#3_314 O mal não fica impune!

Tendo Jesus entrado no templo, expulsou todos os que ali vendiam e compravam; também derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas. E disse-lhes: Está escrito: A minha casa será chamada casa de oração; vós, porém, a transformais em covil de salteadores.
Mateus 21:12‭-‬13 ARA
https://bible.com/pt/bible/1608/mat.21.12-13.ARA

Jesus expulsou aqueles que estavam fazendo comércio no templo. É dito que sacerdotes estavam em conluio com os vendedores para que as pessoas só pudessem fazer os sacrifícios se usassem os animais vendidos no templo. Também que tais animais não valiam tanto quanto pediam e até não eram perfeitos como a lei mandava.

Assim, faziam comércio para o mal e não para o bem, desviavam a conduta da lei e se apossaram daquilo que devia ser sagrado. Não ficaram impunes nas mãos de Jesus. Ele os tocou de lá e não foi verbalmente, mas com uso da força. Erra quem acredita que Jesus não usa de força para deter a iniquidade.

Em alguns milagres de cura Jesus usou o natural para fazer o sobrenatural. Por isso existe um corpo de Cristo na terra, para que através de pessoas haja pregação e ministração da graça e da misericórdia de Deus! Nem todas as curas são ministrações puramente sobrenaturais, pois anjos não pregam a palavra de Deus e não temos visto mais alimentos caindo dos céus.

Deus espera que nos posicionemos de maneira adequada quanto ao reino. Que deixemos nossos pecados e iniquidades, que larguemos a corrupção, que sejamos justos e façamos justiça. E haverá o momento em que possivelmente teremos de usar a força também. Policiais são a força do Estado para que bandidos sejam capturados. Os juristas são a força para julgamento e os legisladores para constituir a lei.

Cada poder constituído é feito para exercer sua função e, se houver desvio, deverá ser corrigido. Oremos para que não seja necessário uso da força para correção, mas isto só virá do arrependimento de quem está errando. Sem tal atitude a força será necessária, senão o mal continuará desviando o propósito e causando situações terríveis para todos os que ali viverem.

Cristo tem toda autoridade nos céus e na terra e constitui e derruba reis. Ele o faz de maneira sobrenatural, mas também usa o natural. Estejamos atentos ao mundo e comecemos a limpeza do templo de nossos corações. Duro será ser enxotado por Cristo por estarmos atuando com injustiça ou por negligenciarmos a justiça de Deus para com o pobre e necessitado!

#3_292 A vaidade produz injustiça!

Por que hei de eu temer nos dias da tribulação, quando me salteia a iniquidade dos que me perseguem, dos que confiam nos seus bens e na sua muita riqueza se gloriam?
Salmos 49:5‭-‬6 ARA
https://bible.com/pt/bible/1608/psa.49.5-6.ARA

A injustiça está ligada à vaidade humana. Algumas pessoas que prosperam e se tornam alvo de interesse de muitas outras se esquecem de como chegaram lá e de quem as ajudou. É fácil observar casamentos que duraram até que um dos parceiros se tornou celebridade. O que dizer de negócios?

Ingratidão a Deus é mais comum ainda. Recebemos tudo do Senhor, vida, cobertura, proteção, alimento, etc. Se algo sai dos eixos agradecemos ou murmuramos? Assim fazemos com Deus e com os homens. Terceirizamos culpas e nos defendemos ofendendo os outros.

Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente no meio das tribulações (Salmos 46:1). Por isso não devemos temer o injusto. Deus virá ao nosso encontro para enfrentar por nós o ímpio. Descanse em Deus, pois o vaidoso cairá sobre a sua própria vaidade. Sua própria língua o condenará!

Vivamos sob a paz dos que obedecem a Deus e sejamos gratos a quem nos ajuda em nossa caminhada. Dependemos uns dos outros e é bom quando podemos ajudar sem nos preocuparmos em receber o mal pelo bem que fizemos. O mundo é injusto, mas não devemos continuar a torná-lo assim, pelo contrário!

Portanto, o injusto quando se levanta contra o justo combaterá contra o próprio Deus e não prevalecerá! Ainda que nos arranquem até a última gota de sangue as almas dos justos estarão seguras diante de Deus enquanto os injustos seguirão para o inferno!

#3_235 A ira não produz justiça!

Vocês sabem estas coisas, meus amados irmãos. Cada um esteja pronto para ouvir, mas seja tardio para falar e tardio para ficar irado. Porque a ira humana não produz a justiça de Deus.
Tiago 1:19‭-‬20 NAA
https://bible.com/bible/1840/jas.1.19-20.NAA

Nossa ira só tem produzido injustiça. Pegamos em armas, ofendemos pessoas, construímos muros de separação e geramos inimizades ao permitir que a ira tome conta de nós. Como impedir que isto aconteça?

Em primeiro lugar Tiago nos diz para ouvirmos mais antes de abrirmos a boca. Significa pensar sob outros ângulos, entender mais o ponto de vista dos outros antes de julgar. Quando saímos rebatendo sem entender totalmente a colocação não só estamos ignorando o que a pessoa está falando mas nos impedindo de entendê-la.

Se ela agir da mesma forma então o volume começa a subir para provarmos quem sabe mais ou está com a razão, podemos atacar a pessoa, ao invés de suas colocações e, depois disso, ficaremos com o coração triste e amargo pelo ocorrido. Se nossa vaidade for atacada com fervor então a ira vem para passar como rolo compressor.

O resultado vemos diariamente. O meio político acaba apelando para esta estratégia e isto é terrível, pois só vemos ataques entre opositores ao invés de uma discussão de propostas. A vaidade derruba qualquer oportunidade de crescimento quando aliada a ira. Povos foram destruídos, nações inteiras estraçalhadas pela vaidade de alguns. Não há justiça nisto também!

Que possamos ouvir o Espírito Santo e segurarmos a nossa língua e buscar entender o interlocutor. Não estaremos mostrando fraqueza, muito pelo contrário. O sábio fala pouco e certeiramente, enquanto o falto de sabedoria se torna tagarela para tentar provar que sabe alguma coisa. Deixe que fale até provar sua ignorância e pedir conselho se conseguir enxergar sua necessidade!

Não coloquemos mais ódio no mundo, mas pelo contrário. No silêncio iremos ganhar os corações ao levarmos o amor de Deus. Falaremos quando necessário pois não podemos nos calar diante da injustiça, mas não adianta usar do mesmo artifício de derrubarmos a pessoa. Quem é justo se não for por Cristo? Mas as obras já mostraram quem é cada um.

Que o Senhor nos ajude a sermos mais justos neste mundo injusto, sermos luz e sal quando ninguém mais se importa com o que está acontecendo a nossa volta. Precisamos ter mais paciência e precisão ao falar. O mundo já está polarizado e cheio de ódio e não precisamos colocar mais lenha na fogueira. Em Cristo venceremos se obedecermos à sua palavra!!!

#3_228 Nenhuma injustiça ficará impune!

A ira de Deus se revela do céu contra toda impiedade e injustiça dos seres humanos que, por meio da sua injustiça, suprimem a verdade.
Romanos 1:18 NAA
https://bible.com/bible/1840/rom.1.18.NAA

Deus está irado com a injustiça humana. Se não estivesse não precisaríamos falar sobre a sua misericórdia, paciência e graça. Não precisaríamos de um salvador e nem do evangelho. Sem a compreensão da sua santidade e ira contra o pecado as Escrituras não passam de estórias que muitos não acreditam.

Deus também é amor e, por isso, nos enviou Jesus. Mas, também é justo e não deixará impune as nossas transgressões se não houver justificação! A obra de Cristo em nós está justamente na nossa necessidade de sermos restaurados em nosso relacionamento com Deus. Foi rompido no Éden e continua até o momento em que cada um é justificado em Cristo.

Sem esta justificação não há perdão. Sem perdão a justiça virá contra nós e seremos lançados no cárcere eterno, sem visitas, saídas ou pena reduzida. É só imaginar que a companhia no cárcere será o diabo e seus anjos que estarão sendo atormentados também! Tal entendimento deveria nos trazer temor.

Aqueles que não tem suprimem esta verdade e fazem de conta de que nada vai acontecer. Sabem que vai, mas vivem como se tudo fosse terminar bem. Não será assim, mas o cálice da ira será derramado sobre esta terra. O evangelho é o que de mais precioso poderia haver. É a saída, nosso passaporte para a liberdade, a visão do céu e nosso alívio!

Cristo é a resposta da ira, a misericórdia que veio até nós, nossa segurança para que não sejamos contados com os injustos, ainda que tenhamos sido de igual forma. Quando Jesus justifica é para sempre e não precisaremos de outro advogado. Não há prisão eterna com Cristo, mas liberdade eterna!

No temor seremos gratos por termos sido salvos e nos preocuparemos em levar este entendimento a outros. Cristo veio para buscar um número de pessoas que desconhecemos e a justiça virá quando este número for atingido. Até lá vivamos em santificação e obediência de quem é grato.

Nossas obras não salvam e nem nos mantém salvos, só Cristo o faz. Mas um coração agradecido opera a graça e a misericórdia recebidas. Arrependimento é mudar de comportamento e amar é o símbolo da nova vida dada por Cristo. Quem suprime a verdade não ama, é descrente e carregará sobre si todo o mal que pratica. Nenhuma injustiça ficará impune!

#3_186 Injustiça não fica sem pagamento

pois aquele que faz injustiça receberá em troco a injustiça feita; e nisto não há acepção de pessoas.
Colossenses 3:25 ARA
https://bible.com/bible/1608/col.3.25.ARA

Há um ditado popular que diz “aqui se faz, aqui se paga”. Certamente é uma referência à lei da semeadura e da colheita espiritual, no sentido negativo. Deus é justo e executará sua justiça para com todos, sem exceção.

O que nos confunde é achar que a nossa salvação seja uma carta branca para o nosso viver. Se creio em Cristo e estou salvo, então meus pecados já não contam mais. Porém isto só significa que Cristo perdoou nossas transgressões para efeito de salvação, não necessariamente eliminou os demais efeitos que nossos pecados geraram.

E é simples de entender. Um criminoso que está regenerado no seu espírito pode ter se convertido na cadeia e ter muitos anos de pena a cumprir. Não é porque se converteu que será livre das cadeias. Um adultério onde uma criança foi concebida fora do casamento pode ser perdoado, mas a criança não deixará de viver por isto e as consequências permanecem.

Deus mantém a justiça sobre todas as coisas. E saibamos que a cobrança sobre a santidade começará pelos filhos de Deus. A igreja será a primeira a ser tratada antes do mundo ser julgado. Não haverá acepção de pessoas. Creio que quem tem maior conhecimento erra mais quando peca, pois sabia das consequências desde o princípio.

O erro não deixa de ser erro só porque teremos a oportunidade de arrependimento. A Bíblia condena o pecado feito com propósito, pois é certo que não edificará a ninguém, pelo contrário. Precisamos atentar para que a santidade de Deus não seja afetada, pois o estrago na vida das pessoas é sempre maior quando nossos erros afastam de Deus a quem nos observa.

Que olhemos para Cristo e nos submetemos à voz do Espírito Santo. Fazendo assim estaremos buscando caminhar nos passos do mestre e ele é justo, não tendo pecado algum. Os demais viventes não são o melhor parâmetro e nos decepcionaremos cedo ou tarde, inclusive conosco. Bom é o Senhor Jesus que nos mostra o caminho para o Pai!

#3_127 2 Pedro 2:5 Injustiça

e não poupou o mundo antigo, mas preservou a Noé, pregador da justiça, e mais sete pessoas, quando fez vir o dilúvio sobre o mundo de ímpios;
2Pedro 2:5 ARA
https://bible.com/bible/1608/2pe.2.5.ARA

Os injustos receberão a injustiça como salário por sua injustiça. Não seria isto justiça? Então porque a humanidade reclama das mazelas que está passando?

Rouba o próximo, deseja o que o outro tem, pensa em imoralidades ainda que não as cometa fisicamente, deseja o mal a outrem, mente, difama, e comete tantos outros erros que ninguém escapa a lista.

Deus ainda não destruiu novamente os injustos, mas o fará agora pelo inferno que aguarda a quem permanece na rebeldia. O inferno não é uma questão de maldade de Deus, mas justiça para com quem foi justificado e justiça para com quem não foi e permanece na injustiça.

Em Noé houve um reinício da obra e em nossos dias temos em Cristo a regeneração da espécie humana. Os não regenerados morrerão no lago de fogo. Importa alcançarmos tal regeneração, pois se nossa injustiça permanece, a justiça de Deus prevalecerá.

A misericórdia do Senhor ainda perdura. Aproveitemos o momento favorável a nós e nos arrependamos de nossos pecados. Deus é bom e recompensará os justos com a Sua eterna presença!!!!