Andando como formigas podemos errar o caminho.

Entrai pela porta estreita (larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz para a perdição, e são muitos os que entram por ela), porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e são poucos os que acertam com ela.
‭‭Mateus‬ ‭7:13-14‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mat.7.13-14.ara

As formigas geram caminhos a partir de ferormônios deixados por onde passam. Quando um número maior de formigas passa pelo mesmo caminho, então o volume de ferormônios atrai as demais daquele formigueiro, levando a maioria a usar o mesmo caminho.

Esta estratégia funciona bem para as formigas que são bastante eficientes em achar alimentos, mas precisamos tomar cuidado com o objetivo da busca de quem estamos seguindo.

Em um mundo onde a tendência é seguirmos o nosso coração ao invés da vontade de Deus, certo é que um grande número de pessoas está indo para o caminho do pecado.

Jesus traz um alerta, em que o caminho certo não é aquele que está sendo seguido pela maioria, mas por aqueles que buscam a Deus.

Em termos de pecado, não podemos ser como as formigas. Precisamos encontrar a vontade de Deus, e esta não está junto do pecado.

Para mudar esta natureza de seguir o ferormônio é preciso deixar de ser formiga. Para deixarmos de buscar o pecado é necessário nascer do Espírito!

Crer em Jesus é justamente entrar no processo de transformação diário, chamado santificação!