#3_53 1 Coríntios 1:18-20

Certamente, a palavra da cruz é loucura para os que se perdem, mas para nós, que somos salvos, poder de Deus. Pois está escrito: Destruirei a sabedoria dos sábios e aniquilarei a inteligência dos instruídos. Onde está o sábio? Onde, o escriba? Onde, o inquiridor deste século? Porventura, não tornou Deus louca a sabedoria do mundo?

1 Coríntios 1:18-20

Enquanto o evangelho não faz sentido para quem o lê parece ser loucura, pois fala de parâmetros que não tem sentido quando aprendemos a viver pelos parâmetros do mundo. As pessoas nos ensinam a evitar ficar perto de toda pessoa que nos faça mal, que tenha energia negativa, mas o evangelho nos ensina a ir até estas pessoas, pois são as que mais precisam ouvir a palavra de Cristo e receber um amor proveniente da misericórdia e graça.

As pessoas nos ensinam que só alcançamos a salvação por mérito, enquanto o evangelho nos diz que o mérito da salvação é a vontade de Deus para nós. Se houvesse mérito em nós não seria um processo de escolha, mas de passar por um crivo e ser achado satisfatório para ele. Mas, a Bíblia nos ensina que somos escolhidos e, portanto, o parâmetro de escolha não é algo que simplesmente possamos definir, pois pertence a Deus.

Isto confunde o mundo, pois um mesmo problema acontece tanto ao que crê em Jesus como ao que não crê, como se fosse um castigo não merecido para quem crê. Mas, a verdade é que Deus é soberano e não cabe a nós entendermos a sua justiça, mas sermos gratos por existirmos e podermos ser alcançados por sua misericórdia. Enquanto não entendermos isto não conseguiremos navegar pelas páginas do evangelho sem achar que são loucura!

Oremos e busquemos a verdade de Deus, de que somos pecadores destituídos de sua glória e que precisamos desesperadamente do salvador anunciado, Jesus Cristo! A partir desta verdade seremos “empoderados” no amor, na paz e na alegria de Deus, independentemente da circunstância que estivermos passando. Afinal, este mundo passará, mas não a mensagem do evangelho que nos dá a vida eterna com o Senhor!

#3_35 Marcos 12:24

Respondeu-lhes Jesus: Não provém o vosso erro de não conhecerdes as Escrituras, nem o poder de Deus?

Marcos 12:24

Precisamos de equilíbrio e buscar tanto as escrituras quanto o poder de Deus! Ao buscar seu poder, sem as escrituras, acabo por esquecer o motivo do poder. Sem buscar o poder, mas as escrituras, deixo de lado o poder que impacta o mundo e olho apenas para mim. Deus fez os dois para que sejamos impactados e possamos revelar o seu poder através de nossas vidas. Ao buscarmos em separado estamos mais preocupados conosco. O evangelho é servir e, para isto, precisamos conhecer tudo o que o Senhor nos disponibiliza para a sua obra. Deus seja louvado!

Busquemos a Deus com fé!

A ti, que habitas nos céus, elevo os olhos! Como os olhos dos servos estão atentos às mãos dos seus senhores, e os olhos da serva, à mão de sua senhora, assim os nossos olhos estão atentos ao Senhor, nosso Deus, até que tenha compaixão de nós.
Salmos 123:1‭-‬2 NAA
https://bible.com/bible/1840/psa.123.1-2.NAA

Na hora da dificuldade precisamos clamar a Deus. Não importa o que nossos olhos estejam vendo ou os nossos corações estejam sentindo, a última palavra vem do Senhor, o autor da vida!

Muitas são as circunstâncias que podem nos levar ao desespero, mas Deus pode nos livrar de todas. Não devemos ignorar o seu auxílio e nem o seu poder. Na Antiga Aliança o povo de Deus recebeu muitos livramentos em guerras onde estavam em minoria absoluta. Entregaram suas vidas ao Todo-Poderoso e venceram exércitos invencíveis.

Muitas vezes Deus é quem pelejará por nós e veremos a transformação completa do quadro que se apresentava de maneira desvantajoso em completa vitória. Tenhamos fé no Altíssimo, pois nossa constituição é fraca e Ele É poderoso para vencer as nossas batalhas. Confiemos em Deus e façamos a nossa parte. A dEle é a que não temos condições de realizar. Portanto, clamemos ao Senhor que tudo pode!

Seja uma questão financeira, emocional, de saúde, não importa. Se nEle nos refugiados teremos auxílio e proteção. Deus não ignora uma petição de seus filhos. Pelas suas muitas misericórdias pode ser que não ignore a petição de quem nunca o busca também. Por isso, esta é uma oportunidade de buscá-lo de maneira franca, pois ele se agrada de quem dEle se aproxima pela fé!

A vida é um desafio diário e é bom podermos contar com um Pai tremendo. Você já o busca desta forma? Se não, então tenha um encontro com Cristo, aquele que nos leva ao Pai! Jesus é o nosso caminho para Deus, aquele que veio trazer o entendimento certo e abrir as portas do céu para nós. Ele é agora o intercessor e quem nos ajudará nas pelejas da vida. Nele temos acesso ao Senhor Todo-Poderoso.

Em Cristo somos feitos filhos de Deus (João 1.12), aptos a recebermos da graça e da misericórdia. É através dele que podemos clamar ao Pai! Estejamos atentos ao Senhor e esperemos nele a mudança de nossas vidas. Será através de Cristo que teremos este suporte. Oremos em nome de Jesus e agradeçamos, pois pela fé no Senhor poderemos alcançar o que antes nos era impossível!

Ano 2#329

Provemos do amor de Deus!

Oh! Provai e vede que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia.
Salmos 34:8 ARA
https://bible.com/bible/1608/psa.34.8.ARA

Durante as lutas da vida podemos nos esquecer de que há um Deus zeloso, esperando para ser acessado por nós. Muitas vezes ignoramos o poder de Deus e acreditamos que é inalcançável ou que não merecemos. Realmente não merecemos, mas está ao alcance de todos que o buscarem.

Dificilmente homens e mulheres buscaram a Deus fora das suas dificuldades e só na extrema dificuldade, quando já não há mais nada a fazer, é que buscamos auxílio no sobrenatural. Mas não deve ser assim.

Deus se revelou a nós por meio de aparições, o envio de sua palavra, através de Cristo e, em nossos dias, através de pessoas que lhe servem. É no seu amor que somos alcançados. É na sua boa vontade e misericórdia que recebemos auxílio e fortaleza, socorro no meio das tribulações, sabedoria nas decisões, encorajamento para vivermos e livramento para não sermos derrubados pelo maligno.

É preciso confiar que Deus é bom e isso dependerá de provarmos da sua benção. Ao provarmos, constataremos que é verdade e, assim, nossa fé aumentará. É nesse ambiente de experimentação de Deus que seremos alcançados por sua graça e desejaremos cada vez mais a sua presença. Deus é bom, mas só descobre isto quem confia nEle!

Feliz será quem nEle se refugiar. É promessa do Deus Todo-poderoso!!! Fé é exercida nas nossas atitudes. Se confiamos nEle viveremos por suas palavras e alcançaremos o que nelas está definido. Vamos dar este passo de fé?!

Ano 2#327

Reina o Senhor!

Reina o Senhor; tremam os povos. Ele está entronizado acima dos querubins; abale-se a terra. O Senhor é grande em Sião e sobremodo elevado acima de todos os povos. Celebrem eles o teu nome grande e tremendo, porque é santo.
Salmos 99:1‭-‬3 ARA
https://bible.com/bible/1608/psa.99.1-3.ARA

Deus é santo e Todo-Poderoso. Isto basta para que o adoremos. Não importa o que somos, temos ou almejamos, isto não mudará quem Ele É! Só isto é suficiente para que o adoremos! Não pelo que alcançamos, mas porque Deus é tudo para nós.

Deus não é um gênio da lâmpada para ficarmos orando só fazendo pedidos para serem respondidos. Se assim pensarmos, acabaremos por responsabiliza-lo por tudo que não acontecer segundo lhe pedimos! Não somos filhos mimados que basta chorarmos e receberemos. Ele faz o que faz porque deve ser feito!

A grande questão é podermos celebrar o Deus que criou todas as coisas e tem domínio sobre todas elas. Ele é justo, ainda que homens não sejam e transtornem a vida de outros. Muitos questionam por que Deus permite que a maldade prospere, mas a verdade é que nós homens desejamos a maldade e Ele está aguardando nosso arrependimento.

Muitos perguntam por que o Senhor não executa sua justiça contra os maldosos e permite que continuam vivos fazendo mal a outros? É porque todos somos maus diante da santidade dEle! Não há nenhuma pessoa que seja impecável e se há algum pecado então não é boa genuinamente. Portanto, toda a humanidade seria aniquilada.

Aquilo que para um povo é liberdade, para outro pode ser imoralidade. O que para um é justiça, para outro abuso de autoridade. E por aí vai! Nós nos condenaríamos uns aos outros. Isto acontece até entre religiões. Ninguém se salvaria se não fosse pela intervenção do próprio Deus!

Qual o padrão então? O de Deus! O que fazer então? Seguir os seus preceitos! Qual é a obra de Deus? Isto perguntaram ao próprio Cristo:

Dirigiram-se, pois, a ele, perguntando: Que faremos para realizar as obras de Deus? Respondeu-lhes Jesus: A obra de Deus é esta: que creiais naquele que por ele foi enviado.
João 6:28‭-‬29 ARA
https://bible.com/bible/1608/jhn.6.28-29.ARA

Se desejamos verdadeiramente adorarmos a Deus devemos seguir a Jesus, conhecendo o evangelho e o compartilhando. Fazendo assim o adoraremos por quem Ele É, buscando conhecer e praticar sua vontade. No final, buscaremos adora-lo nos amando como Jesus nos amou, e isto é abandonar nossa vontade em primeiro lugar e colocar a do Senhor na frente da nossa, ajudando ao invés de pedirmos ajuda, dando ao invés de pedirmos, visitando ao invés de pedirmos visita.

O reino de Deus é estendido quando adoramos a Deus por quem Ele É, fazendo a sua obra sobre as vidas de quem está próximo de nós em primeiro lugar. Importa o hoje, quem está perto, nossas responsabilidades. Se agirmos com graça faremos o que agrada a Deus e assim glorificamos o Seu nome. Esta é a oração do servo, para que outros possam receber o que o Senhor lhes entregou para a eternidade!

Deus seja louvado a todo tempo. Assim entraremos na vida eterna com Ele e continuaremos a fazer com alegria porque Ele É santo e bom, imutável e Todo-Poderoso! Louvemos ao Senhor!

Ano 2#323

Nada se compara à ajuda de Deus!

Não confio no meu arco, e não é a minha espada que me salva. Pois tu nos salvaste dos nossos inimigos e cobriste de vergonha os que nos odeiam. Em Deus, nos temos gloriado continuamente e para sempre louvaremos o teu nome.
Salmos 44:6‭-‬8 ARA
https://bible.com/bible/1608/psa.44.6-8.ARA

Em quem devemos confiar? Em Deus podemos! Muitas vezes queremos fazer na nossa força, mas certamente não será a melhor solução. Confiar em Deus é ouvir os seus conselhos e até mesmo aguardar por ajuda. Há momentos em que pessoas nos ajudarão, outros em que precisaremos esperar por uma direção para agirmos e até os que não precisaremos realizar ação alguma.

Saber ouvir a Deus é uma atividade que exige a presença do Espírito Santo para nos guiar. Não adianta abrirmos a Bíblia em qualquer versículo e agirmos na primeira palavra lida se o Espírito Santo não nos der a aplicação. Seria o mesmo que fazer na nossa força e ainda colocaremos culpa em Deus pelo que vier a ocorrer.

A verdade é que precisamos orar mais e estarmos sensíveis ao que Deus tem para nós. No poder de Deus venceremos as lutas diárias, ainda que sejamos nós a executar as ações. Agir sem Deus é fazer na própria força e agir com Deus é fazer na força dEle! O que é melhor? Sem dúvidas poderemos fazer muito mais e bem melhor com Deus!

Que decisões precisamos tomar? Que ações a realizar? Este é um bom momento para pararmos e orarmos a Deus, pedindo por direção. Glórias a Deus que nos enviou Jesus Cristo para podermos ter acesso ao Senhor a qualquer momento. Sem a redenção isto não seria possível. Então, façamos uso desta bendita prerrogativa e sejamos abençoados no que Deus fizer em nossas vidas. Ainda que passemos pelo vale da sombra da morte não temeremos, pois não estaremos sozinhos!

Ano 2#257

A misericórdia de Deus nos alcança em Cristo!

Então, Jesus foi com eles. E, já perto da casa, o centurião enviou-lhe amigos para lhe dizer: Senhor, não te incomodes, porque não sou digno de que entres em minha casa.
Lucas 7:6 ARA
https://bible.com/bible/1608/luk.7.6.ARA

O centurião nos ensina que milagres ocorrem porque Deus age e podemos esperar o seu favor. Reconheceu que não era digno, mas que Deus agiria por misericórdia e graça. Não colocou impedimento de nenhum tipo, fosse por ser gentio, por distância ou por não acreditar, mas pelo contrário. Buscou ajuda do Pai de Misericórdia no momento em que o seu servo precisava. Ainda por cima, nem estava pedindo para si mesmo ou para um familiar!

Tal fé impressionou a Jesus que prontamente atendeu não só o convite, mas a ação necessária para a manifestação do milagre. Aliás, Cristo não age com letargia, mas com presteza! Temos repetidamente dito que a fé é depositada no coração dos que ouvem a respeito dos feitos de alguém e passamos a confiar nesta pessoa. A fé não é proveniente da nossa capacidade de crer em alguém simplesmente, mas de confiar que esta pessoa é capaz de cumprir suas promessas!

O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos, e apregoar o ano aceitável do Senhor.
Lucas 4:18‭-‬19 ARA
https://bible.com/bible/1608/luk.4.18-19.ARA

Por que podemos esperar que Jesus cure e liberte? Porque ele prometeu que faria e fez! E continuará fazendo. Sua fidelidade nos traz a certeza de que podemos confiar em sua palavra, seu evangelho. Jesus Cristo é o verbo que nos traz vida, perdoa nossos pecados e nos reconcilia com Deus! Se não tivermos fé nele, então não teremos como usufruir de suas promessas.

O que faremos a respeito? O centurião abençoou seu servo por ter tido fé em Cristo. Nós também podemos ser abençoados e abençoadores através da mesma fé. Ninguém é digno, e Jesus é misericordioso! Não há impossíveis para Deus!

Ano 2#252

Aprendamos com a criação!!!!

Os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras das suas mãos. Um dia profere palavras a outro dia, e uma noite revela conhecimento a outra noite. Não há fala, nem palavras; não se lhe ouve a voz. Por toda a terra estende-se a sua linha, e as suas palavras vão até os confins do mundo. Neles, pôs uma tenda para o sol, o qual, como noivo que sai do seu tálamo, se regozija, como herói, para correr a sua carreira.
Salmos 19:1‭-‬5 TB
https://bible.com/bible/277/psa.19.1-5.TB

A beleza da criação fala sozinha do poderio de Deus. O universo proclama a maravilha do que podemos enxergar da manifestação do que o Todo-Poderoso preparou para a nossa vida neste plano de existência. Não temos noção do que será na eternidade, pois se já é difícil conhecermos o que é visível, o invisível se torna ainda mais misterioso em nossas mentes limitadas.

No entanto, a beleza, o critério, o cuidado, o amor, a precisão dos eventos cósmicos nos revelam que será ainda mais espetacular o que nos aguarda. Ainda assim devemos usufruir de todo o mundo criado, experimentando a graça e o amor de Deus. Observar a criação é também um gesto de adoração a Deus, em gratidão. Sabemos que nem todos os lugares são agradáveis de viver por causa da interferência humana, mas outros se tornaram agradáveis por causa dela

Séculos atrás seria inviável viver no deserto ou ilhas isoladas, mas hoje temos a capacidade de tornar estes lugares habitáveis. Multiplicar-se e ocupar toda a terra foi uma ordenança divina. Não há lugar proibido senão aquele que se torna um ídolo em nossas vidas. A criação deve nos lembrar de Deus, não ser adorada no lugar de Deus! Agradar-se do que agradou a Deus é dar valor ao que Ele dá!

Viu Deus tudo quanto fizera, e eis que era muito bom. Houve tarde e houve manhã, dia sexto.
Gênesis 1:31 TB
https://bible.com/bible/277/gen.1.31.TB

Cuidemos da criação, pois também é uma ordenança. É usufruir de maneira racional e transformar em um ambiente que gera vida e sustenta a vida. Precisamos de sabedoria de Deus para que isto seja possível sem termos de viver como índios, pois também devemos nos multiplicar na terra e não há conquista sem retirar plantas e montes para gerar habitação. O segredo é olhar para o Criador e entender Sua mensagem. Um dia revela o que se aprendeu para o dia seguinte, pois a gestão do conhecimento nos ajudará a não repetirmos os erros do passado.

Homens ignoraram os desígnios de Deus e se destruíram e destruíram a criação. Sem amor continuaremos a não valorizar onde vivemos e com quem convivemos. Sem olharmos para Deus nos esqueceremos de quem somos e por que estamos vivendo aqui. O risco de se viver sem Deus é permanecer na eternidade desta mesma forma!

Ano 2#238

Há estratégia em como viver e pregar o evangelho!

Passadas estas coisas, Jesus andava pela Galileia, porque não desejava percorrer a Judeia, visto que os judeus procuravam matá-lo.
‭‭João‬ ‭7:1‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/jhn.7.1.ARA

Jesus como Filho de Deus poderia exercer poder como Eliseu ao trazer cegueira para o exército Sírio que o pressionava, ou como Elias que trouxe fogo do céu e destruiu dezenas de soldados que queriam lhe levar à força e também destruiu centenas de sacerdotes de Baal à espada pelas suas próprias mãos. Mas não, o Filho de Deus não exerceu este tipo de poder entre nós. Não desejava que seu poder fosse confundido com um reino semelhante ao do mundo!

Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo. Se o meu reino fosse deste mundo, os meus ministros se empenhariam por mim, para que não fosse eu entregue aos judeus; mas agora o meu reino não é daqui. Então, lhe disse Pilatos: Logo, tu és rei? Respondeu Jesus: Tu dizes que sou rei. Eu para isso nasci e para isso vim ao mundo, a fim de dar testemunho da verdade. Todo aquele que é da verdade ouve a minha voz.”
‭‭João‬ ‭18:36-37‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/jhn.18.36-37.ARA

O reino de Cristo é espiritual. Muitos hoje esperam que Jesus apareça novamente para exercer um reino milenar entre nós com cetro de ferro, mas a verdade é que ele já está reinando em nossos corações se o tivermos por Senhor! Se o estivermos aguardando somente para a sua volta podemos cair no erro dos falsos religiosos e não permitirmos que reine agora em nossas vidas, trazendo um mau testemunho para o mundo.

Não devemos dominar pessoas ou força-las a terem a fé em Cristo ou queima-las por pensarem diferente a respeito do reino. Jesus discipulou e evidenciou a graça do Pai, a partir do seu serviço, trazendo o fogo do Espírito Santo para as nossas vidas, não para nos matar, mas para nos dar a vida eterna!

Não devemos ser dos que usam das armas do mundo contra o mundo, mas das armas espirituais à favor do mundo. Se somos exército de Deus então buscaremos trazer a paz através de nossas atitudes de perdão e amor, paciência e oração contínua para que as potestades malignas de Satanás sejam debeladas, em o nome de Jesus!

Como estamos vivendo às oposições contra nós? Como Pedro usando espada para cortar a orelha dos opositores ou como o Senhor, resplandecendo a graça e a misericórdia de Deus? Tenhamos primeiro a inteligência espiritual de Cristo que se movia de maneira inteligente, sabendo onde estavam os opositores que poderiam trazer maior dificuldade. A revelação do poder é feita com estratégia do Espírito Santo, não ao nosso prazer ou vontade pessoal.

E, percorrendo a região frígio-gálata, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de pregar a palavra na Ásia, defrontando Mísia, tentavam ir para Bitínia, mas o Espírito de Jesus não o permitiu. E, tendo contornado Mísia, desceram a Trôade. À noite, sobreveio a Paulo uma visão na qual um varão macedônio estava em pé e lhe rogava, dizendo: Passa à Macedônia e ajuda-nos. Assim que teve a visão, imediatamente, procuramos partir para aquele destino, concluindo que Deus nos havia chamado para lhes anunciar o evangelho.
‭‭Atos‬ ‭16:6-10‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/act.16.6-10.ARA

Peçamos a sabedoria de Cristo e vivamos o evangelho da paz! No discernimento trazido pelo Espírito Santo teremos vitória contra os inimigos da verdade. Paulo viveu esta palavra e precisamos vive-la também. A eternidade já está ao alcance dos que creem e devemos leva-la aos que ainda não a conhecem. Faremos isto, de acordo com a vontade de Deus e a direção do Espírito. Há estratégia na divulgação do evangelho!

Ano 2#227

Deus nos traz sabedoria para mudarmos o mundo!

Este lhe disse: Tive um sonho, e não há quem o interprete. Ouvi dizer, porém, a teu respeito que, quando ouves um sonho, podes interpretá-lo. Respondeu-lhe José: Não está isso em mim; mas Deus dará resposta favorável a Faraó.
‭‭Gênesis‬ ‭41:15-16‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/gen.41.15-16.ARA

Temos insistido que os dons que recebemos não são para nós, mas recebidos de Deus para ajudar ao próximo. José recebeu sonhos e não sabia como interpreta-los para a sua própria vida, mas podia dar a interpretação dos sonhos de outros, o que significava ter a direção de Deus para as vidas à sua volta. Tal dom lhe deu a oportunidade de se tornar o governador de todo o Egito e circunvizinhança, sendo poderoso na terra e temido!

Dons de Deus nos ajudam a estabelecer melhorias na vida das pessoas, é uma forma de lhes ajudar a resolver questões fundamentais como saúde, relacionamentos, finanças e estrutura familiar e/ou de negócios. Nestas questões onde o natural traz limitações o conhecimento de Deus é essencial para termos a capacidade de solucionarmos os problemas. Nem sempre faremos uso do sobrenatural para resolve-los, pois não será necessário. Mas o espiritual trará a resposta certa a ser usada no material e esta vantagem competitiva não está à disposição de todos.

Deus se agrada daqueles que o buscam e o salmista deixou claro que há uma revelação pessoal do Senhor para as nossas vidas:

A intimidade do Senhor é para os que o temem, aos quais ele dará a conhecer a sua aliança.”
‭‭Salmos‬ ‭25:14‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/psa.25.14.ARA

Com a aliança o Senhor nos revelará as profundezas espirituais e uma sabedoria não disponível aos que vivem pelo natural. Estas coisas nos permitirão ir além do que o homem natural poderia fazer em termos de vida com Deus. Não falo a respeito de sucesso ou riquezas, mas de sabedoria, paz, amor, felicidade e os demais aspectos do Fruto do Espírito.

A amizade de Deus é o nosso maior bem, sua herança, sacrifício e salvação em Cristo nos transforma e eleva em amadurecimento de vida. Estas coisas não são aprendidas sem a presença de Deus e não há proveito em se ter uma vida sem estas verdades. A virtude maior é justamente buscarmos o Senhor e o Seu reino, pois nele viveremos eternamente. Não conhece-lo é desperdiçar nosso tempo nesta vida passageira e não nos prepararmos para a que virá.

José viveu em grandes apuros após ser vendido como escravo, mas pode ser usado por Deus e transformar a vida de milhares de pessoas, senão milhões. Na sabedoria de Deus viveu e fez que muitos vivessem, abençoando e sendo abençoado na terra de suas peregrinações. Sejamos como José, buscando conhecer e viver para Deus. Do Senhor virá o que será necessário para as nossas vidas e seremos felizes despenseiros de Sua graça e misericórdia para o mundo!

Ano 2#223