Jesus é vida!

A Lei e os Profetas vigoraram até João; desde esse tempo, vem sendo anunciado o evangelho do reino de Deus, e todo homem se esforça por entrar nele. E é mais fácil passar o céu e a terra do que cair um til sequer da Lei.
‭‭Lucas‬ ‭16:16-17‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/luk.16.16-17.ara

Jesus fez separação de alianças e determinou que o Velho Testamento vigorou até o ministério de João Batista. Com a explanação do Evangelho da Graça e sacrifício de Jesus como Cordeiro de Deus iniciou-se o Novo Testamento. Ainda assim, como a Lei apontava para Cristo, seus ensinos não devem ser desconsiderados. Erra quem anula o ensino ali contido quando expressa que agora é o tempo da graça e a Lei não gera nenhuma implicação para nós.

Ora, os Dez Mandamentos servem como balizamento moral em qualquer tempo. Jesus cumpriu o Sábado e todos os demais itens são ensinados pelo Espírito Santo para que vivamos naturalmente os mandamentos, sem religiosidade ou desespero. Continuamos aprendendo que não se deve matar, mas agora isto inclui até odiar! Aprendemos que não se deve cometer adultério, mas agora isto já é considerado quando olhamos para uma pessoa com desejos sexuais. A Lei não caiu e ainda ficou mais difícil se observarmos estas coisas!

Por isso o esforço de entrar no reino dos céus, pois o caminho de Cristo exige um ajudador, o Espírito Santo, que nos capacita a todo tempo. Salvos somos através de Cristo e salvos permanecemos no seu caminho. Santificação é o esforço pessoal em aprender e atender ao Espírito Santo a cada dia.

Deus é santo e seus filhos também. Agora justificados e santificados em Cristo devemos nos desenvolver plenamente até sermos como Cristo é. Precisamos abrir nossos corações e olharmos para as pessoas. Jesus sentia compaixão por todos que iam até ele e os curava, libertava e confortava. O que ele nos pede é que façamos o mesmo. Cada um na sua esfera de influência e com os dons distribuídos. A igreja, portanto, alcança a muitos e deve possuir todos os dons complementados por seus membros.

A beleza do evangelho ê saber que podemos ajudar segundo o que alcançamos, mas também entendermos que devemos ajudar porque é isto que o Senhor espera de nós. Imaginemos um hospital durante a pandemia. Médicos e enfermeiros estão fazendo de tudo para salvar vidas, não é mesmo? E se entendermos que o pecado proveniente da falta de fé e temor a Deus foi a primeira e pior doença que afeta a humanidade e que a igreja é também constituída por médicos e enfermeiros espirituais?

Não podemos parar a obra de Deus nos corações. Todos os dias, milhões de pessoas morrem em seus pecados e o ensino que começou na Lei e fortalecido em Jesus é que o pecado gera morte espiritual e que a permanência nele nos levará ao inferno. Todos os dias o pecado sufoca as vidas que estão desesperadas para alcançar o céu. Jesus é o único protocolo existente, anunciado deste o Velho Testamento e também nos libertará deste vírus mortal do pecado.

Como ensina um grande pregador de Deus, inferno é o final da vida de quem morreu sem Jesus Cristo!