Quem ama, confessa. Quem não ama, esconde.

“Portanto, todo aquele que me confessar diante dos homens, também eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus; mas aquele que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai, que está nos céus.”
‭‭Mateus‬ ‭10:32-33‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mat.10.32-33.ara

Ninguém precisa esconder algo se não estiver sendo pressionado para isto. Uma mentira é contada quando a verdade pode gerar dano a esta pessoa e ela sucumbe ao medo. Assim, para alguém negar a Cristo diante das pessoas é porque teme por sua própria vida ou sua condição profissional/social.

O trecho das escrituras foi retirado de uma conversa de Jesus com seus discípulos. O Senhor estava alertando que chegaria o dia em que pessoas seriam perseguidas por crerem nele e seriam coagidas a negar a Cristo por causa de sua vida aqui na terra.

Temos conhecimento de perseguições de cristãos em ao menos 50 países, com o pior caso na Coreia do Norte. Mas, chegará um tempo onde países de liberdade religiosa também se fecharão aos cristãos. Mas não devemos nos preocupar, pois ainda que sejamos mortos pelo nome de Cristo, estaremos com ele por toda a eternidade.

A vida com Cristo não se resume a esta vida. Se assim fosse, seríamos pobres coitados, sofrendo as dificuldades e aceitando ofensas e traições, ofertando grandes recursos enquanto outros vivem com mais facilidade. Se a vida fosse apenas aqui, teríamos muita dificuldade em viver assim.

Mas, o melhor está por vir! A vida na eternidade com o Senhor será sem parâmetros racionais em nosso mundo. Não haverá limites físicos, perdas emocionais ou financeiras, nem doenças ou calamidades.

Estamos vivendo em uma realidade que nos prepara para a próxima. Primeiramente reconhecendo nossa limitação e tendência para o mal, trazendo a humildade e gratidão aos nossos corações. Depois, aprendemos a amar sem esperar retorno, mas porque recebemos, podemos dar e iremos querer fazer assim, por graça e misericórdia.

Tudo isto porque fomos amados em Cristo e agora somos dele e vivemos através dele. Como nega-lo? Como dar as costas a quem nos deu vida? Como abandonar aquele que desceu do céu para nos mostrar o caminho para onde ele estava, e voltou para preparar lugar para nós? Somente se esta realidade nos importar mais que a próxima.

O Cordeiro de Deus vive e voltará em breve! Fiquemos firmes e não devemos temer aos que podem tirar a vida, mas glorificar ao que já nos deu a eterna e preciosa vida, o tesouro inesgotável de amor, paz e misericórdia!

Amemos ao Senhor com toda a nossa mente, coração, força e vontade, pois Ele é o único e verdadeiro Deus! Tudo irá valer a pena, até porque nossa ação é para o bem de outras pessoas, e estamos semeando para que elas também desejem esta maravilhosa promessa de Deus!