Aflições não impedem a regeneração no evangelho de Cristo!

Disse Deus mais: Eis que vos tenho dado todas as ervas que dão semente, as quais se acham sobre a face de toda a terra, e todas as árvores em que há fruto que dê semente; ser-vos-ão para mantimento. A todos os animais selvagens, e a todas as aves do céu, e a tudo que se arrasta sobre a terra, em que há vida, tenho dado todas as ervas verdes para lhes servirem de mantimento; e assim se fez.
Gênesis 1:29‭-‬30 TB
https://bible.com/bible/277/gen.1.29-30.TB

Todos os animais foram criados herbívoros. O desvio do homem fez com que a criação sofresse a transformação da maldição trazida pelo pecado. O sangue é precioso aos olhos de Deus e não se deveria derrama-lo. Hoje temos a opção de comer carne e faz parte da nossa vida, mas não era para ter sido assim. Da mesma forma o desejo da mulher hoje está submetido à seu marido, mas não era para ter sido assim.

O pecado transtornou o mundo como somos hoje como humanidade. Estes desvios só serão anulados quando houver a manifestação da glória de Deus e do seu povo.

A ardente expectativa da criação aguarda a manifestação dos filhos de Deus. Pois a criação ficou sujeita à vaidade, não voluntariamente, mas por causa daquele que a sujeitou, na esperança de que também a própria criação será libertada do cativeiro da corrupção para a liberdade da glória dos filhos de Deus. Ora, sabemos que toda a criação, juntamente, geme e está com dores de parto até agora;
Romanos 8:19‭-‬22 TB
https://bible.com/bible/277/rom.8.19-22.TB

Há tantas coisas que não deveriam ser como são, mas que hoje padecemos por causa do pecado original em Adão. Teremos que conviver com estas dificuldades, ainda que creiamos e nos santifiquemos. Estamos em um mundo corrompido pelo pecado e ainda que nos transformemos no evangelho estaremos lutando com as dificuldades impostas pela condição que o mundo está.

Assim, vivamos conscientes de que ainda há morte, doenças e diversos problemas e aflições a serem enfrentadas. É a condição de todo ser vivente. Salomão já declarava que debaixo do sol era praticamente igual para todos os viventes, servos ou não de Deus. Verdadeiramente o Sol brilha e a chuva cai para todos, as pandemias mataram e matam pessoas de todas as classes, etnias, países e religiões, não escolhendo determinada condição. O evangelho faz diferença no hoje porque transforma os homens sem fazer separação também, trazendo paz, prosperidade e vida abundante no Espírito.

Jesus deixou claro que o reino dele não era daqui, pois que este reino está caído. No tempo do fim haverá um novo céu e uma nova terra, sendo que o jardim de Deus estará novamente disponível para todos os povos! Grande será a manifestação do poder de Deus na criação para que tenhamos novamente acesso a tudo o que Deus planejou para nós. Até lá o nosso papel é o de buscar a nossa transformação diária em preparação aos novos tempos que viveremos. O pecado não entrará neste novo lugar e nem o pecador não justificado.

Não devemos dar a desculpa de que o mundo nos aflige, pois o Espírito Santo está derramado para ser recebido por fé em Jesus e habilitar esta transformação. O mundo ainda permanecerá assim por um tempo, mas nós não devemos permanecer como estamos. A conversão por arrependimento é necessária e Jesus já nos deu o escape. Cada um faça a sua parte e busquemos fortalecer uns aos outros durante as aflições que nos cercam e cercarão até a manifestação da glória de Deus!

Ano 2#239