#3_190 Esperando no SENHOR

Nossa alma espera no Senhor, nosso auxílio e escudo. Nele, o nosso coração se alegra, pois confiamos no seu santo nome. Seja sobre nós, Senhor, a tua misericórdia, como de ti esperamos.
Salmos 33:20‭-‬22 ARA
https://bible.com/bible/1608/psa.33.20-22.ARA

No Salmo 33 verso 12 o salmista declara que feliz é a nação cujo Deus é o SENHOR. Não é qualquer deus, mas o da aliança feita com Abraão. Pela fé que ele teve todas as nações foram abençoadas por conhecerem e servirem a este Deus. Há uma condicional para que as bençãos estejam sobre as nações. Que creiam no único SENHOR.

Muitos acreditam que qualquer religião ou doutrina espiritual é boa, pois levaria o homem a cometer boas ações. A verdade é que boas ações sem transformação espiritual autêntica é só fachada, hipocrisia. Não muda o mundo, apenas traz um pouco de alento a quem recebeu a ação e, possivelmente, a obrigação de ser grato eternamente a quem fez.

Espiritualidade no SENHOR nos faz cuidar do próximo por amor a criação dEle, obediência à Sua vontade, que é de estender o Reino de Paz e viver como reis e sacerdotes para que as nações tenham paz e prosperidade. Nada a ver com a nossa vontade, mas com a dEle em primeiro lugar.

Daí passamos a confiar que todos os Seus servos estarão fazendo o mesmo, como uma grande família espiritual a cuidar das vidas e do nosso ambiente. Uma nação precisa ter o vínculo da cultura, língua, geografia e etc., sendo que uma nação espiritual Cristã precisa ter Jesus Cristo como seu líder espiritual, seu rei e Senhor.

É no nome de Jesus que estamos confiando e em seu nome agindo. Nele esperamos escudo e juntos caminhamos nas suas pegadas para abençoarmos nossa nação e onde estivermos. O custo é estar sempre pronto a defender a pátria celestial, falando do amor de Deus e estruturando a Igreja do Senhor.

Igrejas fortes, nações fortes porque teremos famílias fortes. Liberdade só existe onde o amor de Deus está presente. E esta liberdade é poder dar a cada um a oportunidade de ter uma vida digna de um ser humano. É ter liberdade de expressão e culto, de escolhas dentro do padrão divino e não no padrão pessoal. Confunde-se quem acha que ter liberdade é poder fazer o que quiser. Isto é libertinagem.

A verdadeira liberdade é ser capaz de dizer não ao pecado e o maior deles é ofender a santidade de Deus. O segundo é ofender ao próximo sem motivo algum. Precisamos pedir diariamente a misericórdia de Deus sobre nós porque continuamos pecando. Nossa alegria reside em sabermos que Ele nos visita e edifica, nos fortalecendo em amor.

Uma nação visitada por Deus será sempre dinâmica na reconstrução das vidas destruídas pelo pecado ainda existente no mundo. Com o Senhor venceremos a luta e teremos nações que se respeitarão quando só houver o único Deus Todo-Poderoso assentado acima dos regentes de cada uma delas. E isso dependerá de cada um de nós, quando nos rendermos de verdade ao SENHOR, pois somente nEle esperaremos!