A que pai estamos honrando?

Replicou-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, e isso nos basta. Disse-lhe Jesus: Filipe, há tanto tempo estou convosco, e não me tens conhecido? Quem me vê a mim vê o Pai; como dizes tu: Mostra-nos o Pai?
‭‭João‬ ‭14:8-9‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/jhn.14.8-9.ARA

Somos 50% da carga genética de cada um de nossos pais biológicos. Assim, somos descendentes e herança genética de nosso pai e de nossa mãe. Seremos semelhantes em características de um e do outro, em formas de agir, pensar e até fisicamente.

Filipe pede a Jesus para mostrar o Pai e Jesus responde dizendo-lhe que ele, Jesus, é semelhante ao Pai. Se conhecermos a Jesus estaremos conhecendo o Pai, porque Jesus Cristo é Filho, legítimo, espiritual, proveniente de Deus! Jesus tem poder e autoridade concedidos por Deus para conduzir toda a humanidade de volta ao caminho da vida eterna, da filiação por novo nascimento em Espírito, para sermos a imagem e semelhança de Deus como fomos criados no Éden.

Em Jesus temos o resgate da natureza divina que perdêramos quando a humanidade pecou contra Deus. Ficamos apegados com a parte carnal, pois a espiritual deixou de ter comunhão com o Pai, e isto precisava ser concertado. Jesus veio restaurar nossa comunhão com Deus, sendo o caminho de volta, nossa luz na escuridão, nosso irmão mais velho que cuida dos pequenos!

A quem temos por Pai? Se Cristo é nosso irmão, então teremos semelhança com ele, em amor, paciência, graça e misericórdia. Mas se continuamos a roubar, defraldar, trair, adulterar e mentir sem sentirmos nenhum remorso, então temos por pai o diabo! Nossas ações acabam por refletir a nossa paternidade espiritual. Nossas atitudes são reflexo do relacionamento espiritual que temos nas regiões celestiais. E neste campo recebemos direcionamento de quem desejamos obedecer.

Nossa filiação espiritual foi comprometida no Éden pois havíamos sido criados para sermos filhos de Deus, até que tomamos outro caminho. A que pai desejamos nos assemelhar? A quem estamos seguindo? A quem estamos honrando? Se Deus é nosso Pai, seguiremos Sua direção e Cristo é nosso irmão. Temos esta segurança? Se ainda não temos, entreguemos hoje nossas vidas através de Cristo e recebamos roupas novas, uma aliança eterna, herança espiritual e um propósito maravilhoso!

O Pai está de braços abertos e nos justificará. Não importa o pecado que praticamos até aqui, pois a salvação é pela vontade de Deus para conosco. Senão, ninguém se salvaria. Se fosse possível sem a ação de Deus Jesus não precisaria vir para nos mostrar o caminho. Veio porque é necessário e nos ama! Que honremos este amor sacrificial que nos transforma em semelhantes ao Altíssimo porque receberemos a semente espiritual em nós, o Espírito Santo de Deus! Assim nos tornaremos semelhantes e começaremos a agir como Cristo, e alegraremos o coração do Pai!

O pai, porém, disse aos seus servos: Trazei depressa a melhor roupa, vesti-o, ponde-lhe um anel no dedo e sandálias nos pés; trazei também e matai o novilho cevado. Comamos e regozijemo-nos, porque este meu filho estava morto e reviveu, estava perdido e foi achado. E começaram a regozijar-se.
‭‭Lucas‬ ‭15:22-24‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/luk.15.22-24.ARA

Ano 2#165

O que confia no Senhor está seguro!

Quem teme ao homem arma ciladas, mas o que confia no Senhor está seguro. Muitos buscam o favor daquele que governa, mas para o homem a justiça vem do Senhor. Para o justo, o iníquo é abominação, e o reto no seu caminho é abominação ao perverso.
‭‭Provérbios‬ ‭29:25-27‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/pro.29.25-27.ara

Estamos vivendo tempos em que o temor aos homens está maior do que o temor a Deus. Ou seja, a sociedade está dando mais importância ao que o coletivo pretende fazer do que o estabelecido na palavra de Deus. Ao se desejar tirar os rótulos do pecado, segundo o que a Bíblia ensina, estamos permitindo que cada um decida pelo que acha ser certo ou errado, bom ou mau.

Pensemos em pegar enlatados em uma prateleira de supermercado. Peguemos latas de milho, ervilha, feijão, cenoura, tomates, etc. Agora, arranquemos os rótulos e abramos cada lata e deixemos crianças que não conhecem a definição do conteúdo definirem o alimento pelo que acham ser. É o que estão fazendo com a nossa sociedade a respeito de gênero, imoralidade sexual, corrupção e outras circunstâncias que só levarão a conflitos sociais profundos.

Infelizmente sempre foi assim, não é algo específico de nosso tempo e sociedade. Salomão já escrevera sobre isto 2900 anos atrás, pois aquele que se firma em Deus não aceitará que digam o que quiser quando o Senhor já estabeleceu todas as coisas e aquele que é rebelde para com Deus não aceita que lhe digam o que deve ser feito ou que valores assumir.

Há um antagonismo entre o que Deus diz e o que a humanidade deseja. Isto provém da queda do homem no Éden e continuará até que Jesus Cristo seja Senhor de todos. Conversão é o processo de mudarmos nossos valores pelos de Deus, através da fé em Jesus que nos traz o Espírito Santo para dentro de nós. Trocamos a mente e começamos a exercer as coisas de uma nova maneira. Sem a troca dos valores que influenciam nossa mente não temos como gerar novos resultados (Romanos 12.1-2).

Mas, ao trocarmos de mente temos nova atitude e novas ações, sendo um novo processo chamado de santificação. Tornando-nos justos o permanecer no pecado passa a ser abominação e os que pretendem permanecer no pecado não aceitam a nossa nova postura e discurso. Embora óbvio, ainda é a maior causa de separações e contendas entre as pessoas e não há como ser diferente se não houver o amor.

O amor fará com que respeitemos as opiniões divergentes. Mas, quem ama sempre buscará mostrar o caminho que está seguindo para aquele que ama. Se convertido, apontará para Cristo. Se não convertido, para o pecado! Armar ciladas ocorrerá quando temendo a nossa postura tentarem nos destruir. Temer a Deus é colocar a Sua obra e criação em importância superior, buscando aperfeiçoa-la e não destrui-la.

Se a nossa justiça não for a de Deus então não adiantará buscar nos homens a solução para os nossos problemas ou a sua justiça. Quem é o homem para justificar-nos? Basta a dificuldade surgir e cada um buscará resolver seus próprios problemas. A autoridade é limitada pela legislação feita pela sociedade e esta não está alinhada com a vontade de Deus. Portanto, é questão de tempo para a justiça do mundo condenar a de Deus. São ciclos, mas um dia não haverá mais diferença pois o Senhor governará os homens e haverá uma justiça e uma verdade!

Até lá, cuidemos de temer a Deus e vivermos uma vida justa, confiando nos “rótulos” que Deus nos deu. Pecado é pecado, gênero é gênero, mau é mau e bom é bom! Não há tons de cinza, mas preto e branco. Quem quer relativizar não deseja incomodar os homens, mas cedo ou tarde irá contra Deus e isto trará consequências para toda a sua eternidade.

Não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei, antes, aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo.
‭‭Mateus‬ ‭10:28‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mat.10.28.ara

No inferno o corpo, a alma e o espírito sofrerão eternamente, pois em vida a decisão tomada foi a de viver pelos preceitos dos homens. Melhor é viver pelos preceitos de Deus e passarmos a eternidade com Ele! O que confia no Senhor está seguro!

Ano 2#147

Por que profetizar?

Segui o amor e procurai, com zelo, os dons espirituais, mas principalmente que profetizeis. Pois quem fala em outra língua não fala a homens, senão a Deus, visto que ninguém o entende, e em espírito fala mistérios. Mas o que profetiza fala aos homens, edificando, exortando e consolando.
‭‭1Coríntios‬ ‭14:1-3‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/1co.14.1-3.ara

Paulo aconselha a igreja de Corinto a se aperfeiçoar a partir do amor, buscando dons espirituais com zelo. Amar é agir a favor do próximo e, se quisermos ajuda-los espiritualmente, precisamos exercer dons espirituais. Paulo menciona dois deles, o de falar em língua espiritual e o de profetizar.

Falar em língua espiritual nos permite falar com Deus sem a interpretação da alma (nossa mente), pois é o nosso espírito falando diretamente com o Senhor. Assim, nos edificamos e os outros não entenderão se não houver quem a interprete, e até mesmo nós não teremos ciência do que estamos falando em muitas das vezes. Já o dom de profecia é trazer aos homens a direção de Deus para as suas vidas, mostrando o caminho e o propósito das circunstâncias ou apenas mostrar, de antemão, o que irá ocorrer para que as pessoas estejam preparadas quando acontecer.

Profetizar é falar do que é proveniente de Deus, para conselho assertivo (exortação), edificação e consolo. O profeta aponta o pecado, mas também o caminho. Aponta o problema e a solução. Quando traz a antecipação dos fatos, também fala da providência ou a solução de Deus, para que não haja dúvidas, quando ocorrer o desfecho, de que foi Deus quem falou.

O maior problema sobre este dom é quando ele é confundido na mente de quem deseja possui-lo e está envolvido emocionalmente nas questões alheias. É muito fácil pegar uma promessa bíblica e falar para alguém de que Deus a está abençoando porque na Sua palavra existe aquela promessa e esta pessoa deve tomar posse dela.

Existe a palavra logos e a rhema. Logos é tudo o que podemos conhecer do que nos é ensinado nas escrituras, enquanto rhema é esta palavra no momento e a forma de aplica-la. Jesus andou sobre o mar e chamou Pedro quando este solicitou que o permitisse ir até ele. A palavra de vir e andar sobre as águas com Jesus foi uma afirmação rhema, onde Pedro pode aplica-la e nenhum outro discípulo presente pode exerce-la, pois foi dada a Pedro naquele momento. Alguém mais andou sobre as águas porque leu estas palavras na Bíblia?

Profetas trazem a palavra rhema a quem está precisando ouvi-la, ainda que haja o logos envolvido. Se eu apenas pregar o texto bíblico não estarei profetizando, mas pregando, levando conhecimento das coisas de Deus para as pessoas. Profetizar é trazer algo que seja para a condução das ações de quem precisa agir ou se preparar, construir uma estratégia ou ser consolado quando nada mais há que se fazer a respeito. Profetas nem sempre são bem recebidos, pois dizem o que deve ser dito, custe o que custar para ele e aos ouvintes.

Assim, profetizar é trazer vantagem para as pessoas, pois terão orientação de Deus para suas necessidades particulares, daquilo que elas estão colocando diante do Senhor. Falar da intimidade das pessoas com Deus é um dom que acrescenta fé e consola, pois as pessoas se sentem amadas pelo Senhor ao receberem uma orientação direta para aquilo que estão pedindo em oração e, na maioria das vezes, só elas e Deus sabem. Por isso a sensação do cuidado, carinho e certeza de estarem sendo ouvidas em suas orações e que a profecia será cumprida em suas vidas.

Devemos cuidar de como profetizar, pois no desejo de ajudar podemos falar o logos, daquilo que conhecemos da palavra, mas a profecia é a palavra de Deus para aquela situação específica daquela vida, do que ela e Deus estão sabendo e a resposta está sendo dada através de nossas vidas. Ainda assim devemos buscar o dom de profecia, pois traz a certeza do cuidado de Deus e direciona as pessoas para o propósito dEle em suas vidas. Não busquemos o dom por vaidade, mas como Paulo inicia a orientação, busquemos por amor às vidas que são preciosas para Deus e devem ser para nós também!

Uma profecia de Deus não irá contra o logos. O Senhor não vai contra a Sua palavra. Profecias que levam a pecados declarados não são profecias e nem logos, mas a vaidade de quem está falando e deseja influenciar os ouvintes. Não são mensageiros legítimos e não devem ser ouvidos. Toda profecia recebida deve ser tratada com respeito e analisada segundo as escrituras. Ouçamos, analisemos, oremos para que o Espírito Santo confirme em nossos corações e, somente então, que possamos agir no tempo para a qual esta palavra rhema nos foi dada.

Agir antes ou depois não trará muita serventia e depois não poderemos condenar o profeta e nem duvidar da profecia, pois não a atendemos. Assim foi na Velha Aliança quando o Senhor avisou sobre o castigo da desobediência e as gerações não ouviram. Há profecias para hoje, para amanhã e para daqui há cem anos. Todas são importantes e devem ser trabalhadas com zelo. Importa obedecermos a palavra recebida de Deus para nossas vidas, sempre que tivermos esta confirmação do Espírito Santo!

Não havendo profecia, o povo se corrompe; mas o que guarda a lei, esse é feliz.
‭‭Provérbios‬ ‭29:18‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/pro.29.18.ara

Ano 2#146

Quem anda por fé não atola!

Temamos, portanto, que, sendo-nos deixada a promessa de entrar no descanso de Deus, suceda parecer que algum de vós tenha falhado. Porque também a nós foram anunciadas as boas-novas, como se deu com eles; mas a palavra que ouviram não lhes aproveitou, visto não ter sido acompanhada pela fé naqueles que a ouviram.”
‭‭Hebreus‬ ‭4:1-2‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/heb.4.1-2.ara

Um povo que havia acabado de atravessar o Mar Vermelho não confiou de entrar na Terra Prometida porque teve mais medo do povo que ali habitava do que confiar na direção de Deus para as suas vidas. Esta luta entre o que vejo e está me impedindo de prosseguir e a direção de Deus que extrapola minha razão é o ponto crucial que demandará uma atitude e posicionamento que a Bíblia chama de fé!

Sem fé seremos paralisados como que atolados nas dificuldades da vida. Ou tomamos posse das promessas de Deus e prosseguimos para andar sobre as águas, no meio de um mar que se abre ao seguirmos em sua direção, através do leito de um rio que parou de correr pela mão de Deus ou qualquer ordem celestial à nosso favor, ou sempre iremos murmurar nas calamidades.

Não é tempo de olharmos para as circunstâncias, mas de olharmos para o Deus Todo-Poderoso que nos traz a saída e o descanso para todo aquele que nEle confia. Ter fé é se apoiar no sobrenatural prometido por Deus, não em pensamento positivo, mas naquilo que está ao nosso alcance pela Palavra de Deus! Ora, como saber a diferença? Conhecendo a vontade de Deus escrita para nosso favor.

Sem conhecer a vontade de Deus estarei pedindo coisas muito provavelmente da maneira errada ou para fins nada proveitosos. Se assim fizer não poderei esperar que venham a acontecer. Se a Bíblia nos ensina que adultério é pecado então não vou pedir em oração e nem declarar que estou conquistando o cônjuge de alguém!

É um dos mandamentos não desejar a mulher, a casa, o escravo, o animal e, em nosso tempo, o carro do próximo. Estas coisas não serão abençoadas ainda que consigamos alcança-las. Não acreditemos que foi Deus quem nos deu como promessa, pois não terá vindo dEle. O descanso de Deus ocorre quando encontramos fé em viver pelos seus ensinos e promessas, quando já não mais estamos na nossa força peregrinando em rebeldia.

Entraremos no descanso prometido porque cremos em Cristo e no seu sacrifício. Quem está estabelecido na rocha não se preocupará com o amanhã, pois já entrou no descanso e nunca mais sairá dele. A fé é a maneira de vivermos além do que o mundo pode conhecer e sem ela nunca agradaremos a Deus. Vivamos pela fé no Senhor e vejamos as maravilhas acontecerem em nossas vidas. A primeira e mais importante será a salvação e todas as demais ocorrerão se permanecermos firmes no chamado!

Ano 2#138

A justiça de Deus não falhará!

Ai da cidade opressora, da rebelde e manchada! Não atende a ninguém, não aceita disciplina, não confia no Senhor, nem se aproxima do seu Deus. Os seus príncipes são leões rugidores no meio dela, os seus juízes são lobos do cair da noite, que não deixam os ossos para serem roídos no dia seguinte. Os seus profetas são levianos, homens pérfidos; os seus sacerdotes profanam o santuário e violam a lei. O Senhor é justo, no meio dela; ele não comete iniquidade; manhã após manhã, traz ele o seu juízo à luz; não falha; mas o iníquo não conhece a vergonha.”
‭‭Sofonias‬ ‭3:1-5‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/zep.3.1-5.ara

Há um contraste entre o Senhor e os homens rebeldes. Não coabitarão com o Senhor tais homens. Deus está computando e sendo misericordioso ao nos dar tempo para arrependimento. Assim foi, é, e será com o povo chamado por Deus para servi-lhe, mas também se aplicará a todas as nações enquanto estivermos no tempo da graça.

Enquanto o Senhor se revela e faz aliança conosco ele também reclamará nossa atitude e ações para com Ele e Sua obra. A iniquidade não perdurará em nosso meio eternamente. Infelizmente não há como um sentenciado por homicídio ser tratado como um ladrão de comida e o peso da sentença traz a força do encarceramento e da rigidez no tratamento.

Da próxima vez a Terra sofrerá grande dano pelo fogo e todas as nações sofrerão a ponto de desesperar pela vida. O propósito já não será de edificação, mas de filtragem. Os que permanecerem na rebeldia não conseguirão escapar da sentença e não há nada que possam fazer a não ser crerem pela fé!

Enquanto não confiamos na palavra e no autor da Bíblia, não desfrutaremos da leitura e não faremos dela nosso guia de vida. Seguiremos errantes, defraudadores, desonrosos, desrespeitosos, inflamados em sensualidades, corruptos e corruptores, mentirosos e desafeiçoados dentre tantas outras abominações que estaremos cometendo uns para com os outros. Não deve ser assim!

No entanto, o iníquo não conhece a vergonha e continua a realizar as suas obras más. Se não nos convertermos de nossos maus caminhos teremos a mesma sentença. Sem buscarmos a Deus estaremos condenados com o mundo e não haverá salvação. O juízo será terrível e precisamos de um salvador. E este é Jesus Cristo! Nele encontramos a vida de Deus, o caminho para a redenção dos povos!

Em Cristo recebemos o poder de dizer não à iniquidade e buscarmos continuamente a face do Senhor. Boas novas, há livramento para os que receberem a salvação pela fé em Jesus! Não passarão pela ira de Deus, pois receberam por fé, creram em Deus e não permanecerão no erro. Ter fé é, em primeiro lugar, entender a santidade de Deus e o seu juízo. Sem fé permaneceremos sem temor e não teremos vergonha da nossa iniquidade.

Em Cristo seremos transformados e já teremos passado da morte para a vida, da ira para a paz, da condenação para a liberdade, do erro para o acerto! Busquemos a Deus enquanto pode ser achado! Sua justiça tarda mas não falhará, e só tarda porque é misericordioso para com a humanidade!

Ano 2#124

A promessa de paz será executada. Façamos a nossa parte!

O lobo e o cordeiro pastarão juntos, e o leão comerá palha como o boi; pó será a comida da serpente. Não se fará mal nem dano algum em todo o meu santo monte, diz o Senhor.”
‭‭Isaías‬ ‭65:25‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/isa.65.25.ara

Dias chegarão onde o mau não existirá mais. Há uma promessa de vida abundante que não conseguimos observar em nossos dias. Isaías profetizou há dois mil e setecentos anos atrás e, para nós, parece que esta profecia ainda está longe de acontecer. Certo é que o mau será destruído e a bondade triunfará no coração de todos os seres da Terra.

Ou seja, Deus não permitirá que o mau habite entre nós eternamente. Trará sua justiça e fará separação entre maus e bons. Os maus não conviverão com os bons e serão enviados para o fogo eterno. Na Terra teremos uma nova humanidade, finalmente vivendo sem o erro do pecado. Serão homens e mulheres onde o dolo não existe e todos os animais viverão sem medo de serem atacados, mortos e devorados.

Deus projetou um mundo perfeito e chegará o tempo em que realizará a sua justiça para torna-lo realidade. Não recriará o homem e nem o transformará à força. Será uma seleção dentre os que resolveram deixar a iniquidade e os que resolveram permanecer nela.

Hoje o Espírito Santo está percorrendo e tocando corações fazendo esta investigação. Qual é o nosso coração em relação a isto? Como responderemos a esta consulta? Somos dos que se arrependerão de seus pecados ou dos que permanecerão em rebeldia? Sem o convite do Senhor não há como adentrarmos nos céus, mas a caminhada até lá também depende da nossa resposta.

Que perseveremos na caminhada com Cristo pois a recompensa será vivenciar toda a grandeza planejada por Deus antes da fundação do mundo. Para os eleitos haverá grande festa e nunca mais haverá a presença do mau no meio dos seres viventes. Até lá, estamos no processo da separação e devemos buscar a face de Deus para termos a oportunidade e o privilégio de termos nossos pecados perdoados e o Espírito Santo agindo em nós, a nosso favor.

O lobo e o cordeiro pastarão juntos, uma visão tremenda da paz que existirá no mundo. Quem deseja viver estes dias? Comecemos hoje mesmo a nos converter do nosso mal caminho e prossigamos em conhecer o amor de Deus!

Ano 2#123

Evitemos gerar gigantes contra nós!

Também vimos ali gigantes (os filhos de Anaque são descendentes de gigantes), e éramos, aos nossos próprios olhos, como gafanhotos e assim também o éramos aos seus olhos.
‭‭Números‬ ‭13:33‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/num.13.33.ara

Gigantes existiram conforme relatos bíblicos, seres também presentes nas mitologias dos povos antigos. Sua origem está relatada em Gênesis 6:4 e são uma raça híbrida que aponta para a corrupção do DNA humano já na antiguidade. Muitos hoje questionam como grandes obras teriam sido realizadas pelos antigos e esta é uma possível resposta. Se a Bíblia relata e cremos que ela é verdadeira, então podemos esperar que homens de grande estatura viveram entre os de estatura normal.

Certo é que os espias se assustaram com o tamanho deles, sendo Golias um dos descendentes que ainda existiu no tempo de Davi, cerca de 1.000 anos antes de Cristo! Temos ouvido muitas pregações sobre como enfrentar os gigantes da vida, mas precisamos entender e observar que a origem deles não foi natural. Nenhum gigante deveria ter estado na Terra e o que chamamos de gigante contra nós não deve ser considerado assim se for algo comum, existente na natureza comum ou de processos da vida.

Gigantes são manifestações do sobrenatural no natural e vieram pela cobiça e desobediência. Portanto, não estão mesmo a nosso favor. Pelo tamanho dos primeiros gigantes geraram medo e até hoje o conceito imprime pavor para que sejamos paralisados em nossas ações, mas hoje iremos desafiar gigantes. Josué e Calebe entenderam o que Deus lhes disse, que na presença de Deus os gigantes não prevalecerão. Ainda que haja novas manifestações da hibridização humana não será para sempre!

Não podemos confiar que tecnologias venham a nos tornar melhores e maiores do que Deus nos fez, pois fomos feitos segundo o seu propósito. Nem temos de confiar no sobrenatural para nossa transformação física como super-humanos. Isso já ocorreu antes e voltará a ocorrer. Importa enxergarmos os gigantes e derrota-los primeiramente pela fé. Não podemos concordar com a alteração do DNA humano, pois é declarar que Deus nos criou de forma imperfeita. As doenças vieram por causa do pecado e não pela imperfeição de nosso DNA.

Gigantes são reais, não figurativos. São seres meio-humanos criados por alteração genética. Na antiguidade eram grandes, mas nem todo gigante tem grande estatura. Não confundamos o conceito, pois seremos confrontados por uma geração de gigantes novamente. Há vários filmes que apontam para isto e sempre há conflitos de raças. Não é questão de homens vs mutantes, mas de se alterar a criação de Deus em nome da ciência. A ética científica está em cheque, pois em nome da ciência há aprovação de uso de células de fetos que deveriam ter nascido mas foram abortados por leis que não resolvem o problema social e causam uma mortandade muito maior que pandemias e guerras.

A ciência quando míope busca derrubar a criação de Deus, mas a humilde que investiga esta criação cada vez mais se rende a grandeza do Todo-Poderoso! Precisamos cuidar de não construirmos novos gigantes, pois estes não vieram por geração divina, mas por desobediência e rebeldia. Trazendo de volta o conceito ao relacionamento que damos aos problemas que devemos enfrentar, se formos obedientes não geraremos gigantes em nossas vidas. A obediência gera benção e as misericórdias mais benéficas que qualquer sacrifício! Se buscarmos a Deus não teremos medo dos gigantes e muito menos precisaremos deles. Certo é que iremos enfrenta-los novamente, pois o gênero humano já se corrompeu como nos dias de Noé (Lucas 17:26)

Ano 2#103

Deus não tem prazer na morte do pecador!

Portanto, eu vos julgarei, a cada um segundo os seus caminhos, ó casa de Israel, diz o Senhor Deus. Convertei-vos e desviai-vos de todas as vossas transgressões; e a iniquidade não vos servirá de tropeço. Lançai de vós todas as vossas transgressões com que transgredistes e criai em vós coração novo e espírito novo; pois, por que morreríeis, ó casa de Israel? Porque não tenho prazer na morte de ninguém, diz o Senhor Deus. Portanto, convertei-vos e vivei.
‭‭Ezequiel‬ ‭18:30-32‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/ezk.18.30-32.ara

Criar um coração novo e espírito novo é a proposta da conversão através de Cristo. O SENHOR falou através de seus profetas o que era para ser e Israel não obedeceu. Conheciam ao Deus Todo-Poderoso e ainda assim a resposta não era condizente com o que sabiam dEle.

Jesus Cristo revela um Deus que não tem prazer na morte do pecador e se alegra com todos os que buscam fugir do pecado, estendendo-lhes a mão. Fez ainda mais, pois estendeu-nos Sua mão graciosa enquanto ainda não estávamos fugindo do pecado!

Cristo veio para que nós pecadores pudéssemos ter um novo coração e um novo espírito. Um coração segundo a vontade de Deus e um espírito conectado ao dEle! Pela fé em Jesus isto é possível!!!

A mensagem do evangelho é esta: Deus nos ama e se importa conosco tendo nos enviado seu Filho para cumprir a justiça já determinada. Estamos salvos da morte se a buscarmos em Jesus, mas corremos com todas as dificuldades se permanecermos na desobediência.

Se fosse fácil Jesus não precisaria vir. Ainda assim o caminho é estreito e iremos carregar nossas cruzes também. Não há santificação sem abandono dos pecados remanescentes, no nosso coração que precisa construir novas fontes de desejos. Desejos para o bem, pensamentos para a glória de Deus!

Importa-nos que temos Cristo a nos guiar a este lugar! E ele está preparando muitos, para que todo aquele que nele crer tenha vida abundante e não mais a morte. Deus quer o nosso bem, mas para proteger seus filhos não poupará a ninguém que buscar fazer lhes mal! Os justos receberão a herança, mas os injustos o castigo! Deus é misericordioso e está dando tempo para que haja arrependimento!

Ano 2#83

Devemos buscar o Filho se quisermos o Pai.

O Pai ama ao Filho, e todas as coisas tem confiado às suas mãos. Por isso, quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, todavia, se mantém rebelde contra o Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus.
‭‭João‬ ‭3:35-36‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.3.35-36.ara

O evangelhista e apóstolo João mostra claramente que sem conhecermos a Cristo não teremos oportunidade de entendermos verdadeiramente o Pai. Quem não conhecer o Filho não conhecerá o Pai. E o desconhecimento de Deus nos leva a uma vida longe de seus propósitos.

O que fazer quanto a isto? Os que já creem devem expressar a vida de Cristo para ser manifesta aos que não creem ou não o conhecem. Sem testemunho, apenas com sinais e prodígios a atenção do descrente será alcançada. Deus providenciará que uma ou outra aconteça através de seus servos!

A vida eterna começa na transformação do caráter do homem para refletir a imagem e semelhança de Deus. Enquanto a transformação do caráter é obra do Espírito Santo, o testemunhar o novo caráter é a nossa obra. Assim é a cooperação entre nós e o Espírito. Sem ele não há renovação de vida, mas ele não realiza as obras que cabe a nós realizarmos.

Portanto, não receber o Espírito através da fé em Cristo é permanecer na busca de obras que não glorificam a Deus, ou realizar obras para tentar mostrar que merecemos a salvação ou nem uma coisa e nem outra. Sem termos o propósito alinhado com Deus é como jogarmos futebol sem sabermos para que gol correr. Queremos jogar e chutar, mas sem entender o motivo ou o objetivo a alcançar.

Cristo nos dá a verdadeira motivação, objetivo e a explicação de quem é Deus. Até entendermos isto permaneceremos na ilusão de sabermos quem somos e para onde vamos. Na nossa arrogância permaneceremos na rebeldia, mas na nossa humildade encontraremos a direção em Cristo para seguirmos no amor de Deus.

Ano 2#67

Questionar é uma coisa, desobedecer é outra!

Respondeu Jesus: Nenhuma autoridade terias sobre mim, se de cima não te fosse dada; por isso, quem me entregou a ti maior pecado tem.
‭‭João‬ ‭19:11‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.19.11.ara

Jesus declarou que tanto Pilatos como os religiosos que o prenderam tinham sua autoridade estabelecidas pela permissão de Deus sobre a vida delas. No entanto, não lhes dá o direito de usar isto contra o próximo, mas deveria ser para a edificação e paz!

Todo homem esteja sujeito às autoridades superiores; porque não há autoridade que não proceda de Deus; e as autoridades que existem foram por ele instituídas. De modo que aquele que se opõe à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos condenação. Porque os magistrados não são para temor, quando se faz o bem, e sim quando se faz o mal. Queres tu não temer a autoridade? Faze o bem e terás louvor dela,
‭‭Romanos‬ ‭13:1-3‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/rom.13.1-3.ara

Nos dias em que vivemos estamos vendo uma crise por justamente não sabermos que autoridade seguirmos. Em um país federado há um governo central e seus estados-membro. Cada estado suas cidades com seus prefeitos. Há uma ordem que deveria emanar do poder central e ser seguido até a ponta. Quando há desavenças, então existe o poder judiciário para restabelecer as condições. Quando o governo do estado define as regras cada prefeitura deveria seguir as orientações. Mais uma vez cabe ao poder judiciário restabelecer as condições quando prefeitos discordam da autoridade do governador.

E quando a população não concorda com o prefeito, pede à justiça para não atender às reivindicações e fazem atos de protesto para serem ouvidas. Ocorre que hoje estamos vivendo o total descrédito de todas as autoridades. Ninguém está concordando com nenhuma orientação e o caos está se instalando, exigindo que ações mais duras sejam tomadas pelas autoridades que estão investidas de poder. Elas são as responsáveis enquanto empoderadas e exercerão suas autoridades até o fim. Em qualquer regime de governo existirá a autoridade que exercerá sobre as pessoas as leis definidas e enquanto homens somos imperfeitos!

Tudo o que vemos acontecer na Terra é reflexo do que está ocorrendo na vida espiritual das pessoas. Antes de se levantarem contra as autoridades estão se levantando contra Deus! Se tivéssemos ouvido e atendido ao chamado de Deus para o amor ao próximo nada disto estaria acontecendo. Se olharmos as circunstâncias sendo vivenciadas pelas pessoas à nossa volta nos uniríamos para resolver o problema, mas nestes dias estamos mais preocupados em responsabilizar as autoridades pela situação atual e participarmos dos movimentos de rebeldia do que vivermos para ajudar a resolver a questão.

Nossa arrogância está nos levando à dias como nunca vistos, onde cada um acredita saber qual a melhor resposta e não desejamos nos submeter a nenhuma das soluções identificadas pelas autoridades. Na hora da dificuldade será cada um por si e estamos justificando nossa rebeldia agora porque não confiamos nas autoridades que nós mesmos colocamos onde estão.

Amados, exorto-vos, como peregrinos e forasteiros que sois, a vos absterdes das paixões carnais, que fazem guerra contra a alma, mantendo exemplar o vosso procedimento no meio dos gentios, para que, naquilo que falam contra vós outros como de malfeitores, observando-vos em vossas boas obras, glorifiquem a Deus no dia da visitação. Sujeitai-vos a toda instituição humana por causa do Senhor, quer seja ao rei, como soberano, quer às autoridades, como enviadas por ele, tanto para castigo dos malfeitores como para louvor dos que praticam o bem. Porque assim é a vontade de Deus, que, pela prática do bem, façais emudecer a ignorância dos insensatos; como livres que sois, não usando, todavia, a liberdade por pretexto da malícia, mas vivendo como servos de Deus. Tratai todos com honra, amai os irmãos, temei a Deus, honrai o rei.
‭‭1Pedro‬ ‭2:11-17‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/1pe.2.11-17.ara

Jesus, Paulo, Pedro e tantos outros apóstolos falaram da mesma forma, para que orássemos pelas autoridades do mundo e procedêssemos impecavelmente em nosso tempo para que os gentios vissem em nós uma segurança de estarmos cumprindo a vontade de Deus e sermos discípulos de Jesus que não se defendeu quando foi condenado pelas autoridades. Nossa posição é orar e atender. A autoridade que nos fizer mal tem sobre si a sentença de Deus. Se formos contra elas, então esta sentença recairá também sobre nós!

Os primeiros Cristãos serviram de tochas vivas nos caminhos dos romanos e serviram de comida aos leões para divertirem um povo arrogante. Hoje não conseguimos sequer orar por nossas autoridades em jejum. Pergunto o que ocorreu conosco? Será que é por isto que somos milhões e não está ocorrendo nenhuma diferença de quando éramos apenas milhares de Cristãos? Eles impactaram um mundo ao ponto de hoje termos a Palavra escrita em praticamente todas as línguas, mas será que temos a mesma disposição em obedecer?

Ninguém tem a resposta para a pandemia, e nenhuma autoridade está conseguindo resolver o problema, mas se não obedecermos não haverá nem como culpa-las, pois ninguém seguiu a orientação, portanto ela não pode ser culpada e nem deposta! Qualquer juiz dará ganho de causa e permaneceremos neste caos de autoridade e desobediência por todos os lados. Não é à toa que muitas vidas estão perecendo, pois se a própria Igreja do Senhor não lhe obedece, como o mundo obedecerá?

Sejamos sábios e oremos, pois a situação piorou em todas as nações. Podemos e devemos questionar as ações sendo tomadas, mas uma vez definidas não podemos simplesmente ignora-las. É tempo de clamarmos a Deus e nos submetermos a Ele, e isto começa nos submetendo às autoridades. Sobre elas está a responsabilidade por nossas vidas. Muitos se foram e elas carregam em suas mãos estas mortes se fizeram errado, mas se o caos estiver porque estamos desobedecendo, então a morte de nossos entes queridos também está na nossa conta! Dura é esta palavra, mas sejamos coerentes com o nosso Deus e a fé em Jesus Cristo!

Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens, em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranquila e mansa, com toda piedade e respeito. Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade. Porquanto há um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem, o qual a si mesmo se deu em resgate por todos: testemunho que se deve prestar em tempos oportunos.
‭‭1Timóteo‬ ‭2:1-6‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/1ti.2.1-6.ara

Ano 2#20