Qual o valor de uma vida para Deus? E para nós?

Então, formou o Senhor Deus ao homem do pó da terra e lhe soprou nas narinas o fôlego de vida, e o homem passou a ser alma vivente.
‭‭Gênesis‬ ‭2:7‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/gen.2.7.ara

Sempre pensamos em criar e construir coisas. Fomos criados a imagem e semelhança de Deus. Em nossas mentes criamos mundos e situações, ainda que não consigamos gera-las na vida real como Deus fez e faz!

Programadores de jogos eletrônicos criam cenários, enredos, seres eletrônicos de todos os tipos que obedecem a regras e padrões pre-estabelecidos, até que aprendam novos comportamentos em relação aos jogadores que se opõem ou colaboram nas tarefas dos jogos. Temos tentado estabelecer cópias de nós no mundo virtual, mas são muito aquém do que somos para Deus.

Nem de perto nossas criações possuem vida real ou tem o valor que temos, mas para o seu criador há toda a alegria de ver sua criação “vivendo” no mundo criado para ela. Outra grande diferença é que nossas cópias não possuem muitas diferenças entre si e acabam alcançando limitadas diferenças de comportamento nos computadores de cada jogador.

Deus nos criou com grande liberdade de expressão, adoração, alegria, funcionalidades, dons e toda a sorte de capacidades, ainda que acabemos por imitarmos uns aos outros e gerarmos comportamentos muito semelhantes em geral. Mas, a pior parte é que ainda não conseguimos valorizar a vida preciosa que temos. Por que digo isto? Por que, em geral, não nos importamos muito com o que está acontecendo fora das nossas vistas ou áreas de atuação. Não estamos comovidos com as milhares de mortes por pandemias ou fomes, e só culpamos governos e autoridades quando estas nos impactam diretamente.

Uma vida possui tudo o que o Criador idealizou e sua morte é a interrupção de infinitas possibilidades de transformação deste mundo. Indivíduos enfrentaram exércitos, descobriram vacinas, luz, comunicações, sistemas de transporte, arte, descreveram com palavras o mundo à nossa volta, registraram cenas que nos impactam até hoje, desbravaram novas fronteiras, mas também destruíram muitas vidas com suas vaidades e egoísmo.

E a nossa vida? Termina aqui ou há algo mais? Viveremos apenas para nós mesmos ou vivemos para expor nosso conteúdo guardado em nossos corações e mentes construídos pelo Criador? Iremos reclamar do cenário e nos atermos às limitações ou vamos buscar transformar o mundo à nossa volta para refletir o amor de Deus?

Quanto vale a nossa vida e a das outras pessoas?

Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
‭‭João‬ ‭3:16‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.3.16.ara

Deus se importa com a sua criação e nos enviou o seu Filho para que nos lembrássemos do nosso valor como indivíduos e como coletividade! Há muito mais a ser feito através de nossas vidas, mas valor só é dado quando se compreende quem somos e o que se espera de nós. Deus enviou Jesus para que todos que crerem nele se tornem filhos de Deus, como na origem do mundo, com o propósito de amarmos e transformarmos esta Terra!

Assim, que possamos conhecer o Filho e o Pai, que possamos enxergar o valor de uma vida e nunca mais iremos ignorar o sofrimento alheio. Uma vida vale muito diante de Deus e deve valer para nós também. Confiemos no amor de Deus e o pratiquemos. Fazendo assim estaremos exercendo nossa filiação e valorizando a criação do Senhor para todo o sempre!