Chegou a hora!

Depois de dizer essas coisas, Jesus levantou os olhos ao céu e disse: — Pai, é chegada a hora. Glorifica o teu Filho, para que o Filho glorifique a ti, assim como lhe deste autoridade sobre toda a humanidade, a fim de que ele conceda a vida eterna a todos os que lhe deste. E a vida eterna é esta: que conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.
João 17:1‭-‬3 NAA
https://bible.com/bible/1840/jhn.17.1-3.NAA

João registra a oração sacerdotal de Jesus e nos revela o propósito da cruz pelas próprias palavras do mestre. Cristo se autodeclara Filho de Deus, tendo autoridade sobre toda a humanidade e o poder de conceder a vida eterna a todos que lhe são dados. Como a fé é dom de Deus, crer em Jesus é um ato divino, pois Cristo só pode nascer no coração de quem o recebe. Assim como só nasce uma criança a partir de uma conjunção carnal deliberada, Cristo nasce no coração de alguém também de forma deliberada.

Ainda que pareça ser acidental que tenhamos conhecido o evangelho, ninguém prega a Cristo sem que haja a intenção de promover o Reino de Deus! A vida eterna começa quando conhecemos Jesus e continuará para sempre desta forma. Conhecer Deus é uma tarefa perene, sem fim, pois Ele É infinito, inigualável, indescritível, sendo necessário que busquemos nos aprofundar neste relacionamento.

Jesus também deixa claro que só há um único Deus e este é o seu Pai. A missão de Cristo é nos levar ao Pai através de sua morte e ressurreição, glorificando a Deus e redimindo a humanidade. Não há outro caminho e nem outro Deus ao qual devemos buscar. Ignorar isto é ignorar Cristo e sua missão, é crucifica-lo por ódio e preconceito, por ignorância e vaidade.

Jesus orou intercedendo para que pudéssemos crer e conhecer o Pai, para que o Reino de Deus fosse construído na graça e no amor divino, para que a humanidade finalmente seguisse o propósito original de sua criação. Não ser restaurado em Cristo é continuar na rebeldia em que o mundo se encontra, perpetuando a iniquidade e o mal.

Conhecer a Cristo é o caminho, permanecer longe dele é continuar seguindo para o inferno. Conhecê-lo nos torna participantes do projeto de edificação do Reino, pregando o evangelho por obras e palavras. Jesus orou por todos os que viriam a crer e intercedeu para que vivêssemos neste mundo sendo livres do mal ao nosso redor, mas também sendo libertos do mal que havia em nós. Em Cristo somos livres e afortunados por recebermos a salvação divina.

Se desejamos a vida eterna precisamos de Cristo. Conhecê-lo é o que de melhor pode acontecer na vida de alguém e ignorá-lo é o pior. Ao fecharmos os olhos nesta terra haverá apenas dois caminhos e só seguirá para o Pai quem conheceu o Filho. Tristeza é não poder seguir o caminho da salvação e terrível será não conhecer o autor da vida e nem ser iluminado e alimentado em Sua presença. Que possamos usufruir desta oração maravilhosa que nos apresenta o amor e a graça, misericórdia infinita de Deus que também fará justiça contra o pecador!

Ano 2#344