A cura para a cegueira espiritual se chama Jesus Cristo!

Evidentemente, grande é o mistério da piedade: Aquele que foi manifestado na carne foi justificado em espírito, contemplado por anjos, pregado entre os gentios, crido no mundo, recebido na glória.
‭‭1Timóteo‬ ‭3:16‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/1ti.3.16.ara

O mistério da piedade é a evidência de que Jesus Cristo veio ao mundo, de maneira extraordinária, para transformar a nossa visão e relacionamento com Deus!

É um mistério porque não é conhecimento de todos. Nem todos acreditam e nem buscam conhecer esta verdade, permanecendo na ignorância.

Ora, mistério é justamente não conhecermos algo que está pouco visível. Esta obscuridade vem do interesse de governos e pessoas que não creem e não desejam crer, para que possam subjugar o mundo.

Jesus trouxe uma ideia de liberdade que ofusca governos humanos, pois paramos de viver apenas olhando para este mundo e enxergamos a eternidade. Não há nada mais poderoso do que ser livre ainda que em cativeiro!

Em Jesus temos a certeza da justiça de Deus, ainda que não haja justiça entre os homens. Temos a paz, ainda que guerras estejam acontecendo à nossa volta. Temos esperança de cura ainda que pandemias nos rodeiem.

Esta crença no mundo é o que faz com que as pessoas amem umas as outras, pois seremos viajantes da eternidade juntos. Não faz sentido subjugarmos uns aos outros pois nos vemos como iguais.

Jesus Cristo está na glória com o Pai, aguardando o momento de buscar os crentes que estiveram e estão aguardando a sua vinda. Será uma alegria encontrar o nosso salvador!

A vida eterna foi revelada a toda a humanidade, ainda que tenha nomes diferentes. Não há como ignora-la. Precisamos decidir como iremos viver quando chegar a hora.

Jesus Cristo nos mostrou o único caminho para o Pai. Ele revelou o mistério. Só permanecerá oculto para os que não desejam enxergar. Há uma expressão que diz: “O pior cego é o que não quer enxergar!” Há cura para cegueira espiritual e ela se chama Jesus Cristo!

Sejamos alegres pela salvação no Senhor!

Regozijar-me-ei muito no Senhor, a minha alma se alegra no meu Deus; porque me cobriu de vestes de salvação e me envolveu com o manto de justiça, como noivo que se adorna de turbante, como noiva que se enfeita com as suas joias. Porque, como a terra produz os seus renovos, e como o jardim faz brotar o que nele se semeia, assim o Senhor Deus fará brotar a justiça e o louvor perante todas as nações.
‭‭Isaías‬ ‭61:10-11‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/isa.61.10-11.ara

Esta é uma palavra sobre Israel, mas também sobre a Igreja de Cristo! Nos ensina como o Senhor Deus opera para o nosso bem, para que em nós brote justiça e louvor perante todas as nações!

O Novo Testamento trouxe a visão da Igreja como descendente da Israel celestial, sendo a casa a Jerusalém celestial. Tudo por obra de Deus!

Nada disto seria possível sem o cuidado e execução da graça e da misericórdia do Senhor. Como homens e mulheres erramos e acabamos pecando diante de Deus. Mas, no seu infinito amor nos trouxe perdão e conserto em Cristo!

Por isso, devemos estar alegres e gratos pela disposição do Senhor em nos transformar na sua obra espiritual, por trocar nossas vestes de pecado em vestes de salvação e no manto de justiça!

Tudo isto é espiritual, algo que acontece dentro de nós, mas com resultados exteriores em todas as áreas de nossas vidas. É uma transformação de caráter e atitude, para louvor e adoração do Senhor Deus!

Somos chamados, justificados, libertos e curados. Em nossa gratidão e ofertas ao Deus Todo-Poderoso, viveremos a plenitude da palavra deixada para nós.

Não há limites para se viver em Deus. O que ocorre é que muitas vezes nos satisfazemos com o que alcançamos. Alguns mais, outros menos.

O Senhor Deus espera que, na nossa alegria em conhece-lo, possamos fluir no Espírito Santo, levando este renovo a outras vidas, servindo de regador, luz e adubo. A graça de Deus é infinita e duradoura, e mais preciosa que qualquer riqueza desta terra!

Estamos felizes? Para onde estamos olhando? Onde está a nossa alegria? Se compreendermos esta palavra, então verdadeiramente seremos como os renovos da terra, cheios de vida e prontos para um crescimento espiritual que trará muitos frutos!

Busquemos a Deus enquanto O podemos achar!

Temerão, pois, o nome do Senhor desde o poente e a sua glória, desde o nascente do sol; pois virá como torrente impetuosa, impelida pelo Espírito do Senhor. Virá o Redentor a Sião e aos de Jacó que se converterem, diz o Senhor. Quanto a mim, esta é a minha aliança com eles, diz o Senhor: o meu Espírito, que está sobre ti, e as minhas palavras, que pus na tua boca, não se apartarão dela, nem da de teus filhos, nem da dos filhos de teus filhos, não se apartarão desde agora e para todo o sempre, diz o Senhor.”
‭‭Isaías‬ ‭59:19-21‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/isa.59.19-21.ara

O Senhor cumpriu esta palavra através de Jesus Cristo. Pelo Filho vieram as Boas Novas da salvação apregoadas por todos os profetas do Antigo Testamento.

Jesus cumpriu as palavras, bem como é o caminho da salvação para todo o que crê! Esta passagem está logo após o reconhecimento da vida em pecado, quando o homem percebe sua separação do Deus santo!

Sem reconhecermos nossa condição de pecadores não haveria o por que de buscarmos um salvador. Se o pecado não nos escravizasse, não precisaríamos de libertação.

A situação do homem não mudou e nem as condições para a sua salvação. O que era antes da vinda de Jesus continua após, e continuará até a consumação dos séculos!

Deus nos ama e nos deu Cristo como saída e solução para nossa vida de pecados. Precisamos tomar a atitude de para-la.

Creiamos em Cristo como salvador e Senhor e vivamos a plenitude das promessas do Pai! Elas se cumprirão na vida dos que tiverem fé nEle! A escolha é nossa, mas só é possível porque o Espírito Santo foi derramado na terra.

Não ignoremos a oportunidade de hoje, pois assim como o COVID está matando desavisadamente, outras doenças e acidentes já faziam antes. Não temos o amanhã, somente o agora.

Busquemos a Deus enquanto O podemos achar!

Trabalhemos para Deus!

Então, considerei outra vaidade debaixo do sol, isto é, um homem sem ninguém, não tem filho nem irmã; contudo, não cessa de trabalhar, e seus olhos não se fartam de riquezas; e não diz: Para quem trabalho eu, se nego à minha alma os bens da vida? Também isto é vaidade e enfadonho trabalho.
‭‭Eclesiastes‬ ‭4:7-8‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/ecc.4.7-8.ara

No mundo há certas armadilhas fáceis de se cair. Uma delas é a do envolvimento com o trabalho para desafiar-nos a nós mesmos. Trabalhar para maximizar lucros, não tendo tempo para mais nada.

Ora, trabalhamos para termos o suficiente para nós e para os que dependem de nós. Se ninguém depende de nós em termos familiares ou comunitários, então por que tamanho sacrifício?

Nosso trabalho não é um fim em si mesmo, mas a estrutura para termos recursos e uma capacidade de autodesenvolvimento para que possamos suportar uma família. Fomos criados desta forma.

A vaidade pode nos desviar do foco. Ser alguém de muito sucesso sem ter para quem deixar é maximizar a nossa vida sem pensar no futuro. Sem herdeiros não haverá quem usufrua do nosso desgaste, a não ser nosso próprio orgulho.

A empresa pode ser uma família social, sendo herança para alguns. Pelo menos não será uma existência apenas para si, competindo com os colegas. Nossa vida é mais do que trabalho!

Jesus trouxe liberdade para todos nós. Trabalho é necessário mas não é o fim de cada um de nós. Nosso fim é na eternidade construindo o Reino de Deus. Que seja esta a nossa motivação no trabalho, fortalecer e construir o Reino na vida dos que nos cercam!

Trabalhemos para Deus, pois na eternidade veremos a verdadeira recompensa através da família celestial que teremos construído com Ele!

Somos ou não da verdade?

Então, lhe disse Pilatos: Logo, tu és rei? Respondeu Jesus: Tu dizes que sou rei. Eu para isso nasci e para isso vim ao mundo, a fim de dar testemunho da verdade. Todo aquele que é da verdade ouve a minha voz.
‭‭João‬ ‭18:37‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.18.37.ara

Cedo ou tarde seremos confrontados com esta afirmação de Jesus Cristo. E qual é a nossa resposta hoje?

Pilatos ouve esta afirmação e logo perguntou o que era esta verdade que Jesus afirmou existir e que veio para expo-la ao mundo?

Se não sabemos, então importa conhece-la, pois será esta a verdade que nos libertará da falsa sensação de controle que temos da nossa vida, dos erros que sabemos que cometemos e não conseguimos para-los, dos erros que nem temos conhecimento que estamos praticando e do destino que espera a todos quantos não se ocupam de viver para e pelo Senhor!

Se estamos ouvindo e praticando o que foi ensinado através dos livros da Bíblia, então devemos estar vivendo uma vida de santificação e de frutificação no Espírito Santo. Se não, ainda estamos na religiosidade ou na ignorância da verdade de Cristo.

Jesus declarou que as pessoas erram porque não conhecem as escrituras e nem o poder de Deus. Por isso não conseguem discernir suas obras e nem viver no propósito certo.

Se desejamos conhecer a verdade e viver por ela, então precisamos conhecer a Cristo, pois ele mesmo é o verbo que desceu dos céus e estava com Deus desde o princípio!

Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade. João 17.17 ARA

Se desejamos usar um instrumento, uma máquina ou um aplicativo na sua plenitude precisamos ler o manual e aplicar as instruções ali contidas. O manual da vida humana é a Bíblia!!! Procuremos conhece-la!

Peçamos ao Espírito Santo que nos ensine enquanto a lemos. Afinal, a Bíblia é o único manual cujo autor está disponível para explicar passo a passo cada detalhe e a melhor forma de aplicar os ensinamentos nela contidos!

A verdade em Cristo é vida e liberdade!

Então, chegaram a Betsaida; e lhe trouxeram um cego, rogando-lhe que o tocasse. Jesus, tomando o cego pela mão, levou-o para fora da aldeia e, aplicando-lhe saliva aos olhos e impondo-lhe as mãos, perguntou-lhe: Vês alguma coisa? Este, recobrando a vista, respondeu: Vejo os homens, porque como árvores os vejo, andando. Então, novamente lhe pôs as mãos nos olhos, e ele, passando a ver claramente, ficou restabelecido; e tudo distinguia de modo perfeito. E mandou-o Jesus embora para casa, recomendando-lhe: Não entres na aldeia.
‭‭Marcos‬ ‭8:22-26‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/mrk.8.22-26.ara

Nos intriga esta passagem do Evangelho, pois Jesus trouxe para fora da aldeia o homem cego. Ora, não foram os da aldeia que o levaram até Jesus? Por que precisaria sair do meio deles?

Interpretações existem a respeito desta passagem, e não quero ser o dono da verdade sobre a que descreverei.

Há lugares que nos sugerem para aprendermos e crescermos com os novos conhecimentos, mas não suportarão a verdade quando aquilo que fazem for confrontado pela verdade!

É possível que aqueles que nos levaram a conhecer a Cristo não suportem as próprias revelações do Evangelho. A religiosidade cega a todos, pois ao invés de conhecerem a Cristo, apenas seguem preceitos humanos, doutrinas que não transformam as pessoas e trabalhos para apenas mostrar um orgulho e vaidade aos outros.

Na vida secular, dentro do ambiente de trabalho, isto também pode ocorrer. Alguém lhe paga um curso de especialização mas não quer introduzir as mudanças que você enxergou com os conhecimentos adquiridos.

Nem sempre, após termos um conhecimento novo, poderemos retornar para onde estávamos. Nem todos receberão positivamente uma luz sobre problemas e questões pessoais. Precisamos estar sensíveis ao ambiente, para que não venhamos a forçar uma mudança sobre quem não está preparado para ela.

Cristo é a verdade e traz mudança de vida. Importa conhece-lo, ainda que no imediato tenhamos de nos afastar do ambiente onde estamos. No tempo certo voltaremos, com a sabedoria e o amor de Deus, para que outros o conheçam e também sejam transformados!

A verdade de Cristo é vida. Sejamos livres pelo amor de Deus e amemos para que outros sejam também livres!

Cristo, o reconciliador!

Ele é antes de todas as coisas. Nele, tudo subsiste. Ele é a cabeça do corpo, da igreja. Ele é o princípio, o primogênito de entre os mortos, para em todas as coisas ter a primazia, porque aprouve a Deus que, nele, residisse toda a plenitude e que, havendo feito a paz pelo sangue da sua cruz, por meio dele, reconciliasse consigo mesmo todas as coisas, quer sobre a terra, quer nos céus.
‭‭Colossenses‬ ‭1:17-20‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/col.1.17-20.ara

Cristo é a cabeça da igreja, o princípio da graça de Deus para o homem e quem morreu por nós na cruz para que pudéssemos receber a salvação!

Como estávamos separados de Deus pelo pecado, não haveria oportunidade de reconciliação sem que nossas obras fossem perfeitas e justas. O problema é que não temos esta índole e nem perfeição! “A conta não fechava…”

Portanto, foi necessário vir Deus à terra para nos conduzir de volta a Ele, provendo reconciliação no Filho. Jesus veio como um embaixador para promover a paz entre Deus e os homens, para trazer uma Nova Aliança pelo próprio sangue!

Veio como Unigênito e subiu aos céus como Primogênito, para preparar lugar para os que crerem nele!

Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie. Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas.
‭‭Efésios‬ ‭2:8-10‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/eph.2.8-10.ara

Se cremos em Cristo então estamos reconciliados com Deus, sobre nós já não há condenação e a justiça de Deus está sobre nós. Pela reconciliação fomos justificados e agora devemos viver como libertos, filhos e servos do Deus altíssimo!

Creiamos na reconciliação a partir de Cristo Jesus! Ele reconciliou todas as coisas em si mesmo, pois foram feitas através dele. Pela fé viveremos em santificação! As obras são consequência da vida restaurada em Deus!

Não há condenação para quem está em Jesus Cristo!

Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus. Porque a lei do Espírito da vida, em Cristo Jesus, te livrou da lei do pecado e da morte. Porquanto o que fora impossível à lei, no que estava enferma pela carne, isso fez Deus enviando o seu próprio Filho em semelhança de carne pecaminosa e no tocante ao pecado; e, com efeito, condenou Deus, na carne, o pecado, a fim de que o preceito da lei se cumprisse em nós, que não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito.
‭‭Romanos‬ ‭8:1-4‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/rom.8.1-4.ara

Antes de fazer esta declaração Paulo estava demonstrando como o nosso desejo interior é fazer a vontade de Deus, mas nosso corpo tem outra vontade que é contra Deus.

Defendeu a dificuldade do homem vencer o corpo carnal que consente de que a lei de Deus é boa, pois mostra a nossa tendência à rebeldia sempre que nos opomos a ela.

Ao depositarmos nossa fé em Jesus Cristo passamos a ter mais força espiritual à ponto de conseguirmos subjugar a nossa carne, dizendo não a ela sempre que desejarmos.

Ora, se não tenho força para me opor a algo então não tenho liberdade de escolha. Se não consigo superar o deseja da minha carne sempre farei a vontade dela.

Cristo veio nos dar liberdade para decidirmos viver pela nossa carne ou pelo Espírito de Deus! Ao escolhermos o Espírito então esmagamos a carne e já não decidimos mais pelo pecado que a carne nos pede para realizar.

Portanto, não há condenação para quem reside em Cristo, pois não vive pecando, mas agora responde ao chamado de Deus e consegue fazer aquilo que seu íntimo deseja fazer!

Glórias a Deus que se revelou através de Jesus e nos capacita pelo Espírito Santo. Sem Deus não temos escolha além de continuarmos em eterna rebeldia contra Ele!

Precisamos de Jesus, ainda que não saibamos disso!

E aconteceu que, concluindo Jesus esses discursos, saiu da Galileia e dirigiu-se aos confins da Judeia, além do Jordão. E seguiram-no muitas gentes e curou-as ali.
‭‭Mateus‬ ‭19:1-2‬ ‭ARC‬‬
https://www.bible.com/212/mat.19.1-2.arc

Quando desejamos muito algo não fazemos de tudo para obtê-lo? Quando temos necessidades iremos buscar resolve-las a qualquer custo, não é verdade?

As pessoas estavam enfermas e com todo tipo de problemas. Ao saberem dos milagres que Jesus fazia em todos os lugares, curando todo tipo de doenças e expulsando demônios, iam atrás dele onde quer que ele fosse.

Jesus hoje está à direita de Deus. Como busca-lo aqui na terra? Como podemos alcança-lo? Como podemos nos achegar até ele para sermos curados e libertos?

Em primeiro lugar é importante lembrar que ele subiu aos céus para que o Espírito Santo fosse derramado sobre a terra. Assim, o Espírito Santo trabalha nos corações e mentes para que a nossa fé seja aumentada.

A fé em Jesus faz com que o busquemos. Crendo nele passamos a ter a presença constante do Espírito Santo que nos trará a sabedoria e nos conduzirá à participar do corpo de Cristo, a igreja.

Todo o que crê em Jesus tem poder para fazer obras espirituais segundo o dom que o Espírito Santo distribui. Todos podem orar para a cura de alguém e pela libertação, mas há pessoas com dom especial para isto.

A fé nos habilita a alcançarmos a Jesus Cristo e as bençãos espirituais separadas para nós. Respondendo, oremos com fé e peçamos a presença e a graça de Deus sobre as nossas vidas e daqueles com quem estamos.

Deus é poderoso para fazer, mesmo que estejamos longe da pessoa pela qual estamos orando. Um centurião romano pediu a Jesus que curasse o seu servo que estava longe, pois sabia da autoridade de Jesus que nem precisaria ir até lá, mas que apenas desse uma palavra para que o seu servo fosse curado. E assim foi feito! (Mateus 8:8)

O que estamos esperando para nos relacionarmos com Cristo? Se só ele tem palavras de vida eterna, como podemos ficar no mesmo lugar se ele está disponível a todos os que o buscam?

Só não vai até Jesus quem não confia que precisa dele, quem não acredita em suas palavras, quem não entende precisar de um salvador espiritual. Mas a verdade é que precisamos e ele está esperando por todos nós!

Que o Espírito Santo venha a nos mostrar a nossa condição espiritual e nos acenda o desejo da necessidade de estarmos buscando a Jesus, o Cristo, até que nos encontremos frente a frente com ele!

Onde o Espírito do Senhor está presente existe liberdade!

“Mas o véu pode ser tirado, como dizem as Escrituras Sagradas: “O véu de Moisés foi tirado quando ele se voltou para o Senhor.” Aqui a palavra “Senhor” quer dizer o Espírito. E onde o Espírito do Senhor está presente, aí existe liberdade. Portanto, todos nós, com o rosto descoberto, refletimos a glória que vem do Senhor. Essa glória vai ficando cada vez mais brilhante e vai nos tornando cada vez mais parecidos com o Senhor, que é o Espírito.”
‭‭2Coríntios‬ ‭3:16-18‬ ‭NTLH‬‬
https://www.bible.com/211/2co.3.16-18.ntlh

A Lei da antiga aliança, que foi entregue através de Moisés, deu ao homem entendimento sobre o que Deus considerou pecado e como o homem deveria proceder em relação ao pecado.

No entanto, como o homem tem a tendência ao pecado, não houve capacidade dele se salvar apenas conhecendo o seu erro perante Deus. Não houve liberdade, mas o peso do pecado veio sobre o entendimento do homem.

Pela fé em Cristo temos relacionamento com o Espírito Santo e somos transformados de dentro para fora, brilhando mais e mais, até que nos encontremos com Deus!

É neste relacionamento onde encontraremos a verdadeira liberdade espiritual. No Espírito Santo recebemos o poder de vivermos como a Lei dizia para vivermos. Na liberdade do Espírito conseguimos dizer não ao pecado que antes nos escravizava. Só há liberdade quando podemos escolher fazer o que é certo!

Somente no Espírito de Deus é que podemos ter o livre-arbítrio. Portanto, só podemos parecer com Deus quando nos relacionamos com Ele, conhecendo-o e sendo conhecidos pelo Pai!

Busquemos e perseveremos em buscar a face de Deus, pois através dEle estaremos sendo vivificados e libertos da nossa natureza. A letra da religião nos matará, porque mostrará os nossos erros e pecados, mas a vida com Cristo nos trará vida com abundância!

Vivamos com Cristo, por Cristo e em Cristo! Começa quando entendemos a sua obra redentora na cruz, para que pudéssemos não mais olhar para a Lei, mas para aquele que a cumpriu e deu a vida para que, novamente, pudéssemos ter acesso ao Pai!

Nele somos redimidos de nossos pecados e elevados a condição de livres e filhos de Deus! No Espírito temos liberdade! Quem conhece o Pai é o Filho e aqueles a quem o Filho mostrar o Pai, pelo Espírito Santo! Sejamos livres!!!