Somos influenciadores ou consumidores de conteúdo por conveniência?

Vós sois o sal da terra; ora, se o sal vier a ser insípido, como lhe restaurar o sabor? Para nada mais presta senão para, lançado fora, ser pisado pelos homens. Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte; nem se acende uma candeia para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa. Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.
‭‭Mateus‬ ‭5:13-16‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/mat.5.13-16.ARA

Jesus chama os seus seguidores para serem sal da terra e luz do mundo! É gerar mudança de vida nas pessoas à nossa volta, dando o tempero e iluminando caminhos! É uma tarefa que hoje não é difícil de entender por causa do fenômeno dos “influenciadores de internet”. O influenciador é observado pelo que faz e fala nas redes sociais, compartilhando do que entende e gosta, sugerindo produtos e comportamentos, sendo até a fonte de receita financeira de muitos deles.

Ser um discípulo de Jesus é semelhante ao influenciador das redes sociais, mas com a diferença principal de que Jesus não é um produto a ser vendido e que não existe recompensa financeira para quem é bem sucedido, mas espiritual por levar muitas vidas a crerem no Senhor e salvador! Discipuladores também se parecem com os “treinadores pessoais” quando ajudam indivíduos a trabalharem seus valores Cristãos, mas o grande treinador é o Espírito Santo, sem o qual não conseguiremos alcançar os músculos do amor, da fé e de todo o Fruto do Espírito!

Mas, não se trata de treinar ou apontar o caminho, mas de fazê-lo a partir de nossa própria vida, da maneira como a vivemos. Ser discípulo e discipulador é um estilo de vida, porque cremos, confiamos e vivemos segundo o que Jesus nos ensinou por intermédio de sua palavra. É a palavra que se torna o nosso manual, que aponta o modelo e que é a referência absoluta para todo o nosso viver. Pessoas buscam alinhar suas vidas ao evangelho, conhecendo a Cristo por experimentação espiritual, recebendo ajuda de outros que possuem um pouco mais de experiência e que estão servindo ao reino de Deus.

Ser sal é dedicar-se a dar sabor à vida de outras pessoas, é ser instrumento para reduzir o desespero, aumentar a fé, suportar juntos o tempo da dor, mostrar o poder de Deus e servir de alimento para quem está precisando. Ser luz é estar ao lado, apontando o caminho para Jesus através de palavras de sabedoria, atos de graça e misericórdia, vivendo em amor ao próximo.

Importa estarmos sempre olhando para o mestre, pois assim poderemos entender seus princípios e explicar para outros, segui-lo e levar outros conosco, ser abençoado e abençoar, sermos amados e amarmos como Jesus nos ama! Ser Cristão é um estilo de vida, não é simplesmente participar de um templo em uma ou duas horas semanais, mas tornar-se como Jesus nos convida a sermos ao caminharmos com ele. Será glorioso quando adentrarmos os céus e enxergarmos a nossa semelhança, e isto começa aqui e agora!

Ano 2#185