, se desviaram e buscam desviar a outros. Afinal, qual é a verdade à respeito de Jesus? Onde obte-la?

Jesus está explicado e apontado nas Escrituras Sagradas. Ele é revelado na Bíblia para que possamos entender o Pai. Sem conhecermos Jesus continuaremos na ignorância de Deus e do propósito da humanidade. Profetas apontaram o desvio do caminho, e João Batista apontou o caminho, pois o viu em vida! Jesus fez mais que os profetas, pois além de mostrar o caminho para o Pai ainda libertou cativos espirituais e curou enfermidades de todos os tipos.

Ainda hoje Jesus continua esta obra a partir da igreja instituída em seu sangue, seu sacrifício, para que possamos participar do seu corpo e da eternidade com ele. Se a igreja mostra o caminho e pratica os sinais, então vidas serão alcançadas e transformadas. Se os que se chamam de igreja não viverem como Jesus viveu, então não importará os sinais realizados diante dos homens.

Sem transformação interior não haverá ganho algum pelos sinais. A Bíblia ensina que o diabo faz sinais também. Ensina que no nome de Jesus, ainda que vivamos em pecado, poderemos expressar sinais:

Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniquidade.
‭‭Mateus‬ ‭7:21-23‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mat.7.21-23.ara

Temos sido exaustivos sobre a salvação ser estabelecida pela fé em Jesus Cristo e não pelas obras. Mas a resposta da fé em Jesus são obras! Elas são a consequência da salvação. Quem recebe o Espírito Santo por ter sido salvo não permanece praticando pecados, pois passou das trevas para a luz. Já não precisa se esconder, pois em sua transformação interna passa a desejar as boas obras!

A igreja transformada faz a diferença onde estiver. A não transformada nem igreja é! Não podemos viver pelo nome de Cristo e não sermos convertidos de verdade, como convencidos. O convertido vive para Deus e tem compaixão pelo seu próximo. Não vira os olhos para o perdido e não se alegra com a maldade. Deseja ver um mundo melhor e participa desta construção. Calar-se e ignorar tudo à volta é omissão e não é característica do povo de Deus.

Jesus fez sinais e maravilhas e muitos creram nele. No entanto, hoje muitos podem fazer o mesmo em seu nome. Não podemos nos amparar apenas neste quesito para concordarmos com a santidade de quem opera tais milagres. Jesus é santo. Deus é santo e somos chamados a sermos santos. Os sinais seguirão os que creem, ainda que estejam deixando a santidade.

Precisamos cuidar de nossas vidas e conhecer Jesus Cristo profundamente. Fazendo assim não iremos nos esquecer de quem somos e como precisamos dele. Iremos cuidar de fazer a sua obra e amar o próximo. Iremos usufruir do amor de Deus e da vida eterna. Seremos luz e sal para que outros sejam abençoados! Seremos justos e poderemos alcançar superior conhecimento de Deus. Alegraremos o coração do Pai e não desviaremos ninguém da presença dEle!