A salvação é completa em Cristo!

Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores. Logo, muito mais agora, sendo justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira. Porque, se nós, quando inimigos, fomos reconciliados com Deus mediante a morte do seu Filho, muito mais, estando já reconciliados, seremos salvos pela sua vida; e não apenas isto, mas também nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo, por intermédio de quem recebemos, agora, a reconciliação.
Romanos 5:8‭-‬11 ARA
https://bible.com/bible/1608/rom.5.8-11.ARA

Imaginemos um homem considerado mau, um estuprador assassino contumaz, corruptor de menores e viciado. Se tal pessoa fosse sentenciada à morte, o que seria mais fácil pensar? Que mereceu ou que Deus tenha misericórdia? Alguém trocaria de lugar com esta pessoa para que não morresse?

Pois bem, em algum grau somos como esta pessoa e Cristo morreu por nós sendo ainda pecadores, inimigos de Deus e irreconciliáveis a partir de nossa injustiça. Estes versículos nos mostram a grandeza da oferta da cruz de Cristo, um amor imerecido, pois ninguém é bom e não temos a pretensão de dar nossas vidas por quem acreditamos que não a mereça.

Mas, estes versos vão além. Nós dizem que agora, quando passamos a ser reconciliados com Deus a partir da morte de Cristo, teremos ainda maior cuidado pela sua vida! Ou seja, nossa reconciação veio por sua morte redentora e a permanência na nossa salvação depende da vida dele em nós  e não dá nossa própria! Portanto, a salvação é obra de Deus em nós, nos que crerem no Filho de Deus!

Muitos confiam nas obras para a salvação, sejam para adquirirem a salvação ou para permanecerem salvos, mas a verdade é que a obra redentora de Cristo é completa. Se Jesus não morresse na cruz para nos salvar não haveria o que fizéssemos para sermos salvos. Não há obra que façamos que mereça salvação!

Importa sabermos que Cristo fez a obra e agora pertencemos àquele que nos amou enquanto pecadores. Que amor é este? O amor de Deus, que agora também foi derramado sobre os que crêem em Jesus. Não se admire se sentir pena de alguém considerado mau, ou se desejar que seja salvo, pois está misericórdia vem através do Espírito Santo. Somente o Espírito pode tocar no coração entorpecido pelo pecado e, por isso, o evangelho precisa ser pregado.

Oremos pelo mundo caído, pois não há ninguém bom e sem Jesus não haveria reconciação. Quem recebeu a Cristo repasse o conhecimento do evangelho. Se isto não for feito, então não haverá esperança para a humanidade. Cristo conta com os seus discípulos para isto e faz parte do amor recebido do Pai no coração do convertido!

Ano 2#256