Devemos buscar o Filho se quisermos o Pai.

O Pai ama ao Filho, e todas as coisas tem confiado às suas mãos. Por isso, quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, todavia, se mantém rebelde contra o Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus.
‭‭João‬ ‭3:35-36‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.3.35-36.ara

O evangelhista e apóstolo João mostra claramente que sem conhecermos a Cristo não teremos oportunidade de entendermos verdadeiramente o Pai. Quem não conhecer o Filho não conhecerá o Pai. E o desconhecimento de Deus nos leva a uma vida longe de seus propósitos.

O que fazer quanto a isto? Os que já creem devem expressar a vida de Cristo para ser manifesta aos que não creem ou não o conhecem. Sem testemunho, apenas com sinais e prodígios a atenção do descrente será alcançada. Deus providenciará que uma ou outra aconteça através de seus servos!

A vida eterna começa na transformação do caráter do homem para refletir a imagem e semelhança de Deus. Enquanto a transformação do caráter é obra do Espírito Santo, o testemunhar o novo caráter é a nossa obra. Assim é a cooperação entre nós e o Espírito. Sem ele não há renovação de vida, mas ele não realiza as obras que cabe a nós realizarmos.

Portanto, não receber o Espírito através da fé em Cristo é permanecer na busca de obras que não glorificam a Deus, ou realizar obras para tentar mostrar que merecemos a salvação ou nem uma coisa e nem outra. Sem termos o propósito alinhado com Deus é como jogarmos futebol sem sabermos para que gol correr. Queremos jogar e chutar, mas sem entender o motivo ou o objetivo a alcançar.

Cristo nos dá a verdadeira motivação, objetivo e a explicação de quem é Deus. Até entendermos isto permaneceremos na ilusão de sabermos quem somos e para onde vamos. Na nossa arrogância permaneceremos na rebeldia, mas na nossa humildade encontraremos a direção em Cristo para seguirmos no amor de Deus.

Ano 2#67

Jesus traz vida abundante para toda a eternidade!

Porque o pão de Deus é o que desce do céu e dá vida ao mundo. Então, lhe disseram: Senhor, dá-nos sempre desse pão. Declarou-lhes, pois, Jesus: Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome; e o que crê em mim jamais terá sede.
‭‭João‬ ‭6:33-35‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.6.33-35.ara

Há um pão que vem de Deus e dá vida ao mundo. É Jesus Cristo, o Filho de Deus! Jesus é santo, maravilhoso conselheiro, o Senhor da graça, o amigo, o libertador, nosso advogado, mas nesta passagem desejamos destacar o alimento que sustenta a nossa vida!

Esta vida possui um significado mais expressivo do que apenas a espiritual. Nada acontece no mundo natural sem que tenha sido designado no espiritual. Somos seres espirituais habitando em corpos materiais e precisamos do alimento espiritual para alcançarmos nosso propósito de vida.

Por que muitas vezes andamos sem saber para onde, ou o que devemos estar fazendo, ou quem somos? Isto ocorre por falta do alimento espiritual que nos traz entendimento, propósito e paz!

Jesus é este alimento que nos direciona e sustenta, que nos capacita a uma vida abundante. Sem ele parece que tudo é aleatório, que não há sentido nas coisas que acontecem a nossa volta e que estamos desamparados.

Não, há sim uma direção a ser tomada, um caminho a seguir, um lugar a alcançarmos que nos traz paz, segurança e descanso! Jesus é alimento e bebida aos que estão cansados e abatidos, aos tristes e desesperançados. Ele é abrigo na tormenta e salvação para os que fogem da morte!

Não há outro que seja tanto para nós. Ele recebeu de Deus este cargo, esta responsabilidade e esta autoridade. Ele é Deus e nos trata como irmãos, vindo encher a casa do Pai com aqueles que ele mesmo busca dentre nós. A festa está sendo preparada e nunca mais teremos fome e sede de justiça e nem dormiremos sentindo um vazio dentro de nós.

Esta pandemia irá passar, mas Jesus permanecerá como o único caminho de vida eterna. Entremos e vivamos por este caminho. Basta crer e caminhar com ele. Não haverá melhor parceiro de caminhada, ainda que andemos pelo vale da sombra da morte. Com ele chegaremos às águas tranquilas e pastos verdejantes como ovelhas bem cuidadas.

Jesus desceu para nos dar vida e nos levar com ele um dia. Quando chegar a hora subiremos triunfantes, sem medo, pois fomos cuidados e tratados para adentrarmos em um reino celestial e não para ficarmos decadentes em um reino material. Aqui o alimento produz vida por um pequeno momento, mas o alimento celestial produz vida por toda a eternidade. Jesus é o pão que desceu do céu. Que venhamos a nos alimentar dele todos os dias, para a glória de Deus!

Ano 2#32

Deus está no controle de tudo!

Disse Daniel: Seja bendito o nome de Deus, de eternidade a eternidade, porque dele é a sabedoria e o poder; é ele quem muda o tempo e as estações, remove reis e estabelece reis; ele dá sabedoria aos sábios e entendimento aos inteligentes.
‭‭Daniel‬ ‭2:20-21‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/dan.2.20-21.ara

Daniel foi arrancado de sua terra natal e levado para a Babilônia no tempo de Nabucodonosor. Ali Deus usou sua vida de maneira poderosa e lhe deu sabedoria e longevidade. Dele são estas palavras que revelam paz interior e sabedoria dos propósitos de Deus.

Não importam os resultados das eleições nos Estados Unidos da América ou nas eleições municipais no Brasil. Deus está no controle e usará estas circunstâncias para realizar a sua obra. Se um povo está rebelde, permitirá que o seu líder os oprima para que se voltem a Deus. Se o povo se submete ao Senhor, colocará um líder que seja uma benção sobre todos e até mesmo que venha a levar este modo de vida para outros lugares.

Portanto, todas as coisas irão cooperar para o bem daqueles que tem propósito para com Deus (Romanos 8.28). Ainda que pareça ruim, tem ganho para o reino de Deus. Se tem ganho para o reino, então estejamos fortalecidos no Senhor. Assim devemos viver se acreditamos sermos peregrinos nesta terra.

Importa que vidas sejam salvas para a eternidade e Deus cuidará para que isto aconteça. Nosso problema é achar que amor é apenas gerar circunstâncias que tragam bem estar. No entanto, mudanças drásticas de comportamento ocorrem em situações de necessidade. E Deus sabe como transformar uma situação na outra.

José foi vendido como escravo para o Egito e ficou muitos anos como servo e preso. Ao final se tornou o segundo homem mais poderoso da terra e salvou toda a família da fome. Situações que parecem ruins e se transformam em benção (Gênesis 37-41).

Confiemos em Deus, pois Ele vê através do tempo e da dor, da facilidade e da dificuldade e nada lhe escapa. Tenhamos fé de que o que ocorre hoje está cooperando para o nosso bem no amanhã. Creiamos naquele que traz esta certeza a nós, Jesus Cristo, enviado para que pudéssemos receber esta promessa até a eternidade!