Ao invés de combater pessoas, devemos buscar a nossa transformação espiritual.

Desde aquele dia, resolveram matá-lo. De sorte que Jesus já não andava publicamente entre os judeus, mas retirou-se para uma região vizinha ao deserto, para uma cidade chamada Efraim; e ali permaneceu com os discípulos.
‭‭João‬ ‭11:53-54‬ ‭ARA‬‬
https://www.bible.com/1608/jhn.11.53-54.ara

Jesus evitava locais onde a sua jornada poderia trazer confrontos com os líderes que desejavam mata-lo. Poderia ter feito uso do sobrenatural, mas isso não traria benefício.

Se o fizesse, daria motivos para o povo torna-lo rei e desejar que os livrasse dos Romanos. Não era este o propósito, mas de trazer libertação dos nossos próprios pecados!

O uso da força causa na humanidade o desejo de se impor contra os opositores. A luta do Cristão não é contra as pessoas, mas contra as forças invisíveis do mal. A batalha do servo de Deus é contra as hostes de Satanás que influencia os homens e mulheres que desejam ter poder na carne.

Combates espirituais são resolvidos com jejuns e orações em busca de termos uma vida santa e transformadora, capaz de influenciar outras pessoas a seguirem pelo mesmo caminho.

Sem o Espírito Santo não há como influenciar o espírito de ninguém, mas apenas a razão humana. Ora, a razão pode até trazer alguma mudança, mas será em religiosidade porque não se traduz em vida espiritual com Deus!

Adorar é buscar intimidade espiritual com Deus, não é estabelecer uma rotina religiosa. Rotina é bom, mas se não nos levar à comunhão no Espírito não terá proveito para nós.

Jesus levou seus discípulos com ele e os ensinou em todo tempo, mostrando-lhes as obras de Deus. Um deles não enxergou o verdadeiro valor e não foi transformado. Judas traiu porque viveu pela razão e isto acontecerá com todos os que assim fizerem com o Evangelho.

É tempo de arrependimento e busca espiritual. O mundo deseja matar a nossa fé e não temos que lutar contra as pessoas que não entendem os valores Cristãos. Precisamos é viver para Deus e influenciarmos o mundo com a fé que gera amor em nossos corações!