Inícios são importantes!

Princípio do evangelho de Jesus Cristo, Filho de Deus. Conforme está escrito na profecia de Isaías: Eis aí envio diante da tua face o meu mensageiro, o qual preparará o teu caminho; voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas; apareceu João Batista no deserto, pregando batismo de arrependimento para remissão de pecados. Saíam a ter com ele toda a província da Judeia e todos os habitantes de Jerusalém; e, confessando os seus pecados, eram batizados por ele no rio Jordão.
‭‭Marcos‬ ‭1:1-5‬ ‭ARA‬‬
https://bible.com/bible/1608/mrk.1.1-5.ARA

O evangelista João Marcos era um dos que andaram com Jesus e foi testemunha ocular de muitos fatos por ele narrados neste evangelho. Ele começa a descrição da narrativa declarando que Jesus Cristo é o Filho de Deus e este é o evangelho de Cristo e não o do próprio Marcos.

Importante é que Marcos vai diretamente ao ponto onde o evangelho começa na vida das pessoas, quando elas enxergam seus pecados e se arrependem deles, buscando arrependimento e perdão, batizando-se para testemunharem a nova vida que decidiram viver, segundo a vontade de Deus e não mais as suas próprias.

Evangelho é mudança de atitude, arrependimento, conversão, perdão de pecados e testemunho da mudança de atitude que estamos estabelecendo por causa da nossa percepção de estarmos indo contra a direção de Deus para as nossas vidas. Portanto, sem entendermos os planos de Deus não teremos percepção de quão longe deles estamos e da necessidade de arrependimento e conversão.

O evangelho de Marcos é o menor de todos, sendo um resumo, indo direto ao ponto, não pretendendo confirmar as escrituras do Antigo Testamento como faz o evangelho de Mateus e nem uma explicação mais detalhada para um público crítico como fez o evangelista Lucas. Marcos escreve para os romanos que precisavam conhecer a Cristo e se tornou a base para que os outros evangelhos fossem escritos.

Ainda que Marcos não tenha se preocupado com informar sobre o nascimento de Jesus, estabeleceu a ordem dos fatos de seu ministério terreno, imprimindo ao conjunto uma estrutura suficiente para podermos enxergar a glória e o poder do Senhor em nosso meio! Marcos aponta o início do ministério de Jesus a partir do seu encontro com João Batista, aquele que o antecedeu para preparar os corações para o que Cristo veio fazer, dar o poder da salvação e santificação aos arrependidos!

Sem arrependimento pelos pecados não temos necessidade de perdão e nem salvação! Sem nos confrontarmos com a lei de que estou errado no meu procedimento não terei motivos para deixar de fazer o que faço. Sem reconhecer que fui pego cometendo um delito não sentirei vergonha e nem buscarei me retratar se tal situação não gerar constrangimento em mim.

Deus a tudo vê e tudo sabe. Se não me envergonhar de errar contra Ele é porque não temo o Seu julgamento ou Sua opinião, ou mesmo não considero Sua existência. Mas, se para mim há um Deus que nos entregou um caminho a seguir, uma forma de viver entre as pessoas e eu não a sigo porque desejo fazer do meu jeito, cedo ou tarde vou perceber que estou magoando pessoas e caminhando para a minha destruição. Nossos caminhos são de morte quando não vivemos pelos de Deus!

Alguns encontram O caminho bem cedo, outros tarde e há os que encontram bem mais tarde! Importa entrar neste caminho e permanecer nele. O caminho é estreito e nos custará permanecer nele, pois teremos de deixar para trás algumas coisas que julgávamos importante, mas tornam-se irrelevantes quando olhamos para o destino final. De que adianta carregar o que não me ajuda a chegar no destino? Estas decisões diárias são parte importante de nossas vidas. Levemos conosco o amor, o perdão, as amizades e deixemos o ódio e o pecado para trás! Este é o arrependimento que nos trará vida em Cristo!

Sejamos batizados não só no arrependimento, mas também no Espírito Santo, para que sejamos ousados e tenhamos autoridade espiritual para impactarmos este mundo. Buscar poder sem arrependimento é querer ter poder sem entendimento. Por isso o evangelho começa onde nos dói mais, em nossa vaidade e ignorância. Sejamos humildes e busquemos arrependimento. Assim, quando buscarmos os dons espirituais estaremos aptos a usa-los da maneira e com a motivação certa!

Ano 2#162